Prisões podem levar Polícia a descobrir motivação da morte do Sargento Cândido

Francisco Jadson (de camisa vermelha) e Jefersson (de camisa branca) foram presos em Currais Novos

A Polícia Civil investiga o fato de a arma tomada do policial militar, Antônio Cândido dos Santos, morto no dia 5 de junho em Natal, ter sido usada em assalto na zona rural de Lagoa Nova, na Serra de Santana, na madrugada de quarta-feira (21). A arma foi apreendida pela polícia de Currais Novos dentro da bolsa de uma das duas mulheres que estavam em motel escondidas. Elas são adolescentes.

Um dos homens que foi preso na mesma ação, foi identificado como, Jeferson Rodrigo do Nascimento, de 24 anos, conhecido por (Passarinho). Ele disse em entrevista à imprensa, que a pistola que foi tomada do Sargento Cândido, que estava em poder deles, estava na verdade com um homem identificado como “Buiú”, que está foragido. “A arma fica rodando de mão em mão. Ela estava com o Buiú”, disse.

A Polícia está apurando a informação de que um dos presos é natural de cidade da região Seridó, inclusive, se morou no Distrito de Laginhas, aonde também residiu o Sargento Cândido e sua família.

A prisão das quatro pessoas em Currais Novos portando a arma do policial, poderá levar a Polícia Civil para a possível motivação do crime que terminou com a morte do Sargento Cândido. Ou seja, se realmente foi um assalto, ou se foi um crime por encomenda.



Corpo do Sargento Cândido foi sepultado com honras militares

Corpo do Sargento Cândido foi levado ao cemitério no carro do Corpo de Bombeiros – (Foto: Sidney Silva)

Após a missa celebrada na capela de São Francisco de Assis no Distrito de Laginhas, que terminou por volta das 16hs, desta terça-feira (06), o corpo do Sargento Antônio Cândido, foi levado no carro do corpo de Bombeiros até o cemitério público local. Centenas de pessoas acompanharam à pé o cortejo fúnebre. Várias viaturas da PM e dos Bombeiros fizeram o trajeto com as sirenes ligadas.

Quando o caixão chegou ao cemitério, antes de entrar, foi segurado por policiais militares enquanto acontecia a salva de tiros, às honras militares. Em seguida, o cortejo seguiu até o túmulo e, lá, enquanto o caixão era descido foi executado pelo corneteiro a Marcha Militar Fúnebre.

Assista:



No sepultamento do Sargento Cândido, Cel. Azevedo diz que PM não vai recuar diante da criminalidade

Coronel Azevedo, comandante-geral da PM/RN, em discurso no velório do Sargento Cândido – (Imagem: Sidney Silva)

O sepultamento do Sargento Antônio Cândido dos Santos, aconteceu na tarde desta terça-feira (06), no cemitério público do Distrito de Laginhas, em Caicó. Antes, foi celebrada missa de corpo presente na Capela de São Francisco de Assis aonde o corpo também foi velado.

Os familiares, amigos e policiais militares prestaram as últimas homenagens tanto na capela como no cemitério. O comandante-geral da PM/RN, Coronel André Azevedo, participou da cerimônia e fez um discurso dizendo que Cândido foi o 11º policial militar que falece no estado que enfrenta uma grave crise na Segurança Pública.

Hoje nós perdemos um herói de verdade, que deixou seu exemplo de luta, de compromisso e dedicação. A bandeira cinza bandeirante, essa é nossa bandeira. O sargento Cândido fez por honrá-la e cabe a nós, nesse momento difícil, nos unirmos. Não vamos recuar um milímetro no combate a criminalidade. Quem praticou atos de criminalidade ou quem vier a praticar, vai enfrentar a força e a Lei. Não vamos recuar. O destino de quem procura o mal, é certo! É pagar pelo crime na cadeia ou no cemitério“, disse.

Noutro trecho de sua fala, o coronel Azevedo destacou que “a Polícia Militar representa 80% dos recursos humanos da Segurança Pública do RN. A Segurança Pública, não são às armas, não são os prédios, não são às viaturas, não são às munições, não são os medicamentos… somos nós profissionais das quatro instituições que compõem o Sistema de Segurança Pública“.

Ele ainda mandou um recado sem mencionar nomes dizendo que “a corporação não vai servir a interesses escusos de ninguém, por vaidade, inveja, ou o que quer que seja. Não vão macular esta instituição que este mês vai completar 183 anos de existência. Ninguém manchará a história da Polícia Militar. Eu estou aqui falando não como comandante-geral, mas, como policial militar. Não interessa se eu esteja aqui ou acolá, qualquer que seja a minha função”, falou.



Familiares, amigos e policiais velaram corpo do Sargento Cândido em Caicó

Velório do corpo do Sargento Cândido ocorreu primeiro na Capela do 6º BPM – (Foto: Cardoso Silva)

O corpo do sargento da Polícia Militar, Antônio Cândido dos Santos, foi velado desde às 20hs da noite desta segunda-feira (05) até às 10hs da manhã desta terça na capela do 6º BPM, localizado no Bairro Paraíba, de onde seguiu para ser velado e sepultado no Distrito de Laginhas em Caicó.

O comandante da PM, tenente-coronel, Walmery Costa, disse que às 16hs será celebrada missa de corpo presente e logo após, o corpo será sepultado no cemitério local. A missa será presidida pelo Bispo Dom Antônio Carlos Cruz.

Sob muita comoção, o caixão com o corpo do Sargento Cândido, deixou a capela do Batalhão sendo carregado pelos companheiros de farda.

A esposa, Tâmara Cândido, disse que no local do crime, seu marido ainda pediu para que os assaltantes levassem o carro. Ela ouviu o primeiro tiro e correu, mas, quando chegou na parte de fora do hospital viu seu marido caído no chão e o assaltante ainda efetuando um último tiro e empreendendo fuga.



Áudio: Polícia Civil segue na tentativa de prender segundo suspeito da morte de policial caicoense

Delegado geral de Polícia Civil do RN, Correia Jr. concedeu entrevista explicando sobre a prisão de suspeito de participar de latrocínio de sargento

O Delegado-Geral de Polícia Civil do Rio Grande do Norte, Correia Jr. concedeu entrevista na Rádio Caicó falando sobre a prisão de Claudio Sérgio de Oliveira Silva. Ele foi detido na Favela do Japão e em sua residências foram apreendidos vários objetos produtos de roubo e roupas usadas nas ações criminosas. Ele nega que tenha participado da morte do policial caicoense, mas, a Polícia tem indícios fortes de sua participação.

Ouça a entrevista:



DHPP prende suspeito de participar de latrocínio contra sargento da PM

Cláudio Sérgio foi preso como suspeito do crime

Uma equipe de policiais civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prendeu, nesta segunda-feira (05) na Favela do Japão, Claudio Sérgio de Oliveira Silva, 30 anos, suspeito de participar do latrocínio contra o sargento da Polícia Militar Antônio Cândido dos Santos, ocorrido na manhã de hoje no bairro Dix-Sept Rosado, Zona Oeste da capital. No crime, a vítima foi abordada por dois homens que estavam em uma motocicleta Honda CB 300, cor branca, e atingida por um disparo de arma de fogo. Após o latrocínio, a dupla subtraiu a arma do policial militar.

Segundo investigações, a dupla teria ainda cometido um roubo anteriormente ao latrocínio, na Avenida Lima e Silva, e subtraído das vítimas uma bolsa azul, uma carteira, e um celular. Imagens de câmeras de segurança, as quais mostram a dupla empreendendo fuga na motocicleta após o latrocínio, exibem um dos homens utilizando a mesma bolsa azul roubada na Avenida Lima e Silva. Através de diligências, policiais encontraram a motocicleta utilizada pelos homens abandonada no bairro das Quintas, tendo o veículo queixa de roubo. Durante a prisão de Cláudio, foram apreendidos dois aparelhos celulares, uma algema, além de serem encontradas uma calça preta e uma capa de chuva de mesma cor, ambas semelhantes as peças de roupa utilizadas pelos autores do crime.

Continue lendo



Corpo do Sargento Cândido será sepultado no cemitério de Laginhas

O corpo do Sargento da Polícia Militar, Antônio Cândido dos Santos, assassinado em Natal na manhã desta segunda-feira (05), será velado até as 10 horas de amanhã desta terça-feira (06), na Capela do 6º BPM. Depois, seguirá para o Distrito de Laginhas. Às 16hs será celebrada missa de corpo presente e logo em seguida sepultamento no cemitério público local.

O tenente-coronel, Walmery Costa, informou que sairá um ônibus as 10 horas da frente do 6 BPM com destino a Laginhas e outro às 15hs.



Sargento Cândido foi baleado duas vezes; Tiros também atingiram figado e rins

Na necropsia realizada pelo Instituto Técnico-Cientifico de Perícia, foi possível identificar que o Sargento Antônio Cândido dos Santos, sofreu dois tiros, sendo um nas costas, acima da omoplata e outro no tórax lateral (entre às costelas).

Os projéteis entraram no lado esquerdo e ficaram alojados do lado direito do corpo. Uma fonte do Blog Sidney Silva confirmou que os tiros perfuraram figado e rins do policial.

O corpo já foi necropsiado e está liberado para ser trasladado para Caicó. Inicialmente, o velório será na Capela do 6º BPM e depois seguirá para o Distrito de Laginhas aonde será sepultado no Cemitério local.



Polícia Civil confirma prisão de suspeito da morte de Sargento da PM caicoense

A assessoria de Comunicação da Polícia Civil do Rio Grande do Norte, confirmou que um dos suspeitos da morte do Sargento Cândido dos Santos, foi preso. A abordagem teria ocorrido na Favela do Japão, localizada nas Quintas, Zona Oeste de Natal.

O homem suspeito, usa tornozeleira eletrônica por ser do sistema semiaberto. A Polícia está fazendo os procedimentos de praxe como a ouvida do mesmo.

Ainda falta prender o segundo suspeito que está foragido.



Moto usada por dupla para matar sargento da PM caicoense é abandonada

Moto usada por dupla que matou Sargento Cândido foi abandonada após o crime

A moto que foi usada pela dupla que matou o sargento da PM, Antônio Cândido dos Santos, de 37 anos, foi abandonada logo após o crime ainda no Bairro de DixSep Rosado, Zona Oeste de Natal. É uma CB 300R, ano 2015, de cor branca de placa QGA-5115/Macaíba/RN.

A Polícia trabalha para prender os dois assassinos que praticaram o crime. O garupa da moto foi quem anunciou o roubo e inclusive atirou no PM. Quando o policial já estava no chão foi atingido por mais um disparo nas costas.



Imagens mostram como aconteceu a morte do Sargento Cândido; Entenda como foi

O sargento da Polícia Militar, Antônio Cândido dos Santos, de 37 anos, que foi assassinado na manhã desta segunda-feira (05), exatamente às 06hs10min na Avenida Miguel Castro, nas imediações do cruzamento com a Avenida 6. O corpo do PM já foi necropsiado. Os peritos do ITEP confirmam que ele sofreu dois disparo sendo um no tórax, abaixo do coração e outro nas costas.

Desde o ano 2000 na Polícia Militar, Antônio Cândido, atuou também no Grupo Tático Operacional e ultimamente, estava sendo monitor do curso de nivelamento que ocorre no 6º BPM em Caicó.

O tenente-coronel, Walmery Costa, confirmou ao Blog Sidney Silva, que o corpo do policial será velado inicialmente na capela do 6º BPM e depois na casa de familiares no Distrito de Laginhas (Caicó).

Diligências estão sendo realizadas em Natal para tentar prender os dois homens que mataram o Sargento Cândido nesta manhã. Policiais do BOPE, BPChoque, Rocam, RP e a Polícia Civil estão no caso.



Sargento da PM, caicoense, é assassinado em Natal

Sargento Cândido foi morto em Natal

O caicoense, Sargento PM Cândido, que trabalhou muitos anos no Grupo Tático Operacional do 6º BPM, foi assassinado nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (05) em Natal.

De acordo com informações desencontradas ainda, ele estava deixando no Hospital da Liga Contra o Câncer em Natal, o seu pai para passar por consulta médica, quando dois homens se aproximaram para assaltar.

O fato se deu na Avenida Miguel Castro com a Avenida 6 no Bairro do Alecrim, nas proximidades do Supermercado Show Bis.

Segundo o COPOM da PM, o Sargento Cândido estava com a esposa e o pai entrando no Hospital quando os 2 homens uma moto anunciaram o assalto, viram que era um policial e atiraram. Eles levaram a Pistola.

O tenente-coronel Walmery Costa, comandante do 6º BPM, disse na Rádio Caicó nesta manhã que o Sargento Cândido estava, ultimamente, coordenando o curso de nivelamento realizado no Batalhão. Ele também pertenceu ao Grupo Tático Operacional – GTO.

Nós lamentamos muito esse fato. Ele era um dos melhores policiais que tínhamos nos nossos quadros. Lamentavelmente esse fato ocorreu. Nós acionamos o Comandante Geral que mandou imediatamente para o local, policiais do BOPE, BPChoque e outras guarnições“, disse.

*Aguardem novas informações….