Juíza do trabalho Stella Paiva de Autran Nunes passa a integrar quadro de magistrados do TRT-RN

Magistrada já tomou posse no cargo e vai atuar em Mossoró

O Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN) conta agora com uma nova magistrada. A juíza do trabalho Stella Paiva de Autran Nunes tomou posse, na tarde desta sexta-feira (28), em solenidade virtual, durante a abertura da 4ª Sessão Ordinária do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT), presidida pela ministra Maria Cristina Peduzzi, que preside o Conselho e o Tribunal Superior do Trabalho (TST).

Formada em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Stella Paiva de Autran Nunes foi aprovada em concurso para juízes substitutos do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região (PA/AP) em 2015. Nos últimos anos, ela atuou na Corregedoria, em Belém, e como substituta nas cidades de Macapá e Laranjal do Jari-Monte Dourado.

A magistrada chega ao TRT-RN por meio de procedimento unificado de remoção, realizado em todo o país e ficará lotada na 1ª Vara do Trabalho de Mossoró.

Também participaram da posse o juiz auxiliar da Corregedoria, Luciano Athayde Chaves, e o juiz do trabalho Higor Marcelino Sanches, presidente da Associação dos Magistrados do Trabalho da 21ª Região (Amatra 21).


Novo desembargador do TRT será oriundo da OAB

A Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Norte (OAB/RN) lançou na sexta-feira, 15, o edital com as regras para os advogados escolherem os representantes da classe na lista sêxtupla para o quinto constitucional do Tribunal Regional do Trabalho – 21ª Região. O edital é o marco inicial do processo que vai resultar na indicação do futuro desembargador (ou futura desembargadora) do TRT/RN. Sua publicação será feita segunda-feira, 18, no Diário Oficial da OAB.

Os advogados escolherão seus representantes na lista sêxtupla por votação direta. Poderão votar os advogados adimplentes com a OAB. Uma vez escolhidos os seis nomes no processo da Ordem, a etapa seguinte será a votação entre os próprios desembargadores do TRT/RN, para que formem uma nova lista, desta vez tríplice.

A última etapa é restrita ao presidente da República, a quem caberá escolher o novo membro da Justiça Trabalhista no Estado, dentre os três nomes apontados pelos magistrados potiguares. O nome escolhido pelo presidente vai ocupar a vaga do desembargador José Rego Júnior, falecido no início deste ano.

*Tribuna do Norte