Novos indícios reforçam ligação entre Geddel e dinheiro achado em apartamento na Bahia

Do G1 – Novos indícios reforçam a ligação entre o ex-ministro de Temer, Geddel Viera Lima, do PMDB, com a fortuna escondida em um apartamento localizado no bairro da Graça, em Salvador. Segundo o Jornal O Globo, a Polícia Federal reuniu quatro provas novas.

As impressões digitais de Geddel foram econtradas no próprio dinheiro, uma outra testemunha confirmou que o espaço tinha sido cedido ao ex-ministro, e uma segunda pessoa é suspeita de ajudar Geddel na destinação das caixas e das malas de dinheiro. Além disso, a PF identificou risco de fuga, depois da divulgação da apreensão do dinheiro.

O G1 tentou falar com a defesa do ex-ministro, mas, até a publicação desta reportagem não conseguiu contato.

Na quarta-feira (6), a Polícia Federal informou que o dono do apartamento onde a fortuna foi encontrada se apresentou à PF e, em depoimento,afirmou que havia emprestado o imóvel a Geddel para que o ex-ministro guardasse pertences do pai, que morreu no ano passado.



PF contou mais de R$ 51 milhões apreendido em apartamento em Salvador (BA)

Dinheiro apreendido em apartamento foi contado pel PF

Terminou no final da noite desta terça-feira (5) a contagem do dinheiro encontrado de manhã, pela Polícia Federal (PF), num apartamento em área nobre de Salvador, imóvel que seria usado pelo ex-ministro Geddel Vieira Lima. O valor total do dinheiro é de pouco mais de R$ 51 milhões (R$ 51.030.866,40) – uma parte em dólares. A PF usou sete máquinas e levou o dia inteiro para finalizar a contagem.

A PF informou que a quantia localizada representa a maior apreensão de dinheiro vivo já feita pelo órgão. Um vídeo divulgado pela PF mostra a contagem das cédulas.

A ação de busca e apreensão, chamada de Tesouro Perdido, é um desdobramento das investigações sobre fraudes na liberação de créditos da Caixa Econômica Federal, a operação Cui Bono. Geddel foi vice-presidente de Pessoa Jurídica do banco entre 2011 e 2013, durante o governo de Dilma Rousseff. No governo Temer, ele foi ministro da Secretaria de Governo.



Lobão disse que dinheiro da Prátika foi usado para a locação de carros de som

O vereador disse ao Blog Sidney Silva no final da manhã desta quarta-feira (21), que o dono da Prátika Locação de Equipamentos LTDA., Fred Queiroz, esteve em Caicó em 2014 e ofereceu os valores citados pelo MPF na denúncia contra Henrique Alves, para a locação de carros de som.

Segundo ele, os carros foram locados e a prestação de contas foi feita. “Eu não tenho porque mentir. Não recebi propina. Os carros foram alugados e rodaram na reta final da campanha“, disse.



MPF diz que políticos seridoenses receberam dinheiro de Henrique em 2014

O Ministério Público Federal, na denúncia ofertada contra Henrique Eduardo Alves, Eduardo Cunha e outras pessoas, afirma que os dados bancários obtidos revelam que a empresa PRATIKA LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS LTDA. serviu como instrumento para compra de apoio político para Henrique Eduardo Lyra Alves na campanha ao Governo do Rio Grande do Norte em 2014.

Sob o pretexto de prestar serviços de “militância e mobilização de rua”, a empresa recebeu valores que, posteriormente, serviram na realidade para pagar políticos e pessoas politicamente relacionadas no Rio Grande do Norte, em troca do apoio ao candidato.

Entre os nomes citados pelo MPF estão o do vereador caicoense, Lobão e do prefeito de Caicó, Robson Araújo (Batata).

O vereador Lobão Filho teria recebido R$ 30.300,00 e o prefeito Batata, R$ 20.000,00.



À Justiça, Henrique Alves diz desconhecer US$ 833 mil depositados em conta na Suíça

Henrique Alves diz não saber sobre dinheiro depositado em conta na Suíça – (Foto: Valter Campanato/ABr)

Do G1 – Suspeito de envolvimento no esquema de corrupção investigado pela Operação Lava Jato, o ex-ministro do Turismo e ex-presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) afirmou em defesa apresentada à Justiça Federal de Brasília que terceiros depositaram e movimentaram, sem o conhecimento dele, US$ 832.975,98 (correspondente a R$ 2,5 milhões) em uma conta bancária na Suíça.

Alves admite ser o “beneficiário” dessa conta. Segundo o Ministério Público, isso significa que o ex-ministro é o titular da conta.

Segundo as investigações da Lava Jato, o dinheiro foi depositado em três datas, entre outubro e dezembro de 2011.

Alves disse que utilizou um escritório de advocacia do Uruguai para abrir a conta bancária na Suíça em 2008.

Henrique Alves pediu demissão do Ministério do Turismo em junho do ano passado após ser citado no acordo de delação premiada do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado como beneficiário de propina.

O ex-presidente da Câmara foi denunciado pela Procuradoria Geral da República (PGR) pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro em razão de conta atribuída a ele na Suíça.

Segundo a PGR, o dinheiro era suborno recebido da Carioca Engenharia com objetivo de que recursos públicos fossem liberados. Depois que Alves perdeu o foro privilegiado, o caso foi encaminhado para Justiça Federal de Brasília.

Os advogados do ex-ministro do Turismo apresentaram defesa por conta da denúncia. De acordo com os defensores, “a utilização indevida da citada conta bancária e os depósitos mencionados jamais foram de conhecimento do acusado”.



Gtor e RP apreendem drogas, dinheiro e arma de fogo com dois jovens em Caicó

Droga e dinheiro apreendidos pela Polícia – (FOTO: Divulgação: PM/RN)

Policiais militares da Rádio Patrulha e do Getor, lotados no 6º BPM e no 3º DPRE, apreenderam em Caicó, na noite deste domingo(26), em poder de dois jovens, 109 comprimidos de Ecstasy, pouco mais de 2 mil reais, certa quantidade de cocaína, uma nota de Euro, uma pistola .40 e uma caminhonete.

A abordagem aconteceu na Rua Padre João Maria, nas imediações do Educandário Santa Terezinha, região central da cidade de Caicó.

O material apreendido estava em poder dos jovens em um deles se diz filho de um coronel da Polícia Militar do Rio Grande do Norte.

Os policiais conduziram a ocorrência para a Delegacia de Polícia aonde está sendo feita averiguação no carro e ainda o registro do flagrante.



Casal com carro do RN é preso com dinheiro roubado em ação integrada de polícias na Paraíba

Ação das polícias resultou na prisão de assaltantes de bancos

Uma dupla suspeita de compor  quadrilha  de assaltantes de banco foi presa na noite de ontem na BR-101 pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na unidade operacional de Mamanguape. Um homem e uma mulher que seguiam de Pernambuco para Rio Grande do Norte foram interceptados com grande quantidade de cédulas de dinheiro ocultas em compartimentos do veículo em que viajavam.

Uma equipe de agentes da PRFs realizavam trabalhos de policiamento na rodovia quando abordaram um veículo Toyta Etios com placas de Natal (RN). A fiscalização seguia normalmente até que a dupla demonstrou nervosismo e contradições em suas respostas. Indagados pelo motivo da viagem, a mulher afirmou ter ido ao Recife para visitar o esposo que havia sido preso, segundo ela por por uso de documento falso e carro clonado.

Em revista ao interior do veículo, os policiais encontraram grande quantidade de cédulas ocultas em compartimento do veículo que fica entre lataria e o forro interno. Foi encontrada, ao todo, a quantia de R$ 3.900,00 em notas “novas”  distribuídas em 1.030 cédulas de dinheiro em moeda nacional.

Após a abordagem houve a integração e a união de esforços entre a PRF e as Polícias Civis da Paraíba e Pernambuco para solucionar o crime. Com a integração entre as forças, descobriu-se que o dinheiro encontrado era proveniente de um roubo a banco na madrugada do último dia 3 em Porto de Galinhas, litoral Sul pernambucano.

Na realidade, o esposo da mulher abordada, foi preso em flagrante, junto a mais dois suspeitos, na Zona Sul do Recife transportando dois fuzis, munição e pistola e o homem é  considerado um dos maiores assaltantes de banco do país.

A prisão do trio ocorrida na capital pernambucana no último dia 7,  foi resultado de uma ação ocorrida próximo a um lava jato, quando agentes da PRF em Pernambuco perceberam uma movimentação suspeita no local. Após consultarem algumas placas nos sistemas policiais, foi constatado que um deles tinha placa clonada. Com o apoio da Polícia Civil e Militar local, os homens que ainda tentaram fugir foram abordados e grande arsenal foi apreendido.

O casal preso em Mamanguape, o dinheiro e o veículo foram encaminhados para a Polícia Civil e se condenados responderão pelo crime de Associação Criminosa e Receptação.



Adolescente é apreendido com drogas em Parelhas

Drogas e dinheiro foram apreendidos com adolescente em Parelhas

O Blog de Marcos Silva desta que na tarde deste Sábado (04), a Polícia Militar de Parelhas, conseguiu apreender drogas. A ação foi registrada na Rua Ana Macedo, no Bairro Cruz do Monte.

Os policiais apreenderam cinco trouxinhas de maconha, cerca de vinte pedras crack, R$ 72,00 em dinheiro fracionado e uma certa quantidade de cocaína. Na ocasião, um adolescente de 16 anos foi conduzido para a Delegacia em Caicó junto com o material apreendido.