PF prende em Natal dois homens com Skunk, LSD e Ecstasy

A Polícia Federal prendeu no início da tarde deste sábado, (18), em Ponta Negra, Zona Sul da capital potiguar, dois homens acusados de tráfico de drogas. Com eles foram encontrados cerca de dois quilos e meio de skunk (maconha cultivada em laboratório), 20 micropontos de LSD e 10 comprimidos de ecstasy.

A ação da PF teve início durante uma fiscalização de rotina realizada ainda no período da manhã no aeroporto internacional Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, Região Metropolitana de Natal. Os policiais inspecionavam os passageiros de um voo que teve origem em Manaus/AM e desconfiaram de um homem que desembarcou sem bagagem e apresentava comportamento suspeito. Sem saber que estava sendo observado, ele solicitou uma condução através de um aplicativo e, no momento em que deixou o aeroporto, passou a ser seguido.

Ao chegar nas imediações de um shopping em Ponta Negra, um outro homem já o aguardava estacionado em um carro branco. No momento em que eles se encontraram e a corrida estava sendo paga, os policiais fizeram a abordagem e, após uma rápida busca, encontraram sob as vestes do passageiro que havia desembarcado no aeroporto, uma cinta de esparadrapo na altura do estômago camuflando a droga, enquanto que no carro do homem que o esperava foi achada uma pistola Cal. 380 e munição, sem a devida documentação legal. Ele também estava de posse da droga sintética apreendida e de R$ 40 mil em espécie que foram encontrados na sua residência. No mesmo local a PF apreendeu ainda uma motocicleta e um veículo.

Os homens receberam voz de prisão e foram conduzidos para autuação da sede da Polícia Federal em Lagoa Nova, onde a droga foi retirada da cinta que a prendia ao corpo de um dos acusados e submetida aos exames periciais preliminares.

Indiciados nos crimes de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, os suspeitos permanecem custodiados na sede da PF, à disposição da Justiça.

Esta foi a primeira apreensão de skunk que a Polícia Federal realizou este ano e que chegou via aeroporto Aluízio Alves.


Cearense é preso pela PRF em Mamanguape/PB com cocaína, maconha e LSD

Cocaína apreendida com cearense em Táxi – (Foto: Divulgação/PRF/PB)

Um home de 24 anos de idade foi preso na noite desta quarta-feira (21), pela Polícia Rodoviária Federal com cocaína, maconha e  LSD. Ele era passageiro de um táxi que trafegava no sentido Natal/RN à João Pessoa/PB. A abordagem ao veículo aconteceu na BR 101, em Mamanguape, Zona da Mata Norte da Paraíba.

Os agentes da PRF abordaram o táxi, com placas de Santa Rita (PB), no quilômetro 38 da rodovia federal. Durante a revista foram encontrados na bolsa de um dos passageiros, seis tabletes de cocaína, totalizando 2,6 Kg; uma trouxa com 80 gramas de maconha e cinco cartelas com 125 “pontos” de ácido lisérgico (LSD), que é uma droga sintética com alto poder alucinógeno.

Os policiais encontraram também três aparelhos celulares, um relógio e a quantia de R$ 676 reais em espécie.

O suspeito, que é trabalhador autônomo e nasceu no estado do Ceará, disse aos PRFs que adquiriu as drogas em Fortaleza/CE. De lá, embarcou em um ônibus até a cidade de Natal, onde pegou o táxi para chegar até João Pessoa.

O flagrante foi registrado na Delegacia Distrital da Polícia Civil da região.

Caso seja condenada pelo crime de tráfico de drogas, ele poderá pegar uma pena que varia entre cinco e quinze anos de reclusão.


Polícia Civil apreende arma de fogo e cartelas de LSD em Caicó

Jason foi preso temporariamente pela Polícia Civil

Na tarde desta quarta-feira (07), policiais civis da Delegacia Municipal de Caicó, DEA e DEAM, cumpriram mandado de busca em uma residência no Bairro Castelo Branco e apreenderam um revólver de calibre 38, duas cartelas de LSD e uma porção de cocaína.

O material ilícito foi encontrado na residência de TALISON JASON SILVA DE ALMEIDA e em desfavor do mesmo também foi cumprido um mandado de prisão temporária, uma vez que TALISON é apontado como sendo um dos participantes de um arrastão que houve em uma residência no Bairro Maynard, no mês de Abril desse ano.

O LSD é droga que está bastante difundida na cidade de Caicó, de difícil identificação por parte da polícia, em festas, por se tratar de uma droga que é facilmente escondida, mas, hoje é bastante conhecida e de conhecimento dos policiais que ela está bastante disseminada nas festas realizadas na cidade.

Material apreendido pela Polícia Civil nesta quarta-feira