Policiais civis encerram greve no RN; PM também pode voltar ao trabalho

Do G1/RN – Polícia Civil do Rio Grande do Norte encerrou nesta terça-feira (9) a greve iniciada em 20 de dezembro. A decisão foi tomada em assembleia e confirmada pelo Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol).

O Sinpol informou que as atividades da Polícia Civil serão normalizadas ainda nesta terça.

Já a Polícia Militar aguarda a assinatura de um Termo de Ajustamento de Gestão por parte do governo do estado, Ministério Público e Assembleia Legislativa para deliberar sobre o fim da greve.

Os policiais reivindicavam o pagamento dos salários e melhores condições de trabalho. Dentre as dificuldades apontadas pelos PMs, estão a precariedade das viaturas, falta de munições e coletes à prova de balas vencidos. No dia 4 de janeiro, os policiais militares entregaram um documento com 18 reivindicações ao comando da Polícia Militar e ao governo do estado.



Formação da 1ª turma do Programa de Formação Básica para o trabalho aconteceu ontem em Caicó

Formação-da-1ª-turma-do-Programa-de-Formação-Básica-para-o-trabalho-aconteceu-ontem-em-Caicó

A primeira turma de adolescentes do Programa Formação Básica para o Trabalho do CAMP SBC em parceria com as Aldeias Infantis SOS Brasil em Caicó foi formada em solenidade que acontece nesta terça-feira (04/04), em Caicó. O evento aconteceu no auditório do Ceres da UFRN e contou com a presença do presidente do CAMP SBC, Luiz Antônio Novi, do gestor das Aldeias Infantis SOS Brasil, Santiago Júnior, do patrono da turma, Padre Francisco de Assis Costa, de Veracilda Vale Fernandes, Secretária Adjunta de Educação, e dos presidentes dos Rotary Clubes de Caicó. Além de representantes de instituições, autoridades e familiares.

Esse evento estabelece um marco na política da criança e do adolescente de Caicó, fomentado por propósitos colaborativos e que já constatamos o início de uma transformação que começa a dar frutos em nossa cidade, fortalecendo políticas públicas e gerando desenvolvimento com responsabilidade social”, destacou Santiago Júnior.

As Aldeias Infantis SOS de Caicó, em parceira com o CAMP São Bernardo do Campo atuarão de forma sinérgica e eficiente com foco na incidência da Promoção, Defesa e Garantia de direitos de crianças e adolescentes com ênfase no programa da aprendizagem, como forma de combater e erradicar o Trabalho Infanto-Juvenil promovendo o trabalho adolescente protegido.

Sem dúvida é uma oportunidade que estamos dando a esses jovens. Observamos diariamente uma grande quantidade de jovens pelas ruas envolvidos com o mundo das drogas e precisamos ver esses jovens aqui em Caicó inseridos na educação e no trabalho. Esse é o nosso objetivo e com certeza aqui vamos ter essa resposta e vamos alcançar os nossos objetivos”, disse o presidente do CAMP SBC, Luiz Antonio Novi.