Corintians de Caicó articula volta ao futebol profissional potiguar

Marcos Lopes destaca que seu Blog na Tribuna do Norte que Raimundo Inácio Lobão, que é o presidente do Conselho Deliberativo do Corintians de Caicó, esteve na tarde de hoje (11) reunido com José Vanildo, presidente da FNF. Na reunião, Lobão comunicou que o Corintians vai retomar o futebol, disputando todas as competições de base para preparar o time que vai disputar a Segunda Divisão do Estadual deste ano.

Segundo Lobão, agora melhor estruturado, o Corintians tem condições de tentar o retorno para a Primeira Divisão do Estadual, onde foi campeão em 2001, com Álvaro Dias na presidência do clube e com patrocínio fundamental da SAT Distribuidora de Combustíveis. O time base daquele ano tinha  Pacato, Jorge Alagoano, Amaral, Vladimir e Rogério; Raminho, Márcio Silva, Duda e Betinho; Júnior Bahia e Pedro Costa.



Segunda Divisão do Campeonato Potiguar começa em outubro

Reunião na tarde desta terça-feira (15), na sede da FNF, em Natal, deixou pre-definida a largada e composição da segunda divisão do Campeonato Potiguar.

Comandada pelo diretor técnico da Federação, Costinha, a reunião contou com a participação de representantes de seis clubes pretendentes à disputa da divisão de acesso: Mossoró, Palmeira de Goianinha, Força e Luz, Clube Atlético Potiguar, Visão Celeste e Centenário de Parelhas.

Em conversa com a reportagem do Portal F9, Costinha informou que a reunião serviu para informar aos pretendentes sobre fórmula de disputa e requisitos para participar da competição.

“As principais exigências dizem respeito às condições dos estádios onde serão sediados os jogos. Cada clube terá de apresentar os laudos técnicos de Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, CREA e Vigilância Sanitária. Sem eles, não haverá condição de o clube participar”, declarou o dirigente.

Costinha acredita que nem todos confirmarão a inscrição, devido o curto espaço de tempo para apresentar a documentação exigida.

Dos candidatos, até agora, apenas Mossoró (Nogueirão), Palmeira (Nazarenão) e Força e Luz (Barrettão), tem situação definida. Os demais ainda tentam viabilizar sua participação.

Na próxima segunda-feira (22), acontece uma nova e definitiva reunião, quando será formatada e anunciada a tabela do campeonato para atender o que preconiza do Estatuto do Torcedor, que é respeitar o prazo de 60 dias até o início da disputa, programado para 22 de outubro.

Costinha ressaltou que, mesmo quem não participou da reunião desta terça-feira, pode disputar a competição, desde que seja filiado à FNF e compareça ao próximo encontro de posse de todos os documentos exigidos, como taxa de inscrição e laudos dos estádios.

SISTEMA MANTIDO

A fórmula do campeonato será a mesma do ano passado, com sistema de pontos corridos e todos jogando contra todos, em sistema de ida e volta. Ao final, quem obtiver maior número de pontos, será declarado campeão e estará classificado para a primeira divisão de 2018.

Basicamente, os clubes deverão utilizar atletas com até 23 anos de idade até 31 de dezembro deste ano. Serão permitidos inscrever jogadores acima dessa idade, porém apenas cinco destes poderão figurar entre os 23 relacionados de cada partida. Nesse caso, não haverá limite para a utilização desses atletas no jogo.

*Via Jornal De Fato