Quase 60 municípios ficam sem recursos do FPM em julho; No Seridó foram 6

O primeiro repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de julho atingiu um número recorde de municípios com o saldo zerado no Rio Grande do Norte.

O depósito foi feito nesta sexta-feira, 8, e das 167 cidades potiguares, 59 ficaram com o saldo zerado neste sétimo mês do ano de 2016 e não receberam verbas da União.

Neste decêndio, a cota teve diminuição de 10,82%, sem considerar a inflação do período, em comparação com o mesmo repasse de 2015. Com a inflação, a queda chega a 17,27%. A situação preocupa os gestores, que têm recebido cada vez menos verbas do tesouro nacional.

MUNICÍPIOS COM FPM ZERADO NA PRIMEIRA COTA DE JULHO/2016:

AFONSO BEZERRA – ALTO DO RODRIGUES – ANTÔNIO MARTINS – AREIA BRANCA – AREZ – BARAÚNA – CAIÇARA DO NORTE – CAICÓ – CAMPO REDONDO – CARAÚBAS – CARNAÚBA DOS DANTAS – CARNAUBAIS – CORONEL EZEQUIEL – EQUADOR – EXTREMOZ – FELIPE GUERRA – FERNANDO PEDROZA – FLORÂNIA – GOV. DIX-SEPT ROSADO – GROSSOS – IELMO MARINHO – JANDAIRA – JANDUIS – JAPI – JARDIM DE ANGICOS – JARDIM DO SERIDÓ – JOÃO CÂMARA – JUNDIÁ – LAGOA D’ANTA – LAGOA DE PEDRAS – LAGOA SALGADA – MARCELINO VIEIRA – MARTINS – MAXARANGUAPE – MONTE DAS GAMELEIRAS – NOVA CRUZ – PARANÁ – PARAÚ – PARAZINHO – PAU DOS FERROS – PEDRA GRANDE – PEDRO AVELINO – PEDRO VELHO – PENDÊNCIAS – PILÕES – PUREZA – RIACHO DE SANTANA – RIO DO FOGO – SANTANA DO MATOS – SÃO FRANCISCO DO OESTE – SÃO JOSÉ DO MIPIBU – SÃO RAFAEL – SERRA DO MEL – SÍTIO NOVO – TIBAU – TRIUNFO POTIGUAR – UMARIZAL – VÁRZEA – VENHA VER.