Coronavac pode ser atualizada para conter as novas cepas de coronavírus em 2 meses

CoronaVac pode ter atuação contra novas cepas em dois meses

As vacinas contra a Covid-19 produzidas na China, baseadas no vírus inativado, podem ser atualizadas para conter as novas variantes em cerca de dois meses, relatou o Global Times, do governo chinês, nesta terça-feira (26), citando um especialista do Centro Chinês para Controle e Prevenção de Doenças.

Existem preocupações de que as vacinas desenvolvidas no último ano possam ser menos eficazes contra novas variantes do vírus descobertas recentemente na Grã-Bretanha e na África do Sul. A Moderna Inc. disse na segunda-feira (25) que testaria uma nova injeção de reforço dirigida à variante sul-africana, após concluir que a resposta do anticorpo pode ser diminuída.

Continue lendo