“Ele alega ter agido para não morrer”, disse delegado sobre depoimento do assassino de adolescente

Os delegados Ricardo Brito (DP REGIONAL) e Leonardo Germano (DP MUNICIPAL), ambos de Caicó, concederam entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (23), onde passaram os detalhes da investigação que levou a prisão de Hércules Medeiros da Rocha, de 19 anos, acusado de matar o adolescente, Ricardo Leandro Lima da Costa, de 15 anos, no dia 19 de março deste ano.

O Hércules deu 3 versões quando foi ouvido e, na última, confessou ter matado o Ricardo Leandro, principalmente diante das provas coletadas na investigação. “Ele alega que estava sendo ameaçado pela vítima. O meio empregado realmente, foi a pedradas, surpreendendo a vítima no matagal. Ele alega ter agido para não morrer“, contou o delegado.

Sobre o estupro que a mãe de Ricardo Leandro disse ter ocorrido depois de ouvir a informação de um médico legista do ITEP, não se confirmou. O delegado Leonardo Germano, disse que “não existe nenhum elemento técnico que comprove e o Hércules ele rechaça ter estuprado a criança afirmando apenas que foi o autor do homicídio em decorrência de uma briga pessoal que tinha com o adolescente e que este o ameaçava, por isso, se antecipou“.

No dia em que o corpo de Ricardo Leandro foi encontrado, buscas já haviam sido realizadas e, o assassino estava participando, inclusive, ajudou a polícia a chegar ao local. Segundo o delegado Leonardo Germano, com isso, Hércules, tentou despistar a polícia.

A informação que o garoto tinha saído de casa para tentar encontrar um cavalo que estava desaparecido, realmente foi confirmada. O delegado disse que ele já estava nessa busca há alguns dias e que encontrou o Hércules, no mato, por acaso.


Homem que confessou ter matado adolescente Ricardo Leandro ajudou nas buscas

Hércules de Medeiros ajudou nas buscas pelo corpo do adolescente – (FOTO: Reprodução de vídeo feito por Geraldo Oliveira)

A Polícia Civil prendeu na manhã desta sexta-feira (23), Hércules de Medeiros. Na Delegacia, ele confessou que matou o garoto, Ricardo Leandro Costa de Lima, de 15 anos, no dia 19 de março deste ano.

A informação de que ele foi estuprado não foi confirmada por laudo do Instituto Técnico-Científico de Perícia – ITEP. A questão foi levantada pela mãe, Aline da Costa Lima, em entrevista ao programa Cidade Alerta, da 102,7 FM.

O assassino confesso de Ricardo Leandro, ajudou nas buscas pelo corpo, concedeu entrevista ao repórter do Sistema Rural de Comunicação ao lado do corpo da criança. Ele também estava na sala da casa do adolescente quando eu (Sidney Silva) entrevistei a mãe, Aline Lima.