Presos do Sindicato do RN avisam direção do Pereirão que não aceitam presença do PCC

Os presos do Sindicato do RN que ocupam a Penitenciária Estadual do Seridó em Caicó, mandaram avisar a direção que não aceitam a vinda de presos do PCC para a unidade.

“Se ocorrerem transferências de presos do PCC para Caicó, eles disseram que vai acontecer o mesmo que ocorreu aqui no passado”, disse o diretor Ubirajara Araújo em entrevista na Rádio Caicó nesta quarta-feira (18).

Eles (os presos) se referem a rebelião registrada em 2015, quando houve o confronto entre presos do Sindicato com os do PCC que teve como resultado, a transferência dos presos do Primeiro Comando para outras unidades prisionais.

Atualmente, os internos do Presídio de Caicó, estão soltos nos pavilhões porque as grades das celas foram arrancadas na última rebelião, justamente quando houve confronto entre Sindicado do RN e PCC. De lá, pra cá, as grades não foram repostas.

A penitenciária estadual do Seridó, atualmente, é ocupada somente por presos ligados a facção “Sindicato do RN”.