Governo homenageia militares e Fátima destaca investimentos em segurança

Assinatura do programa VIGIA

Ao participar da cerimônia em homenagem a servidores da segurança pública que se destacaram no cumprimento de suas funções, a governadora Fátima Bezerra elogiou, nesta sexta-feira (12), o trabalho incansável que vem sendo feito para reduzir a violência e a criminalidade no Rio Grande do Norte. Disse que a mudança de rumo começou com a escolha de uma equipe competente e tecnicamente preparada para o serviço, do secretário geral à gestão penitenciária, passando pelos demais quadros de pessoal. “A gente lembra o quanto era doloroso ver o Rio Grande do Norte nas manchetes nacionais, citado como o Estado mais violento do Brasil. Chegamos ao governo com o compromisso e a missão de enfrentarmos toda essa situação e dar uma resposta à população e é o que estamos fazendo“, destacou.

Ao lado do ministro da Justiça, André Mendonça, a governadora lembrou que nesses dois primeiros anos de administração, o Governo do Rio Grande do Norte aplicou R$ 2,3 bilhões, de recursos próprios, em segurança pública, valor 15,7% acima do mínimo constitucional. “Nossas prioridades não ficam tão somente no discurso, e sim na prática, nas ações cotidianas, com medidas corajosas e comprometidas com o efetivo e com a população“.

Continue lendo

Ministro da Defesa diz que tropas federais farão segurança do Planalto, Itamaraty e ministérios

Ministro garante que tropas federais farão segurança do Planalto, Itamaraty e Ministérios – (Foto: Agência Brasil)

Do G1 – O ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmou nesta quarta-feira (24) que tropas federais farão a segurança dos palácios do Planalto, do Itamaraty e dos prédios dos ministérios.

Jungmann deu a declaração durante entrevista coletiva à imprensa convocada para a tarde desta quarta no Palácio do Planalto.

Enquanto ele falava com os jornalistas, manifestantes ocupavam a Esplanada dos Ministérios para pedir a saída do presidente Michel Temer do governo.

O senhor presidente [Michel Temer decretou, por solicitação do senhor presidente da Câmara, a ação de garantia da lei e da ordem e, nesse instante, tropas federais se encontram neste palácio [do Planalto] no Palácio do Itamaraty e logo mais estarão chegando tropas para assegurar que os prédios dos ministérios sejam mantidos incólumes“, anunciou o ministro da Defesa.

Raul Jungmann não respondeu a perguntas de jornalistas após o pronunciamento, mas acrescentou que a manifestação na Esplanada dos Ministérios havia estava prevista como pacífica, mas “degringolou na violência, no vandalismo, no desrespeito, na agressão ao patrimônio público e na ameaça às pessoas“.