Segundo especialistas, fenômeno La Niña se fortalece

Tribuna do Norte – Os parâmetros que determinam a incidência de um bom inverno no próximo ano, na região do semiárido do Nordeste, estão evoluindo. O Centro de Previsões Climáticas dos EUA atualizou, esta semana sua probabilidade para o La Niña — passou de 73% para algo acima de 80%, em apenas um mês. A evolução amplia as chances de acerto dos institutos de meteorologia, que há dois meses mantém o prognóstico de uma estação chuvosa de normal a acima da média no Rio Grande do Norte.

Itans em Caicó está completamente seco – (Foto: Sidney Silva)

Continue lendo