Vacinação contra gripe: 1.068 crianças ainda não se vacinaram em Caicó

Campanha de vacinação contra a gripe termina na sexta – (Foto: Semuc/Andrezza Mariot/Divulgação)

A campanha de vacinação contra a gripe segue até a próxima sexta-feira (22) e em Caicó, faltam imunizar 1.068 crianças. Ou seja, foram vacinadas 2.399 (69,20%) das 3.467 que eram meta.

Outro público alvo da campanha que os profissionais de saúde tiveram dificuldade foi a população idosa, mas, na reta final, em Caicó, foram imunizados, 7.497, ou 95,81% da meta que era de 7.825.

Os outros dados são os seguintes:

Professores, foram vacinados, 921 (97,36%). A meta era 946

Puérperas, foram vacinadas, 98 (113,95%). A meta era 86

Gestantes, foram vacinadas, 468 (89,31). A meta era 524

Trab. de Saúde, foram vacinados, 1.501 (107,75%). A meta era 1.393

Os dados são da Secretaria de Saúde do Município de Caicó.



Termina na sexta (15) vacinação contra Influenza para os grupos prioritários

A campanha de vacinação contra a Influenza, iniciada em 23 de abril, segue até o próximo dia 15 de junho em todos os postos de vacinação do Rio Grande do Norte. Até o momento o estado aplicou 750.330 mil doses, o que corresponde a uma cobertura vacinal de 81,8% do público alvo. O estado se encontra em quarto lugar no Nordeste e décimo segundo do país em números de cobertura vacinal.

Continue lendo



Diocese de Caicó orienta católicos com medidas de prevenção contra a gripe nas celebrações

Fiéis devem evitar apertar as mãos nas celebrações

Por causa dos casos de gripe e dos casos de H1N1, H3N2 e a Influenza B e em comunhão com a Arquidiocese de Natal e Diocese de Mossoró, que já fizeram orientações aos católicos, o Bispo Diocesano de Caicó, Dom Antônio Carlos Cruz Santos, emitiu uma nota na tarde desta quinta-feira (16), informando que solicitou às paróquias que tomem temporariamente às seguintes providências:

Evitar o aperto de mão durante a acolhia aos fiéis

Não dar às mãos ao rezar o Pai-Nosso

Omitir o abraço da paz

Distribuir a comunhão somente sob uma espécie e diretamente nas mãos

Na mesma nota, são acrescentada as medidas de prevenção emitidas pela Secretaria de Saúde do Estado do Rio Grande do Norte.



ATENÇÃO: Caicó retoma vacinação contra a gripe nesta quinta

Campanha de vacinação será retomada em Caicó nesta quinta

A coordenadora de promoção de saúde da Secretaria de Saúde de Caicó, Lizy Carol, confirmou ao Blog Sidney Silva que às doses da vacina contra H1N1, H2N3 e Influenza B, que estavam faltando, chegaram. “Uma nova remessa chegou à Caicó nesta quarta-feira (16) e nesta quinta, a gente vai reabastecer as unidades básicas de saúde da cidade para dar continuidade a campanha de vacinação nesta quinta“, disse ela.

A campanha é toda coordenada pelo Ministério da Saúde. É o ente federal quem faz o repasse das doses para os estados e as Secretarias Estaduais de Saúde para os municípios.



Em Caicó, 34,35% da população alvo da campanha foi vacinada

A campanha de vacinação contra as gripes H1N1, N2N3 e Influenza B, termina nos próximos 18 dias e em Caicó, só foram vacinados 34,35% da meta total que é de 18.406 pessoas. Ou seja, até agora foram vacinadas 6.322 pessoas.

As informações são da Secretaria de Saúde de Caicó.

Confiram o quadro parcial de vacinação nas unidades de saúde de Caicó.

Crianças –  a meta é 3.467, e foram vacinadas 958 – 27,63%

Trabalhadores de Saúde – a meta é 1.393, e foram vacinados 942 – 67,62%

Gestantes – a meta é 524, e foram vacinadas 276 – 52,67%

Puérperas – a meta é 86, e foram vacinadas 67 – 77,91%

Idosos – a meta é 7.825, e foram vacinadas 3.625 – 46,33%

Professores – a meta é 946, e foram vacinados 454 – 47,99%



Dia D de vacinação contra a gripe será neste sábado em todo o país

Dia D de-vacinação acontece neste sábado

Postos de saúde em todo o país funcionam neste sábado (12) para o chamado Dia D de mobilização contra a gripe. Devem ser imunizados idosos a partir de 60 anos, crianças de 6 meses a 5 anos incompletos, trabalhadores da saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional.

Pessoas com doenças crônicas e outras condições clínicas especiais também devem ser imunizadas. Neste caso, é preciso apresentar uma prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle de doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) devem procurar os postos em que estão registrados para receber a dose, sem necessidade de prescrição médica.

A imunização começou no dia 23 de abril e vai até 1º de junho. A expectativa do Ministério da Saúde é vacinar 54,4 milhões de pessoas que integram os grupos prioritários. Durante a campanha, serão distribuídas cerca de 60 milhões de doses que, este ano, protegem contra três vírus do tipo influenza, incluindo o H1N1 e o H3N2.



Em Caicó, meta é vacinar 18.406 pessoas; Veja números parciais de imunização

Vacinação deve ser retomada em Caicó nos próximos dias

A Secretaria Municipal de Saúde vai realizar no próximo sábado (12), o Dia “D” de imunização contra a gripe. É a data em que o Ministério da Saúde, confirmou que todas as unidades estarão com a vacina disponível.

Em Caicó, já falta em praticamente todas as unidades, com exceção dos bairros João Paulo II, Paulo VI e Vila do Príncipe. Nas demais, o estaque zerou.

O Ministério da Saúde, só enviou 35% da cota de vacina contra a gripe, prevista para Caicó. Mas, uma nova remessa deve chegar até a quinta-feira.

O Blog recebeu da coordenadora de promoção de saúde, Lizy Carol, os números de vacinados em Caicó, até o dia 04 de abril. Os dados a baixo, mostram também a meta a ser atingida.

Confira:

  • Crianças – 319 (9,20%) e a meta é vacinar, 3.467
  • Gestantes – 141 (26,91%) e a meta é vacinar, 524
  • Profissionais da Saúde – 544 (39,05%) e a meta é vacinar, 1.393
  • Puérperas – 20 (23,26%) e a meta é vacinar, 86
  • Idosos – 1.795 (22,94%) e a meta é vacinar, 7.825
  • Professores – 196 (20,72%) e a meta é vacinar, 946
  • O total da meta a ser atingida é de 18.406 pessoas vacinadas, inseridas nos grupos prioritários.


Ministério da Saúde atrasa repasse de vacina contra gripe e postos ficam desabastecidos em Caicó

Vacina contra a gripe começa a faltar em Caicó

A Secretaria de Saúde de Caicó, informou na manhã desta segunda-feira (07), que praticamente, todas as unidades de saúde, estão desabastecidas de vacinas contra a gripe. O problema é que o Ministério da Saúde, atrasou o repasse para os estados.

A coordenadora de promoção de saúde, Lizy Carol, disse ao Blog que a previsão é que uma remessa da vacina chegue entre quarta e quinta-feira desta semana. “Ainda temos vacinas em algumas unidade de nossa cidade, mas, outras já estão totalmente desabastecidas. Uma nova remessa de vacinas deve chegar esta semana e nós estamos orientado a população alvo da campanha que procure os postos de vacinação, no sábado”, disse.

O sábado, dia 12 de maio, é o dia de D de vacinação e todas as unidades estarão mobilizadas para dar vazão a demanda pendente.

O problema não acontece só em Caicó. Em várias cidades do estado, está faltando a vacina.



Palestra na UFRN esclarece dúvidas sobre vírus da gripe

Esclarecimentos sobre o vírus Influenza, causador da gripe, irão compor a palestra realizada na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) nesta terça-feira, 8, às 14h30, no Auditório da Reitoria. O professor do Departamento de Infectologia da UFRN e diretor técnico do Hospital Giselda Trigueiro, André Prudente, ministrará o momento aberto à comunidade em geral, que pode tirar dúvidas acerca dos tipos de gripe, formas de transmissão e prevenção.

A palestra é de iniciativa da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp), por meio da Diretoria de Atenção à Saúde do Servidor (DAS), e tem como público-alvo todas as pessoas que convivem na universidade, como forma de auxiliá-las no cuidado com a saúde neste período em que aumentam os casos de gripe na população.



Entrevista: Coordenadora de Promoção de Saúde de Caicó explica detalhes da campanha de vacinação

A campanha de vacinação contra a gripe teve início nesta semana e em Caicó, os postos de saúde estão funcionando até em horários alternativos para atender a população alvo da campanha.

A coordenadora de promoção de saúde da Secretaria de Saúde de Caicó, Lizy Carol, contou em entrevista na Rádio Caicó, que a meta é vacinar 87% dos grupos prioritários.

Assista a entrevista:




Butantan inicia fabricação de 60 milhões de vacinas contra gripe para 2018

Butantan inicia fabricação de 60 milhões de vacinas contra gripe para 2018-
(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

Agência Brasil – O Instituto Butantan iniciou nesta semana a fabricação das 60 milhões de doses de vacina contra a gripe que serão usadas na campanha do Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde em 2018. Com investimento de R$ 5 milhões, o instituto irá fornecer 15 milhões de doses a mais do que no ano passado.

O início da produção neste ano está ocorrendo concomitante à divulgação das cepas do vírus que estão mais circulantes, feita anualmente pela Organização Mundial da Saúde (OMS). “Esse investimento possibilitou aumentar a produção, garantindo segurança e agilidade nos processos produtivos e, posteriormente, na entrega das doses ao Ministério da Saúde”, disse o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas.

Em 2016, em 10 meses, o instituto conseguiu produzir 45 milhões de doses. Já em 2017, serão 60 milhões de doses em oito meses de produção. Segundo o Butantan, será necessário o trabalho de 500 funcionários, de setembro até maio de 2018, para a produção de todas as doses.



Vacina contra a gripe será estendida para toda a população, a partir desta segunda

Ministério da Saúde expanda vacinação contra a gripe para toda a população

O Ministério da Saúde decidiu disponibilizar a vacina contra a gripe a toda a população. Estados e municípios serão orientados a ofertar a vacina para todas as faixas etárias, a partir da próxima segunda-feira (5), enquanto durarem os estoques. A medida só é válida neste ano e foi adotada porque ainda há um estoque disponível de 10 milhões.

Até esta sexta-feira (2), 41,3 milhões de pessoas do público-alvo se vacinou contra a gripe no país. O Amapá é o único estado que atingiu a meta até este momento, com 95,6% do público-alvo vacinado. A campanha foi prorrogada para até o dia 9 de junho com o intuito de alcançar a meta de vacinação que, neste ano, é de 90%.

A campanha publicitária, que tem como padrinho o sambista Martinho da Vila, continua sendo veiculada em TV aberta, rádio, nos meios impresso (jornais e revistas), mídia exterior (busdoor, placas em ruas e avenidas, abrigo de ônibus, metrô), no meio online (internet e com ações nas redes sociais). Até esta sexta-feira (2), foram vacinados 41,3 milhões de brasileiros. Esse total considera todos os grupos com indicação para a vacina, incluindo população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas com comorbidades. A população prioritária desta campanha, que não considera esses grupos, é de 54,2 milhões de pessoas. Desse total, 76,7% foram vacinados.

Continue lendo