Reabertas licitações para aquisição de equipamentos de queijeiras do RN

Reabertas licitações para aquisição de equipamentos de queijeiras

A Cooperativa Agropecuária do Seridó (Capesa) abriu mais uma vez nove licitações para adquirir veículos e equipamentos a serem utilizados nas queijeiras e em seus laboratórios.

Os processos licitatórios permitirão a compra de viaturas que vão desde utilitários aos veículos de passeio para melhorar a logística dos empreendimentos, dos aparelhos para o funcionamento da agroindústria, como prateleiras e cubas em aço inox, coifas, fogão industrial, iogurteira, tanques de recepção e refrigeração de leite; e por fim, dos insumos e instrumentos para seus laboratórios. Os certames se estenderão até os dias 16 (para veículos) e 20 de outubro (para equipamentos).

Continue lendo

Comissão de padres trabalha na redação do plano de reabertura das Igrejas no RN

Igrejas estão fechadas por causa da pandemia e as celebrações estão sendo transmitidas pelas redes sociais

A comissão de padres, instituída pelos Bispos das Dioceses do Rio Grande do Norte (Natal, Mossoró e Caicó), se reuniu, de forma remota, na tarde desta quarta-feira (02), com a finalidade de elaborar o plano de reabertura das igrejas, no Estado.

Foi a primeira reunião da comissão e uma outra ainda deve acontecer nos próximos dias, para concluir a redação do plano. Em seguida, o documento será entregue ao arcebispo metropolitano de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha, ao bispo de Mossoró, Dom Mariano Manzana, e ao bispo de Caicó, Dom Antônio Carlos Cruz.

Após análise do documento, os bispos refletirão sobre a retornada das atividades sacramentais das igrejas, que irá depender da situação do contágio da covid-19, no RN, em consonância com as deliberações das autoridades sanitárias do Governo do Estado e dos respectivos municípios.


Mercado Público pode reabrir a partir desta segunda (08) com restrições; Entenda

Mercado Público poderá reabrir a partir desta segunda

O Mercado Público de Caicó, também, poderá reabrir suas portas a partir desta segunda-feira (08). Os permissionários de quiques existentes no interior do equipamento, vão poder reabrir.

O Decreto 780/20 da Prefeitura Municipal, garante o funcionamento do mercado, com restrições, confira:

Todos os comerciantes deverão realizar os procedimentos de higienização orientados pela equipe municipal de saúde/vigilância sanitária, objetivando a prevenção da proliferação do coronavírus (COVID-19);

Haverá limitação de 02 (dois) comerciantes por box, atendendo ao público.

Haverá limitação de 10 (dez) clientes no interior do Mercado Público, a medida em que cada pessoa sair, possibilitará o ingresso de outro no interior do estabelecimento.

O horário de funcionamento do Mercado Público de Caicó/RN, durante a pandemia ocasionada pelo coronavírus, será 05h30min às 14h00min.

Para fins de ingresso e regresso ao Mercado Público Municipal, durante a pandemia ocasionada pelo coronavírus, o Mercado Público contará com apenas duas portas de acesso.

Os boxes que tiverem portas de acesso direto ao lado externo das vias, deverão criar barreiras de modo a não permitir a entrada desordenada da população, orientando sempre os consumidores onde está localizada a porta destinada ao acesso e saída dos consumidores.


Repercute negativamente possibilidade de reabertura de templos religiosos em Caicó

Pedido foi feito na reunião do Comitê de Combate ao Coronavírus

Parte da população de Caicó, não vê com bons olhos, o possível afrouxamento de medidas restritivas por parte da Prefeitura Municipal. O anúncio feito nesta quarta-feira (06) depois que o tema foi tratado em reunião do Comitê Municipal de Enfrentamento ao Coronavírus.

A medida foi solicitada ao Prefeito Robson de Araújo (Batata) por líderes de igrejas evangélicas de Caicó.

Pensando em atender a demanda, o gestor vai editar um decreto regulando o acesso aos templos por pequenas quantidades de pessoas.

O Blog Sidney Silva mostra dois comentários feitos por caicoenses na live do programa Cidade Alerta da Rural FM 102,7 no Facebook, sobre o assunto:

Luiz InácioFlexibilizar as igrejas, é atitude meramente politiqueira, ou seja, para agradar uma parcela da população e não perderem votos na próxima eleição, atitude politiqueira.

Joan SilvaQue coisa mais errada é essa? Se Caicó tem o menor índice de isolamento social, aí vão flexibilizar? Misericórdia! O povo já não fica em casa, e agora??? Totalmente contrário!