SindJorn emite nota repudiando ato de deputado contra Juliana Celli

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Norte vem a público repudiar os atos de intolerância e autoritarismo cometidos em todo o País, à medida que se aproxima o dia da votação do segundo turno da campanha eleitoral à Presidência. Práticas totalitárias, violentas e preconceituosas, têm manchado a história da nossa democracia e colocado a vida de muitos em risco, inclusive dos colegas que fazem a imprensa norte-riograndense.

Repudiamos veementemente atos como o praticado pelo deputado estadual Getúlio Rêgo contra a colega jornalista Juliana Celli, no interior da Assembleia Legislativa, durante o expediente de trabalho. Tais atos foram relatados por ela em suas redes sociais nesta segunda-feira (15). Por anunciar um voto contrário ao do deputado, numa conversa corriqueira, a jornalista teve seu direito à livre opinião abafado pelo discurso autoritário do parlamentar, que passou a agredí-la verbalmente, na presença de diversas pessoas, numa clara prática de assédio moral e constrangimento profissional.

Num processo democrático, atitudes como a do parlamentar colocam em risco direitos constitucionalmente garantidos como a liberdade de opinião e de expressão, e revela o perigo que nos cerca.

O Sindjorn estará sempre na trincheira da democracia, base de nascimento de todas as conquistas sociais que temos hoje. Nos solidarizamos com a colega Juliana Celli, colocando os setores do Sindjorn à disposição para o acompanhamento do caso.

SINDJORN



Em nota, advogado diz que emissão de cheque se deu em acordo com João Maia

O advogado, Leonardo Dias, enviou no início da noite desta segunda-feira (24), ao Blog, nota dizendo que tenta junto ao seu cliente, o candidato a deputado federal, João da Silva Maia, o pagamento da dívida trabalhista que ele tem com 4 ex-funcionários da empresa Estação JJ & A LTDA, com sede em Caicó.

Confira:

O advogado Leonardo Dias esclarece que o episódio envolvendo a emissão de um cheque para quitar dívida judicial de seu cliente foi feita com o único objetivo de dar celeridade a solução do conflito que resultou em dívida trabalhista. Vale ressaltar que a emissão se deu em prévio acordo com o próprio cliente.

A intenção do advogado era agilizar o pagamento do débito, que ocorreria em um tempo maior caso o leilão do bem do seu cliente tivesse acontecido. No entanto, em razão do cliente não ter viabilizado o pagamento do cheque emitido, ficou impossibilitada a sua quitação, como era a intenção do advogado.

Leonardo Dias esclarece que está, junto ao seu cliente, tentando dar celeridade a quitação da dívida, dentro de todos os regramentos previstos na Legislação Trabalhista.

Assessoria de Imprensa do advogado Leonardo Dias



Prefeitura de Currais Novos emite nota e diz que não foi alvo de operações da PF

A Prefeitura Municipal de Currais Novos/RN, emitiu uma nota na manhã desta terça-feira (18), para informar que NÃO FOI OBJETO DE INVESTIGAÇÃO da Polícia Federal em Operações realizadas hoje em alguns municípios potiguares.

As Operações “Guaraíras e Titereiros” apura fraudes em licitações em algumas prefeituras, o que NÃO é o caso da Prefeitura Municipal de Currais Novos.

O texto da matéria afirma que os mandatos foram cumpridos em algumas cidades, entre elas Currais Novos, mas, o nome do município foi citado por ser o endereço de um dos investigados.



Em nota, João Maia diz que está indignado e reafirma inocência

O presidente estadual do PR e ex-deputado federal João Maia emitiu nota nesta segunda-feira (27), depois de ser denunciado pelo Ministério Público por diversos crimes referentes a contratos do DNIT no Rio Grande do Norte, investigados nas operações Via Ápia e Via Trajana. João Maia foi apontado pelo MPF como principal mentor e beneficiário das fraudes.

Na nota, o ex-deputado e candidato a deputado federal dá a entender que a denúncia tem interesse eleitoral.

Confira a nota:

À minha família, meus amigos e ao povo do Rio Grande do Norte: Recebi hoje, sem nenhuma surpresa, mas com profunda indignação a notícia da denúncia oferecida pelo Ministério Público. Depois de 8 anos uma busca e apreensão, uma denúncia antes de examinarem o que foi apreendido e ha exatos 42 dias da eleição não me permitem ter duvidas da intenção. Quero reafirmar mais uma vez minha completa inocência, minha fé em Deus e na Justiça, onde se for necessário vou me defender, e no povo do meu Estado. Continuo firme, sereno e determinado no meu projeto e propósitos de servir ao povo do Rio Grande do Norte.

João da Silva Maia



Sobrinho de João Maia nega participação em esquema denunciado pelo MPF

O advogado Robson Maia Lins, sobrinho do ex-deputado João Maia e denunciado por suposta participação em esquema fraudulento no DNIT no Rio Grande do Norte, nega irregularidades. Através de nota, Robson Maia Lins disse que prestou serviços e que não cometeu nenhum ato irregular.

Robson Maia Lins foi denunciado por corrupção passiva, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Confira a nota:

O advogado Robson Maia Lins recebe, com imensa surpresa, a notícia de ter sido incluído entre os denunciados investigados na chamada “Operação Via Trajana”.

Robson Maia Lins prestou serviços lícitos dentro de sua área de expertise a empresa privada que figura no processo. No entanto, nessa investigação, alvo da denúncia, não chegou, nem mesmo, a ser ouvido.

Aliás, investigação essa que não produziu absolutamente elemento de informação algum que pudesse redundar em mínima suspeita das condutas de Robson Maia Lins.

Ao longo do curto espaço de tempo da apuração dos fatos, a autoridade policial em momento algum respeitou o direito básico de Robson sequer conhecer seu conteúdo, desrespeitou abertamente a determinação judicial para tanto e recusou ouvir o advogado Robson Maia Lins ou quem ele indicasse ter atuado sob sua orientação na prestação dos serviços que foram lícitos.

O advogado, aclamado tributarista, sempre esteve à disposição dos órgãos de fiscalização para esclarecer os fatos.

Lamentando profundamente os atropelos ocorridos nessa infundada denúncia, o advogado Robson Maia Lins expressa sua total confiança no Poder Judiciário, rogando pela celeridade do trâmite processual para que os reais fatos sejam apurados e sua honra seja restabelecida com a absolvição.



Procuradoria do Município se diz surpresa com operação que prendeu Prefeito Batata

O Procurador Geral de Caicó, Pedro Rocha, emitiu nota em nome da Prefeitura, sobre a operação tubérculo que foi deflagrada pelo Ministério Público nesta terça-feira (14).

Confira:

A Prefeitura Municipal de Caicó recebe com surpresa a notícia da prisão preventiva do Prefeito Robson de Araújo e busca nesse momento concentrar todos os seus esforços na garantia do pleno funcionamento da máquina pública, sem prejuízo à população.

Permanecemos ainda à disposição do Poder Judiciário e do Ministério Público para colaborar com o pleno esclarecimento dos fatos investigados, enquanto aguardamos eventuais determinações judiciais e a investidura do vice-prefeito na chefia do executivo municipal para garantir continuidade aos projetos e serviços públicos necessários.

Caicó, 14 de agosto de 2018.

Pedro Henrique Dantas da Rocha
Procurador Geral do Município



Nélter diz que decisão que torna seus bens indisponíveis é “absurda”

O deputado estadual Nélter Queiroz, emitiu nota dizendo que a decisão que determinou a indisponibilidade de seus bens junto com uma ex-servidora da ALRN, é absurda.

O Ministério Público do Rio Grande do Norte conseguiu que a Justiça potiguar decretasse a  indisponibilidade de bens do deputado Nelter Lula Queiroz e de uma servidora “fantasma” da Assembleia Legislativa, Kadydja Rosely, até o valor de R$ 1.018.825,71. A determinação do desembargador  Ibanez Monteiro reforma decisão anterior de primeira instância, que tinha sido proferida pela 4ª vara da Fazenda Pública de Natal e atende a um recurso interposto pelo MPRN.

Na nota, Nélter diz que:

1) Recebi com surpresa a notícia hoje, pela mídia, já que o Juiz, na 1ª instância, havia negado o pedido em liminar do MPRN – o que deixou claro que a acusação contra mim é absurda –, e por que tenho consciência de que não fiz nada que justificasse isso;

2) Não fui beneficiário de um único centavo, sequer, de maneira ilícita, e também não fui partícipe de qualquer ilegalidade, como supõe a acusação;

3) Não tenho qualquer responsabilidade em relação aos fatos objeto da ação judicial e isso será provado em juízo novamente, pois cumpro com minhas atribuições parlamentares rigorosamente.

Aos amigos e às amigas da luta diária e incansável pelo bem do nosso Estado, reafirmo a tranquilidade de quem confia na justiça, ciente de que este mal entendido (que me associarem à investigação em curso) será reparado brevemente.

Continue lendo



PCdoB divulga nota em que justifica coligação com o PT

A Comissão Executiva Nacional do PCdoB divulgou nota em que expõe as razões pelas quais o partido optou por fechar coligação com o PT na disputa pela presidência da República. A nota explica que Manuela será vice mesmo se a Justiça Eleitoral rejeitar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que é condenado em segunda instância e está preso desde abril.

Manuela D’Ávila, que até então era a pré-candidata à presidência pelo partido, passará agora a integrar a chapa formada por Lula e pelo ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad.

O acordo entre PT e PCdoB prevê que Manuela substituirá Haddad como vice de Lula se o ex-presidente tiver a candidatura deferida pela Justiça Eleitoral. Em outra hipótese, a deputada estadual será vice de Haddad ou outro nome do PT, caso Lula tenha a candidatura indeferida.

O PCdoB citou que alianças favorecem a defesa da união de esquerda, mas lembrou que a fragmentação da corrente ideológica ainda existe. Prova disso é que o PDT oficializou a candidatura de Ciro Gomes, enquanto o Psol aprovou a candidatura de Guilherme Boulos. Já o PSB decidiu não apoiar formalmente nenhum candidato e liberou os diretórios estaduais para fazer campanha para qualquer presidenciável, à exceção de Jair Bolsonaro, do PSL.



Tribunal de Justiça da Paraíba suspende expediente nesta segunda

O Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) emitiu nota na tarde deste domingo (27), suspendendo o expediente forense no 1º e 2º graus de jurisdição, além dos prazos e sessões agendadas para segunda-feira (28). O judiciário estadual funcionará em regime de plantão.

A decisão levou em consideração os recentes acontecimentos relacionados aos bloqueios de estradas e vias de acesso às diversas unidades judiciárias do Estado, bem como a redução da circulação do transporte público, com real possibilidade de agravamento, em razão do desabastecimento de combustível.

O presidente Joás de Brito tomou a decisão em harmonia com o Ministério Público, a Defensoria Pública e a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional da Paraíba (OAB-PB), a fim de evitar prejuízos para os jurisdicionados.

*Do Portal Correio



Em nota, reitoria da UFRN confirma funcionamento normal nesta segunda (28)

A reitoria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN, emitiu nota neste domingo (27),  informando que mesmo com a greve dos caminhoneiros e a falta de combustível em alguns postos, as aulas e todas as atividades acadêmicas estão mantidas para esta segunda-feira.

Confira a nota:

Comunicado sobre funcionamento nesta segunda-feira, 28

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), após análise da conjuntura nacional e regional, comunica a manutenção das atividades acadêmicas e administrativas para esta segunda-feira, 28. Ainda assim, tomando como parâmetro esse momento e tendo em vista situações particulares, recomendamos a não realização de atividades de avaliação e a devida ponderação para sanar eventuais problemas de servidores e alunos com impossibilidade de locomoção. A Administração Central continuará acompanhando a questão e, em caso de mudança no contexto, dará novas orientações, ratificando que qualquer atualização referente a essa situação será publicada no portal institucional e nos demais meios de comunicação oficiais da UFRN.

Ângela Maria Paiva Cruz
Reitora
José Daniel Diniz Melo
Vice-Reitor



Governo do Estado emite nota de pesar pela morte de Maurílio Pinto

É com pesar e profunda consternação que o Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), recebeu, neste sábado (19), a notícia do falecimento do delegado aposentado e ex-subsecretário de Segurança do Rio Grande do Norte, Dr. Maurílio Pinto.

A Sesed destaca os relevantes serviços que Dr. Maurílio prestou para a população do Rio Grande do Norte durante os quase 50 anos de atuação na segurança pública, sendo responsável pela resolução de inúmeros crimes e levando justiça para diversas famílias vítimas de criminosos no Estado.

“O Delegado Maurílio Pinto de Medeiros, deixa um legado de trabalho, compromisso, competência, lealdade e dedicação para todos nós. Foi um verdadeiro líder. Tenho muito respeito e admiração por sua trajetória como policial e por tudo o que representa para a Segurança Pública e para o povo do Rio Grande do Norte”, afirmou a Secretária da Segurança do RN, Sheila Freitas.



Cúpula da Polícia Civil emite nota de pesar pela morte de Maurílio Pinto

Delegado Maurílio Pinto foi sepultado neste domingo em Natal

É com imenso pesar e tristeza que a Polícia Civil do Rio Grande do Norte despede-se do delegado aposentando Maurílio Pinto de Medeiros. O “Xerife”, como era conhecido dentro do meio policial, dedicou 46 anos de sua vida em prol da Polícia Civil, mas não resistiu às complicações do seu quadro de saúde e faleceu na noite deste sábado (19). Lutou bravamente pela vida, durante vários dias em que passou internado, como era de seu perfil.

Agora, só resta a nós, que fazemos parte da Polícia Civil, honrar a sua memória e seguir os seus grandes ensinamentos de honradez e de determinação na luta contra o crime.  Enviamos para toda à família do delegado Maurílio Pinto, nossos sentimentos de força, de carinho e de gratidão e que eles tenham a certeza que o trabalho do “Xerife”, jamais será esquecido, ao contrário será dignificado e divulgado para os que já fazem e aos que farão parte da Polícia Civil do Rio Grande do Norte.



Diocese de Caicó orienta católicos com medidas de prevenção contra a gripe nas celebrações

Fiéis devem evitar apertar as mãos nas celebrações

Por causa dos casos de gripe e dos casos de H1N1, H3N2 e a Influenza B e em comunhão com a Arquidiocese de Natal e Diocese de Mossoró, que já fizeram orientações aos católicos, o Bispo Diocesano de Caicó, Dom Antônio Carlos Cruz Santos, emitiu uma nota na tarde desta quinta-feira (16), informando que solicitou às paróquias que tomem temporariamente às seguintes providências:

Evitar o aperto de mão durante a acolhia aos fiéis

Não dar às mãos ao rezar o Pai-Nosso

Omitir o abraço da paz

Distribuir a comunhão somente sob uma espécie e diretamente nas mãos

Na mesma nota, são acrescentada as medidas de prevenção emitidas pela Secretaria de Saúde do Estado do Rio Grande do Norte.



Secretaria Municipal de Saúde de Caicó emite nota técnica sobre H1N1

A Secretaria Municipal de Saúde de Caicó elaborou esta nota informativa, para informara a população sobre um óbito por Influenza H1N1 ocorrido no município na última semana. “Estamos todos vigilantes quanto às últimas ocorrências e até o momento não há motivos para maiores preocupações, apenas solicitamos a compreensão e colaboração de toda população para que juntos adotemos as medidas preventivas”, diz a nota.

A H1N1 é uma infecção viral aguda do sistema respiratório, de elevada transmissibilidade. O contágio da doença ocorre através de contato direto e/ou íntimo de pessoa a pessoa, por meio de pequenas gotículas de aerossol, expelidas pelo indivíduo infectado, ao falar, espirrar e tossir, e também por meio do contato com as secreções do doente. O quadro clínico tem início abrupto (rápido), com febre maior ou igual a 39 graus, tosse continua e seca, dor de garganta leve, dores musculares de forte intensidade, dor de cabeça extrema, prostração (cansaço intenso), forte ardência nos olhos além de dificuldade de respirar.

A nota da secretaria ainda cita algumas recomendações e orientações:

– A vacina é a melhor estratégia disponível para a prevenção da influenza e suas consequências; As pessoas que se encaixam dentro dos grupos prioritários devem procurar a unidade mais próxima para vacinar-se.

– Higienize bem as mãos com água e sabão, depois de tossir e espirrar, após usar o banheiro, antes das refeições, antes de tocar os olhos, boca e nariz. Evitar tocar os olhos, nariz ou boca, após o contato com superfícies;

– Se possível tenha sempre disponível álcool em gel para a higienização das mãos;

– Proteger com lenços (preferencialmente descartáveis a cada uso) a boca e nariz, ao tossir ou espirrar, para evitar disseminação do vírus;

– Evite sair de casa enquanto estiver doente (até 5 dias após o início dos sintomas da gripe) período de transmissão da doença;

– Evitar entrar em contato com outras pessoas suscetíveis, principalmente aperto de mão e abraços, além do contato íntimo;

– Evitar aglomerações (locais com grande quantidade de pessoas) e ambientes fechados (procurar manter os ambientes ventilados);

– Mantenha hábitos saudáveis: alimente-se bem ingerindo frutas e verduras;

– Beba muita água e repouse bastante;

– Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas.



PGR emite nota oficial e nega pedido de afastamento do governador do RN

Em nota oficial o Vice-Procurador-Geral da República (VPGR), Luciano Maia Mariz nega ter pedido do afastamento do governador Robinson Faria do cargo.

O Vice-Procurador-Geral da República considera que os atos alegados no pedido do Ministério Público para abertura de investigação criminal contra o governador Robinson Faria, referente à prestação de contas da gestão, não configuram crimes previstos na legislação penal. Por este motivo, e, por possivelmente, ter ocorrido apenas infrações político-administrativas, encaminhou a representação à Assembleia Legislativa do Estado para que aprecie o assunto.

Segue a íntegra da nota divulgada pela PGR:

Continue lendo