Homem que esfaqueou a ex-companheira no Bairro Barra Nova em Caicó continua foragido

Claudineide foi morta em decorrência das facadas desferidas por Novinho

Outro crime que está sendo resolução em Caicó, é a morte de Claudineide Silva, de 33 anos, que foi esfaqueada pelo seu ex-companheiro, identificado como Novinho, fato ocorrido no Bairro Casas Populares, zona oeste, no dia 18 de novembro de 2018. Ela sofreu 9 cutiladas de faca.

Depois do ataque a Claudineide Silva, o homem fugiu nunca mais foi encontrado.

A mulher passou vários meses convalescendo nos hospitais em Caicó e Natal, até morrer. Nesse tempo, ela que estava tetraplégica por causa das facadas, sofreu paradas cardíacas e estava com as funções cerebrais bem comprometidas.

A motivação para o crime, inicialmente, se falou em ciúmes por parte do agressor.

Já se passaram 2 meses e 18 dias que Claudineide Silva, morreu.



Caicoense esfaqueada pelo ex-companheiro morre em Natal/RN

Claudineide morreu em Natal

Morreu na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Walfredo Gurgel, em Natal, a caicoense Claudineide da Silva, de 33 anos, que foi esfaqueada pelo ex-companheiro identificado como Novinho, fato ocorrido no dia 18 de novembro de 2018, na frente da residência da vítima no Conjunto Casas Populares, no Bairro Barra Nova. Ela sofreu cerca de 08 cutiladas de faca em várias partes do corpo.

De acordo com o relato de uma das filhas, de Claudiane, Kátia Viviane Silva do Nascimento, sua mãe passou 1 mês e 18 dias internada, inicialmente na UTI do Hospital Regional de Caicó, aonde teve infecção pulmonar. Depois foi encaminhada para Natal.

Nesse período, Claudiane, que estava tetraplégica por causa de uma das facadas ter atingido uma artéria que oxigenava a medula óssea, passou por cirurgias, sofreu paradas respiratória e cardíaca e estava com as funções cerebrais bastante comprometidas.

O agressor está foragido desde o dia do fato. Após o ataque, Novinho não foi mais encontrado em Caicó.



Mulher foi esfaqueada pelo ex-companheiro neste domingo na zona oeste de Caicó

Claudineide foi esfaqueada pelo ex-companheiro

Na noite deste domingo, dia 18 de novembro, a polícia registrou uma tentativa de homicídio na Rua Julião Ferreira de Macedo, no Bairro Barra Nova. A mulher identificada como, Claudineide da Silva, foi esfaqueada pelo seu ex-companheiro, José Carlos, também conhecido como Novinho.

A mulher, depois de ser ferida, foi socorrida por populares para o Hospital Regional enquanto o agressor, empreendeu fuga com destino ignorado. Ela sofreu aproximadamente, cinco cutiladas de faca.

As agressões aconteceram na frente do filho do casal que estava separado há cerca de 30 dias.

A motivação teria sido, ciúmes.

No hospital, Claudineide passa por cirurgia.



Caicó: CIPAM e GTO prendem foragido da Justiça na Zona Norte

Novinho foi preso no Bairro Alto da Boa Vista

Policiais militares da Cipam e do Grupo Tático Operacional de Caicó, cumpriram na tarde deste sábado (29), mandado de prisão contra Joelmo Anthero Alves, o “Novinho”. A ordem judicial foi cumprida na residência do acusado localizada na Rua Maria de Fátima Gomes, no Bairro Alto da Boa Vista, Zona Norte.

O Major Walmery Costa, disse ao Blog Sidney Silva, que pesava sobre “Novinho” a acusação de tráfico de drogas e ele era foragido da Justiça. “A primeira informação dava conta que ele era visto sempre na Zona Oeste e também na Zona Norte, aonde nosso policiais conseguiram capturá-lo. As ações contra os crimes que estão sendo praticados em Caicó continuarão com o apoio de todos, inclusive da população“, disse.

Depois de detido, Novinho, foi levado para a Delegacia de Polícia Civil aonde foi autuado e depois encaminhado para o Sistema Penitenciário.