CBF questiona procedimentos adotados pelo VAR

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) encaminhou, nesta segunda-feira, 18, um ofício à FIFA questionando os procedimentos adotados pelo Video Assistant Referee (VAR) na partida entre Brasil e Suíça, válida pela primeira rodada do Grupo E da Copa do Mundo Rússia 2018.

No documento, a CBF solicita esclarecimentos em relação ao cumprimento do Protocolo VAR – Versão 8, que prevê, em seu item 2, quatro decisões revisáveis: gols, decisões em penais, cartão vermelho direto e identidade equivocada.

A CBF requer da FIFA a razão pela qual a tecnologia não foi utilizada em lances capitais da partida.



Juiz Bretas diz a Gilmar Mendes que corrupção não é crime menor

O juiz federal Marcelo Bretas enviou hoje (4) ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes um ofício no qual afirmou que casos de corrupção não pode ser tratados como crimes de menor gravidade. O documento foi enviado após Mendes mandar soltar, nos últimos 30 dias, 19 presos pelo juiz em investigações relacionadas aos desdobramentos da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro.

O ofício foi solicitado pelo ministro e faz parte da instrução do habeas corpus concedido por Mendes ao ex-presidente da Federação do Comércio do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ) Orlando Diniz, que ainda deverá ser julgado definitivamente. Antes de ganhar liberdade, Diniz teve prisão decretada por Bretas.

Continue lendo



Ofício pede emprego de homens do Exército nas ruas de Caicó

Sobre os ofícios pedindo a atuação das Forças Federais em Caicó, um dos documentos foi encaminhado neste sábado (30), ao Ministro da Defesa, Raul Jungmann, para que seja feito o emprego do Exército Brasileiro na cidade.

A justificativa é a grave crise de insegurança pública instalada no Rio Grande do Norte e a falta de policiamento nas ruas que tem provocado diversas ações criminosas.

O fato de existir um presídio em Caicó também foi levado em conta. A unidade prisional atualmente tem mais de 400 internos cumprindo penas e com integrantes de facções criminosas que atuam nos presídios do Rio Grande do Norte e em São Paulo.

Uma sugestão levantada seria a de empregar os militares do 1º Batalhão de Engenharia e Construção que estão instalados em Caicó, sem ter a necessidade de trazer homens de outros batalhões.