Corinthians e Vasco empatam e cariocas estão praticamente rebaixados

(Foto: Rodrigo Cabral/Corinthians)

Em partida válida pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro, Corinthians e Vasco não saíram do 0, na tarde deste domingo (21), na Neo Química Arena, em São Paulo.

Na 17ª posição, o Cruz-maltino depende de um milagre na última rodada contra o Goiás, em São Januário, na quinta-feira, para seguir na Série A.

Os cariocas, que somam 38 pontos, precisam vencer, torcer para que o Fortaleza perca para o Fluminense e que seja revertida uma diferença de 12 gols de saldo. O Corinthians, em 10º lugar com 50 pontos, fica sem chances de ir à Pré-Libertadores se o Santos fizer pelo menos um ponto nos dois jogos que ainda vai disputar. O Timão encerra o Brasileiro contra o Inter no Beira-Rio na quinta-feira.

Agência Brasil


Inter vence Vasco e pode ser campeão no domingo contra o Flamengo

Inter bate o Vasco e segue líder do Brasileirão – (Foto: Ricardo Duarte)

O líder Internacional derrotou por 2 a 0 o Vasco da Gama, em São Januário, no Rio de Janeiro, e complicou ainda mais a situação do Cruzmaltino, que tenta escapar da zona de rebaixamento (Z4).

Com a vitória, o Colorado foi a 69 pontos, e pode conquistar o título antecipadamente na próxima rodada contra o Flamengo, no domingo (21) que vem, no Maracanã, quebrando um jejum de 41 anos sem o título do Brasileirão.

Também no Rio, o Rubro-Negro levou a melhor nesta tarde sobre o Corinthians, ao ganhar por 2 a 1, mantendo a vice-liderança do campeonato, com 68 pontos, a apenas um de alcançar o Colorado.

Com a derrota, o Vasco segue no Z4, com 37 pontos, na 17ª posição. Para seguir na Série A, o Cruzmaltino precisa ganhar na próxima rodada, contra o Corinthians, em São Paulo, e torcer pela vitória do Fortaleza contra o Bahia (16º colocado) no Castelão, domingo (21) que vem.

Agência Brasil


Vasco vence Atlético-MG por 3 a 2 e deixa o Z4

Vitória sobre o Atlético coloca o Vasco fora da Zona do Rebaixamento – (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

Com dois gols de Cano e um de Pikachu, o Vasco mostrou força em São Januário, derrotou o Atlético-MG por 3 a 2, chegou a 35 pontos, deixou a zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro e agora ocupa a 14ª colocação. Apesar de ter ficado maior parte do tempo com a bola, o Galo não foi bem na defesa, mesmo assim conseguiu fazer dois gols no segundo tempo depois de estar perdendo por 3 a 0. O Atlético permanece com 54 pontos, na quarta posição.

Apesar da vitória sobre o Atlético-MG e de ter conseguido sair da zona de rebaixamento, com 35 pontos acumulados, o Vasco poderá perder a 14.ª posição no Brasileirão neste domingo (24) para o Fortaleza, que soma o mesmo número de pontos e jogará às 18:15h (hora de Brasília), com o Atlético-GO no estádio Antônio Accioly, em Goiânia. Mas independente do resultado, o Vasco não corre riscos de retornar ao  grupo dos clubes ameaçados de rebaixamento.

Agência Brasil


Bragantino goleia Vasco por 4 a 1

Time de Bragança Paulista não tomou conhecimento do adversário carioca – (Foto: Diogo Reis/Twitter Brasileirão)

No Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, o Bragantino goleou o Vasco da Gama por 4 a 1. O gol foi marcado pelo volante Ramires aos 14 minutos do primeiro tempo de cabeça depois de um bom cruzamento do Claudinho da esquerda. 

Nos últimos quatro jogos, a equipe do interior paulista tem três vitórias e um empate. Com esses resultados, o Bragantino chega à 10ª colocação com 41 pontos. Enquanto isso, o Vasco perdeu a segunda partida seguida e se aproximou da zona de rebaixamento à Série B. O Cruzmaltino é o 16º com 32 pontos, à frente do Fortaleza, que abre o Z-4, apenas nos critérios de desempate.

O time de Bragança Paulista volta a jogar na segunda-feira (25) contra o Corinthians em São Paulo. O próximo compromisso do Vasco é contra o Atlético Mineiro no sábado (23) no Rio de Janeiro.

Agência Brasil


Vasco empata com o Atlético-GO e deixa a zona do rebaixamento

Vasco e Atlético Goianiense não saíram do 0 a 0

O Vasco empatou em 0 a 0 com o Atlético-GO, nesta quinta-feira (7) no estádio Antônio Accioly, em Goiânia, em partida válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro que marcou a reestreia do técnico Vanderlei Luxemburgo pela equipe carioca.

Apesar da igualdade sem gols, o Cruzmaltino conseguiu deixar a zona do rebaixamento, pois, com o ponto conquistado, chegou à 16ª posição com 29 pontos. Já o Dragão permanece na 12ª posição com 35 pontos.

As duas equipes voltam a entrar em campo pelo Brasileiro no próximo domingo (10), quando o Vasco faz clássico com o Botafogo em São Januário, e o Atlético-GO mede forças com o Bahia no estádio Antônio Accioly.


Vasco anuncia Alexandre Pássaro como novo diretor executivo

Alexandre Pássaro é o novo diretor executivo do Vasco

Após anunciar Vanderlei Luxemburgo no cargo de treinador, o Vasco confirmou, nesta sexta-feira (1), Alexandre Pássaro para assumir a Diretoria Executiva de Futebol Profissional do clube. O profissional estava exercendo a gerência executiva do líder do Campeonato Brasileiro São Paulo, onde atuou na função de 2017 a 2020. Ele chega para substituir André Mazzuco, demitido na última terça-feira (29).

Em comunicado por meio de Twitter, o diretor executivo fala sobre assumir o que ele define como “grande desafio”.

– Estou muito feliz por assumir esse grande desafio que é estar à frente do departamento de futebol do Vasco da Gama. É um sonho para qualquer profissional de futebol trabalhar neste clube, com tanta história e tradição. Minha motivação é enorme e tenho certeza que juntosdiretoria, comando técnico, jogadores e torcidateremos momentos felizes pela frente – afirmou Pássaro.

No curto prazo, o profissional, de 31 anos, chega para manter o Vasco na Série A do Campeonato Brasileiro. A equipe cruzmaltina se encontra na zona de rebaixamento, ocupando a 17ª posição. Pássaro se apresenta ao elenco do clube neste sábado (2).

Agência Brasil


Vasco define demissão de Sá Pinto e tenta fechar com Zé Ricardo

Ricardo Sá foi comunicado de sua saída do clube ainda na madrugada desta terça – (Foto: Staff Imagens/Conmebol)

Ricardo Sá Pinto não é mais técnico do Vasco. Pouco mais de dois meses após chegar ao Brasil, o treinador foi demitido nesta terça-feira, depois da derrota por 3 a 0 para o Athletico-PR, na Arena da Baixada. O português sai com o time na zona de rebaixamento do Brasileirão, em 17ª lugar, com 28 pontos. Zé Ricardo é o nome mais forte no momento para substituir Sá Pinto.

O treinador foi comunicado na madrugada desta terça de que não seguirá no clube. O anúncio deve acontecer nas próximas horas. Sá Pinto comandaria treino no CT na manhã desta terça, mas, durante a madrugada, a atividade foi remarcada para a parte da tarde. O elenco foi comunicado por volta de 1h da manhã.

A demissão começou a ser costurada na noite de domingo, após o jogo em Curitiba, quando Alexandre Campello entrou em contato com o presidente eleito Jorge Salgado, por telefone. Nesta segunda, os dois se reuniram e definiram a saída. A busca agora é por um novo treinador. Nome que ganhou força nas últimas horas, Zé Ricardo já recebeu contato do Vasco, e a negociação está em andamento. Ele recebeu bem a oferta e avalia com seus representantes. A confirmação deve acontecer ainda nesta terça.

GE


Brasileiro: Vasco arranca empate com Fluminense em São Januário

Argentino Cano garantiu igualdade nos acréscimos do 2º tempo – (Foto: Lucas Mercon/ Fluminense F.C.)

O último clássico carioca do ano terminou em empate de 1 a 1 entre Vasco e Fluminense neste domingo (13), em jogo válido pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, em São Januário, os vascaínos seguem no calvário da luta contra o rebaixamento, com 25 pontos na 17ª posição, e os tricolores deixaram de encostar no pelotão da frente, parando no 7º lugar com 40 pontos.

Logo aos 9 minutos, o zagueiro Leandro Castan rebateu mal para o meio da grande área, e a bola sobrou livre para o atacante Wellington Silva. O camisa 17 finalizou com tranquilidade e abriu o marcador para o Tricolor carioca.

Na segunda etapa, já nos acréscimos, os donos da casa empataram com Germán Cano, que marcou após cruzamento do também argentino Léo Gil. O gol evitou que a equipe das Laranjeiras quebrasse um tabu, o de superar o Vasco em Januário, algo que aconteceu pela última vez em 1973.

O Fluminense volta a campo na próxima quarta (16), quando enfrenta o Atlético-GO. Já o Vasco pega o Santos no próximo domingo (20).

Agência Brasil