Maia diz que Reforma da Previdência precisa ser enxugada para passar

Maia diz que Reforma da Previdência precisa ser enxugada para passar

O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, disse há pouco que a Casa voltará a discutir a Reforma da Previdência a partir de novembro. A pauta deve retornar ao centro do debate após os deputados rejeitarem nesta noite (25) o pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) para investigar o presidente da República, Michel Temer, e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral). Foram 251 votos contrários à autorização para investigação, 233 votos favoráveis e duas abstenções.

Na avaliação de Maia, para que seja aprovada, a Reforma da Previdência precisará ser enxugada e focada em aspectos considerados essenciais para “acabar com a maior transferência de renda do mundo de pobres para ricos”. Ele destacou a fixação da idade mínima e as regras para servidores públicos. “É óbvio que um sistema onde 7 milhões [de pessoas] representam um déficit de R$ 150 bilhões por ano e um número de quase 30 milhões de pessoas representam um valor do déficit igual, tem coisa muito errada. A gente tem que priorizar a idade mínima, precisa priorizar a reforma [da aposentadoria] do serviço público e convencer a sociedade e os parlamentares de que essa não é uma pauta contra o Brasil, contra os brasileiros”, afirmou.

O retorno do assunto à pauta de discussões no Congresso também foi mencionado pelo ministro Eliseu Padilha, ao sair de jantar promovido pelo deputado Fábio Ramalho (PMDB-MG) ontem.

Continue lendo



Reformas de UTI´s em Caicó e Pau dos Ferros iniciam ainda este mês

Foi assinada nesta segunda-feira, 18, a ordem inicial para contratação dos serviços de reforma das Unidades de Terapia Intensiva (UTI´s) nos hospitais regionais de Caicó e Pau dos Ferros. As empresas vencedoras dos processos licitatórios iniciarão os serviços ainda este mês. O prazo para conclusão das obras é de 120 dias.

A empresa AR Projetos será responsável pela obra no Hospital Regional do Seridó, em Caicó, pelo valor de R$ 491.712,72. O Hospital Dr. Cleodon Carlos de Andrade, em Pau dos Ferros, terá a UTI reformada pela empresa BNF Construções, pelo valor de R$ 398.062,59. Nas UTI’s serão feitas a recuperação do piso, cobertura, instalações elétricas, instalações hidráulicas e sistema de climatização.

As reformas proporcionarão melhoria nos serviços de duas importantes unidades estaduais, ambas com 10 leitos de UTI, o que representa mais um avanço no processo de regionalização nas regiões Seridó e Oeste Potiguar.



Dom Antônio volta a criticar corrupção e reformas trabalhista e da previdência

Dom Antônio Carlos critica novamente as reformas da previdência e trabalhista – (Foto: Sidney Silva)

O Bispo da Diocese de Caicó, Dom Antônio Carlos Cruz Santos, em recente entrevista ao Blog Sidney Silva, voltou a criticar o enriquecimento de grandes empresas e de pessoas e lembrou que existe gente vivendo na pobreza e extrema pobreza. Na mesma entrevista ele fala sobre as reformas trabalhista e da previdência e diz que a sociedade não pode ficar de braços cruzados vendo tudo acontecer sem reagir.

Eu me lembro de quando o Papa João Paulo II esteve pela primeira vez na América Latina, no ano de 1979, em Puêbla no México. Ele falava de “ricos, cada vez mais ricos e pobres, cada vez mais pobres” e será João Paulo II que dirá, “Ricos, cada vez mais ricos às custas de pobres, cada vez mais pobres“. A gente sente que existe uma intenção de retrocesso com as reformas trabalhista e previdenciária em nome de uma crise econômica, mas, nós não vemos redução de gastos para os altos funcionários, por exemplo e de grandes devedores da Previdência Social. A própria JBS, que esteve agora na crista da onda com todas essas denúncias, ela deve bilhões à Previdência“, afirma.

Falando sobre corrupção, o Papa Francisco, disse que o dinheiro da corrupção é o dinheiro do povo e que esse deveria ter sido destinado para a Educação, Saúde, Segurança Pública, etc… “Aí você percebe o por que desses setores estarem tão vulneráveis. Agora, por outro lado, a sociedade não pode ficar de braços cruzados. Esse momento delicado que vivemos, deve nos levar a uma mudança de postura. Claro que a gente pode cair no discurso do desespero, que é, procurar o caminho mais curto, dos “salvadores da pátria”. Para nós que CREMOS, ou, a gente faz pelo caminho da paz, justiça e amor, ou nós vamos estar caminhando para um buraco“, diz.

Sobre as respostas que a sociedade deve dar à onda de corrupção vivenciada ao longo dos anos no Brasil, Dom Antônio disse que a Igreja Católica tem tentando fazer a sua parte. “Se nós vamos conseguir os frutos, aí, depende da graça de Deus e da liberdade humana. Se a maior parte da nação, decidir pegar o caminho do desespero, nós vamos pagar caro por isso, mas, cabe a nós, por coerência ao evangelho, falar aquilo que ele nos impele. Eu acho que uma contribuição que a mídia, por exemplo, poderia dar, era a de começar a mostrar às boas alternativas, ou seja, às coisas boas que estão acontecendo. O risco de a gente dar visibilidade a tudo que é negativo, é de uma hora acharmos que está tudo perdido. É preciso suscitar em nós a indignação diante daquilo que é errado, mas, ao mesmo tempo, um grande desejo de fazer o bem“, disse.



VÍDEO: Caicoenses foram às ruas contra reformas que tramitam no Congresso Nacional

Na manhã desta sexta-feira (28), trabalhadores de diversas categorias e estudantes, foram às ruas de Caicó para protestar contra às reformas, Trabalhista e da Previdência que estão em tramitação no Congresso Nacional. O Blog Sidney Silva acompanhou e mostra em imagens como foi.

Assista ao vídeo:



Caicoenses também estão nas ruas para protestar contra reformas trabalhista e previdenciária

Populares em mobilização na Praça José Augusto em Caicó – (FOTOS: Sidney Silva)

Centenas de manifestantes se concentraram a partir das 08hs da manhã desta sexta-feira (28), na Praça José Augusto, no centro da cidade de Caicó de onde partiram em mobilização pelas ruas. Eles protestam contra a reforma trabalhista e da previdência que está tramitando no Congresso Nacional em Brasília.

Em Caicó, os manifestantes percorrerão as principais ruas e avenidas com carros de som e usando apitos, cartazes. Muitos estão com os rostos pintados de verde e amarelo e segurando bandeiras do brasil.

A caminhada terminará na Praça Dix-Sept Rosado, também no centro aonde acontecerá um ato político com falas de líderes sindicais e de movimentos sociais. Músicos locais também se apresentarão.

Durante a caminhada, alunos e professores de escolas particulares, estaduais e municipais, também estão participando.



Rafael Motta vota contra a reforma trabalhista

Rafael Motta vota contra a reforma trabalhista

O deputado federal Rafael Motta (PSB) afirmou que a ameaça a direitos trabalhistas e a fragilização das relações de trabalho, motivada pela terceirização, foram decisivas para o voto contrário dele à reforma trabalhista, aprovada hoje (26) no plenário da Câmara dos Deputados.

O parlamentar acrescentou que, apesar da regulamentação de novas atividades e modelos de trabalho serem importantes para o país, é preciso cuidado para que isso não coloque em risco garantias adquiridas pelos trabalhadores.

“A possibilidade de redução de salários de empregados e a permissão para empresas substituírem funcionários por terceirizados foram fundamentais para o meu posicionamento contrário à reforma”, afirmou o parlamentar, que já havia se manifestado desfavoravelmente aos projetos que ampliavam a terceirização no Brasil.