Aumenta o volume de água no leito do Rio em Jardim de Piranhas

Água no leito do Rio Piranhas aumentou o volume nos últimos dias – (FOTO: Alex Maia)

O leito do Rio Piranhas em Jardim de Piranhas aumentou seu volume de água por causa das chuvas registradas no estado vizinho da Paraíba, inclusive, já houve o transbordo na sacaria feita nas imediações do ponto de capitação da adutora Manoel Torres. Isso deve ensejar o funcionamento de outras bombas de sucção. Hoje, apenas uma delas está ligada para abastecer a cidade de Caicó.

Desde semana passada que a população de Jardim de Piranhas é abastecida pela adutora que capta água no leito do rio.



Ambientalista está preocupado com árvores no leito do Rio Seridó

Ambientalista preocupado com árvores no leito do Rio Seridó – (Foto: Sidney Silva)

O ambientalista, Francisco Elpídio, está preocupado com a quantidade de árvores do tipo algarobas existentes no leito do Rio Seridó, que passa por dentro da cidade de Caicó, inclusive, o Complexo Ilha de Sant’Ana, foi construído em seu leito.

As árvores, segundo Elpídeo, existem em uma quantidade muito grande e poderá causar problemas graves quando voltar a chover e ocorrer  cheia do rio. “Os pés-de-Algarobas, serão levados pelas águas e poderão prejudicar determinados lugares como às casas que foram construídas no leito do rio. As casas, existem aos montes. As pessoas estão construindo cada vez mais dentro do rio. Certamente eles acham que o rio não vai mais botar água, pois estão enganados“, disse em entrevista ao programa Comando Geral da Rádio Caicó.

O ambientalista chama a atenção dos gestores para que tomem uma providência e façam a retirada das árvores do leito do Rio Seridó.