Vereador critica contrato da Prefeitura de Caicó com empresa de recuperação de créditos

O vereador Pastor Erinaldo Lino voltou a demonstrar preocupação com a continuidade do contrato entre o Município de Caicó e a empresa Virtus, especializada em recuperação de créditos.

Temos acompanhado essas decisões, as quais se referem a valores consideráveis. O Tribunal de Contas do Estado (TCE) pediu a revisão desse contrato e a Receita Federal não homologou o processo”, explicou o vereador.

O Edil ainda fez duras críticas sobre a manutenção do contrato destacando que já foram pagos mais de 2 milhões de reais a empresa.

No ano de 2018 foi recolhido para o Município, através de negociações do Refis, 1,8 milhão de reais. E foi pago à empresa Virtus R$ 2,28 milhões de reais. Isso tem deixado o contribuinte preocupado, pois foi planejada, por exemplo, a compra de dois carros coletores de lixo, mas só um foi adquirido. A preocupação maior do Município foi pagar a empresa”, criticou o Pastor Erinaldo.