Please enter banners and links.


MPF denuncia responsáveis por oferecer mestrado no RN sem autorização do MEC

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou os professores Juraci Pereira de Castro e Marlete Euna Brito de Melo. Entre 2013 e 2016, os dois ofereceram um curso de mestrado no Rio Grande do Norte, sem a devida recomendação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e sem a autorização do Ministério da Educação (MEC). Eles responderão pela prática do crime de estelionato qualificado (art. 171, parágrafo 3º, do Código Penal).

Juraci Pereira era representante da Faculdade do Norte do Paraná (Facnorte), enquanto Marlete Brito representava o Instituto de Ensino Superior Natalense (IESN). Ambos firmaram um convênio de intercâmbio e cooperação técnica, no início de 2013, com o objetivo de implementar e desenvolver cursos de pós-graduação stricto sensu (mestrado ou doutorado), entre outros.

À Facnorte caberia “chancelar” os cursos de pós-graduação, inclusive emitindo os certificados, ficando com 30% da receita bruta das matrículas e mensalidades. O IESN ficaria com os demais 70% e se responsabilizava por fazer funcionar os cursos. Entre 2013 e 2014, foram lançados processos seletivos para o Mestrado Profissional em Ciências da Educação e Multidisciplinaridade.

Essa pós-graduação foi oferecida nos municípios potiguares de Natal, Canguaretama, Macaíba, Tangará, São Tomé, Ceará Mirim, Mossoró, Lagoa D’Anta, São José do Campestre e, ainda, no município cearense de Jaguaribe. Em 2013, a Facnorte solicitou a recomendação do curso, porém a Capes considerou o mestrado “não recomendado”, levando à não autorização por parte do Ministério da Educação.

Antes mesmo da resposta da Capes, a faculdade já oferecia o curso e – depois que tomou conhecimento da negativa – seguiu irregularmente com a propaganda do mestrado. Em 2015 havia 267 alunos matriculados.



UnP oferece 20 vagas no Mestrado em Psicologia para ingresso em 2017

UnP oferece 20 vagas no Mestrado em Psicologia para ingresso em 2017

Para quem deseja dar mais um passo na formação acadêmica, a Universidade Potiguar lança novas vagas para ingresso no Mestrado Profissional em Psicologia Organizacional e do Trabalho (MPPOT). O edital já foi publicado e as inscrições poderão ser feitas de 24 de abril a 6 de junho através do www.unp.br/mppot

O programa de Mestrado oferece 20 vagas que são distribuídas igualmente entras duas linhas de pesquisa: “Saúde do Trabalhador e Processos de Gestão” e “Comportamento do Consumidor”.

A seleção será composta de duas etapas, sendo a primeira eliminatória com a realização de provas de redação e Língua Inglesa e análise do projeto de pesquisa. Já a segunda fase será classificatória, quando o candidato será entrevistado e terá o Currículo Lattes analisado.

As regras para submissão de projetos devem ser consultadas no edital. O resultado será divulgado no dia 27 de junho e as aulas estão previstas para iniciarem em 24 de julho. Mais informações estão disponíveis na sede dos Mestrados da UnP, localizada na Unidade Roberto Freire, ou através do telefone (84) 3216-8616.



Mestrado em Engenharia de Petróleo e Gás da UnP está com 24 vagas abertas para Natal e Mossoró

Estão abertas as inscrições para o Mestrado Profissional em Engenharia de Petróleo e Gás da Universidade Potiguar, integrante da rede Laureate. Com ofertas em Natal e Mossoró, o curso disponibiliza um total de 24 vagas que, pela primeira vez, conta com ingresso de forma continuada, até que o limite de vagas seja preenchido. Os candidatos devem acessar o site www.unp.br/mpepg para participar do processo seletivo e consultar o edital.

As pesquisas podem ser desenvolvidas em três áreas de concentração:
• Automação de Processos Industriais (Natal);
• Engenharia de Poço (Mossoró);
• Tecnologias Ambientais (Natal e Mossoró).

O processo será dividido em duas partes. Na primeira etapa é feita a análise curricular e do Histórico Escolar, de caráter classificatório, e a análise da Proposta de Estudo e Pesquisa, de fator eliminatório. Já na segunda etapa, serão feitas defesas orais e entrevistas.

As seleções serão realizadas na Unidade Nascimento de Castro, em Natal, e no Campus Mossoró. O edital está disponível para consulta no www.unp.br/mpepg