Corpo do Padre Tercio foi sepultado na Igreja de São José em Caicó

Equipe que fez o sepultamento do corpo do Padre Tercio

O corpo do Padre Ausônio Tércio de Araújo, foi sepultado na tarde deste sábado (09), no túmulo existente no presbitério da Igreja de São José, no Bairro Paraíba, em Caicó. Ele morreu por causa de complicações em decorrência da Covid-19. Por isso, o enterro teve um número restrito de pessoas.

O caixão, que estava lacrado, chegou à Igreja em carro funerário escoltado por várias viaturas da Polícia Militar. Os profissionais, devidamente paramentados com roupas especiais, máscaras, luvas e botas, o conduziram até o interior da igreja aonde foram celebradas pelo Bispo Dom Antônio Carlos Cruz Santos, às exéquias e, em seguida, o sepultamento, seguido de missa, na quadra esportes do Colégio Diocesano Seridoense, escola que ele foi diretor por cerca de 50 anos.

A celebração eucarística, teve a presença limitada de padres, familiares e amigos do Monsenhor Tércio.

Natural de Currais Novos (RN), Mons. Tércio faleceu aos 85 anos de idade. Desempenhou seu ministério sacerdotal na Diocese de Caicó, onde exerceu várias funções. Também foi professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e participou, por vários anos, do Conselho Estadual de Educação. Ele foi vigário geral do governo de Dom Heitor Sales e de Dom Jaime, quando foram bispos da Diocese de Caicó.

Padre Tércio estava internado desde o dia 13 de dezembro apresentando problemas de saúde e, recentemente, foi contaminado com o Coronavírus, que veio a agravar seu estado de saúde.


Arquidiocese de Natal emite nota de pesar pelo falecimento do Padre Tercio

A Arquidiocese de Natal recebeu, com pesar, a notícia do falecimento do Monsenhor Ausônio Tércio de Araújo, ocorrido neste sábado, 9 de janeiro, em Natal. Vencido pela COVID-19, contra a qual lutava há cerca de um mês, Mons. Tércio foi chamado para a casa do Pai onde contemplará, eternamente, a face de Deus a quem muito amou e serviu ao longo de sua vida e exercício ministerial.

“A vida, o ministério e o testemunho do Padre Tércio, ao longo desses anos, de inteira dedicação e serviço à Igreja, se confundem com a própria história e a vida da Diocese de Caicó. Nossas preces e reconhecimento em homenagem à sua memória”, disse o arcebispo metropolitano de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha .

Natural de Currais Novos (RN), Mons. Tércio faleceu aos 85 anos de idade. Desempenhou seu ministério sacerdotal na Diocese de Caicó, onde exerceu várias funções. Também foi professor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e participou, por vários anos, do Conselho Estadual de Educação. Ele foi vigário geral do governo de Dom Heitor Sales e de Dom Jaime, quando foram bispos da Diocese de Caicó.

O sepultamento ocorre no final da tarde deste sábado, na Igreja Matriz de São José, em Caicó.

Que Deus o acolha na sua paz e o recompense por todo o bem de uma vida inteiramente doada! Descanse em paz!


“Que Sant’Ana e São José o acolham em sua morada definitiva”, Dom Antônio em nota sobre morte do Padre Tercio

Padre Ausônio Tercio de Araújo morreu na manhã deste sábado em Natal

Morreu na manhã deste sábado (09), no Hospital São Lucas, em Natal/RN, o Monsenhor Ausônio Tercio de Araújo. Ele tinha 85 anos e estava e estava internado desde o dia 13 de dezembro apresentando problemas de saúde e, recentemente, foi contaminado com o Coronavírus, que veio a agravar seu estado de saúde.

O Mons. Tércio nasceu no dia 12 de outubro de 1935, em Currais Novos, RN. Foi ordenado presbítero no dia 24 de fevereiro de 1960, em Roma. Exerceu diversas funções na Diocese de Caicó como Administrador Diocesano “Sede Vacante”, Vigário Geral da Diocese, Diretor da Escola Prevocacional de Caicó, Diretor do Departamento de Ação Social – DDAS da Diocese, Diretor do Colégio Diocesano Seridoense, Diretor da Fundação Educacional Sant’Ana e Pároco de São José, em Caicó.

Em nome dessas instituições e de toda a Diocese a quem o Mons. Tércio tanto amou e serviu somos gratos por sua dedicação, cuidado e entrega e pedimos a Sant’Ana e São José que o acolha em sua morada definitiva. Que Maria, Mãe dos Sacerdotes, o conduza até o seu filho Jesus a quem Mons. Tércio se configurou pelo seu sacerdócio“, disse Dom Antônio Carlos, em nota.