Caicó: Professora baleada pelo ex-companheiro passou por cirurgia e está na UTI

Marinho atirou na ex-companheira, Maria Elizete, e depois contra si

A professora, Maria Elizete Pereira, que foi baleada quatro vezes na tarde desta quarta-feira (04), pelo seu ex-companheiro, Marinho Bezerra de Araújo, de 59 anos, que também atendia pelos apelidos de “Cremel” ou “Teté”, que se matou no local do crime, passou por cirurgia no Hospital Regional de Caicó e seu quadro de saúde era estável por volta das 22hs quando terminou o procedimento.

Ela sofreu hemorragia interna quando deu entrada na unidade hospitalar e logo foi encaminhada para a sala de cirurgia. Ao termino, os médicos a internaram na Unidade de Terapia Intensiva – UTI.

Informações não oficiais dão conta que os dois estavam em processo de separação já tinha dois meses.

Ele, (Marinho), teria se desfeito de um veículo para adquirir a arma de fogo usada no crime.

Os peritos do Instituto Técnico-Científico de Perícia-ITEP junto equipe da Polícia Civil, realizaram os levantamentos de evidências no local do crime.

Corpo do mototaxista que se matou depois de balear a ex-companheira foi removido pelo Itep – (FOTO: Alexandre Costa)