Com problemas estruturais, lavanderia pública de Caicó deve ser interditada

A lavanderia pública localizada no bairro Paraíba, em Caicó, deve ser interditada imediatamente. É o que recomenda a 3ª Promotoria de Justiça daquela comarca, embasada nos relatórios de vistoria elaborados pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio Grande do Norte (Crea/RN) nos anos 2012 e 2017 e que detectaram graves problemas estruturais no prédio.

No ano de 2012, o Crea/RN já  sugeria a interdição da lavanderia pública face ao risco de desabamento do reservatório elevado. Em 2015, o então Secretário Municipal de Infraestrutura e Serviços Urbanos de Caicó informou que estavam sendo adotadas medidas paliativas de forma a atender as questões de segurança e funcionalidade das lavanderias públicas da cidade.

Mas de acordo com o recente relatório de vistoria, com registros fotográficos fornecidos pelo Crea/RN ao Ministério Público do RN, datado de 11 de setembro de 2017, indicam que as mesmas deficiências apontadas na vistoria anterior ainda perduram.

O documento ministerial, direcionado ao prefeito Robson de Araújo, adverte que o funcionamento do mencionado imóvel só deve ser restabelecido após nova vistoria, a ser realizada pelo Crea/RN, para verificar se foram feitas as reformas necessárias no local.

Confira aqui a íntegra da recomendação.