Polícia Civil elucida latrocínio de jovem voluntário do Programa Bombeiro Mirim

Dupla em fuga após cometerem o crime – (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Nesta quarta-feira (23), a Delegacia da Zona Sul pertencente à Divisão de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) divulgou que dois adolescentes foram os responsáveis pelo latrocínio que vitimou Luan Thales da Silva, 20 anos, que era voluntário do Programa Bombeiro Mirim.

Segundo a Polícia Civil, um adolescente de 15 anos, que foi apreendido por policiais militares na noite desta terça-feira (22), é o autor do disparo que matou Luan Thales, no dia 09 de maio, por volta das 6h30min, quando ele estava na esquina da rua Tororós, com a avenida Bernardo Vieira.

De acordo com as investigações da DHPP, Luan Thales da Silva estava indo para o local onde funciona o Programa Bombeiro Mirim, quando foi abordado por uma dupla que estava em uma motocicleta, ambos usavam capacetes. “Gostaria de externar o empenho da equipe da DHPP na elucidação deste caso, de um jovem garoto que praticava o bem, exercendo trabalho voluntário no Programa Bombeiro Mirim”, destacou a delegada-geral Adriana Shirley.

Continue lendo