Deicor cumpre mandados contra investigado por roubos a bancos em 10 municípios

Roberto Menezes de Queiroz, investigado por ter participado de roubos a bancos, em 10 cidades

A Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor) cumpriu dois mandados de prisão contra Roberto Menezes de Queiroz, investigado por ter participado de roubos a bancos, em 10 cidades, dos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba e Alagoas. Roberto Menezes foi preso em flagrante no dia 02 de janeiro, por policiais militares do 9º Batalhão de Polícia Militar quando estava circulando em Natal, juntamente com mais dois homens armados, em um veículo adulterado. No mesmo dia, policiais da Deicor conseguiram cumprir um dos mandados contra Roberto e na última sexta-feira (23), mais um mandado de prisão foi cumprido em seu desfavor.

De acordo com a Deicor, Roberto Menezes possui cinco mandados judiciais devido aos crimes cometidos pelo mesmo e tem procedimentos criminais abertos em todas os municípios. A investigação feita pela Divisão Especializada descobriu que ele atuou criminalmente nas cidades de Sítio Novo, São José do Mipibu, Goianinha, Touros, São Miguel, João Câmara e Canguaretama (Rio Grande do Norte); nas cidades de Belém e Malta (Paraíba) e na cidade de Novo Lino (Alagoas).



Deicor procura homem indiciado por roubos a instituições bancárias

Roberto de Menezes Queiroz é procurado pela Polícia

A Divisão Especializada em Combate ao Crime Organizado (Deicor) procura o foragido da Justiça, Roberto de Menezes Queiroz, 32 anos, suspeito de ter cometido diversos roubos a instituições bancárias.

Segundo investigações, ele é suspeito de no dia 03 de abril ter participado de dois roubos cometidos em bancos na cidade de Touros, além de ter roubado duas instituições bancárias no mês de julho, sendo um dos crimes ocorrido no dia 11, contra um carro-forte na cidade de São Pedro, onde foi subtraído 1 milhão e 900 mil reais, tendo o grupo utilizado um veículo SW Prata, encontrado com uma mancha de sangue em seu interior, a qual foi periciada.

O segundo roubo no mês de julho ocorreu no dia 29 na cidade de Belém (PA), no Banco Bradesco da cidade. Roberto também é suspeito de no dia 29 de setembro ter participado de um roubo em uma agência Banco do Brasil, localizada na Zona Norte de Natal. Durante a ação da Deicor, foi apreendido um veículo Corolla de cor preto, na residência de sua companheira, no bairro Vale Dourado, localizado na Zona Norte de Natal, tendo, segundo indícios, o carro sido comprado com o dinheiro dos roubos.

A Deicor solicita apoio da população acerca de maiores informações de Roberto, que podem ser repassadas de forma anônima através do telefone da divisão, de números 3232-6186/3232-2861, ou do Disque Denúncia da Polícia Civil, 181.