Ceres cria bosque para homenagear vítimas da covid-19

Vítimas da Covid serão homenageadas com árvores

O Centro do Centro de Ensino Superior do Seridó (Ceres/UFRN) encontrou um jeito muito autêntico para homenagear as vítimas da covid-19. Na última sexta-feira, 26, o Conselho de Centro aprovou a criação do Bosque da Memória do Ceres. O projeto pretende plantar árvores da caatinga em homenagem às vítimas do novo coronavírus e aos profissionais da área da saúde.

Para sua realização, a instituição conta com uma área de conservação em uma região arborizada com três hectares. Além disso, o projeto já ganhou o apoio de instituições como o Instituto de Defesa do Meio Ambiente (Idema), Superintendência de Infraestrutura da UFRN (Sinfo), Instituto de Gestão de Águas (Igarn), Secretaria do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do RN (Semarh) e as ONGs Guardiões da Terra, Baobá e a rede Eu sou do amor.

As pessoas que desejam homenagear as vítimas da covid-19, ou profissionais de saúde que estejam lidando diretamente com a pandemia, podem contatar o Centro para fazer o plantio da árvore por meio do WhatsApp (84) 99193 6053. Ao solicitar o plantio, é necessário identificar a vítima e escolher uma espécie de árvore nativa da Caatinga.

Segundo a diretora do Ceres, Sandra Araújo, o plantio será realizado em etapas, sempre nas manhãs das sextas-feiras, começando no próximo dia 12. “A ideia é plantar 12 mudas de cada vez, recebendo duas por pessoa homenageada. Até o momento, 25 pessoas solicitaram participar das homenagens”, disse.

Além desse projeto, serão feitas ações permanentes de arborização e paisagismo nos estacionamentos e nas áreas de convivência do campus da UFRN de Caicó. “Árvores representam vida, refúgio, alimento, ar. Também representam resiliência, força, alegria, abundância, paz e beleza. Homenagear uma vítima do covid-19 e os profissionais de saúde com o plantio de um árvore representa manter viva a memória da pessoa; representa também um ato simbólico de seus entes queridos em honra e memória dos mesmos”, completa Sandra Araújo.