O Senhor das Armas: DEICOR faz nova apreensão de armas de fogo

Armas apreendidas em nova fase da Operação O Senhor das Armas

Policiais Civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado – DEICOR, dando continuidade a operação “O Senhor das Armas”, apreenderam na manhã de quinta-feira (13), mais duas armas de fogo.

Foram apreendidas, uma submetralhadora de calibre .40 e uma Pistola de calibre 9mm P, todas elas pertencentes a MAKSON FELIPE DE MENEZES PEREIRA, vulgo “Playboy das Armas”, natural de Natal/RN, com 33 anos de idade, preso em flagrante na quarta-feira (12).

MAKSON foi preso em companhia de ESTERIVAR FERREIRA DE LIMA, vulgo “Senhor das Armas”, no Bairro de Candelária, em Natal/RN, negociando um fuzil AR10, calibre 7,62x51mm, com 03 carregadores e 157 munições do mesmo calibre, além de uma SubMetralhadora Luger 9mm P, uma pistola Glock, calibre 9mm P, com seletor de rajada e 03 carregadores, bem como 2 carros blindados. Ao final da operação o Deicor contabilizou a apreensão de 5 armas de fogo e 183 munições

O delegado Erick Gomes, titular da Divisão disse que vai continuar com as investigações para identificar e prender outros criminosos envolvidos com o comércio ilegal de arma de fogo no Estado.

A Polícia Civil pede para que a população continue enviando informações de forma anônima, através do disque denúncia 181, disque DEICOR (84) 3232-2862 ou ZAP DEICOR (84) 98135-6796.


Polícia Civil prende foragido da Justiça em Caicó

Prisão do foragido foi realizada nesta sexta

Policiais civis da Delegacia Municipal de Caicó prenderam, nesta sexta-feira (30), Yann Sanderson Santos de Azevedo, de 21 anos, no Bairro de Samanaú, zona leste da cidade. Em desfavor dele, existiam dois mandados de prisão em abertos, um pela prática de crime de furto e outro pelo crime de tráfico de drogas.

Yann Sanderson teve seu primeiro mandado de prisão expedido pela Comarca de São João do Sabugi, por causa de condenação pelo crime de furto. Além disso, existia um mandado de prisão preventiva expedido pela 2ª Vara da Comarca de Caicó, em inquérito em que é investigado por tráfico de drogas.

Ele estava foragido da Justiça desde 7 de junho de 2020, quando policiais civis cumpriram mandado de busca e apreensão em sua residência e apreenderam 68 trouxinhas de maconha, entre outros objetos relacionados a tráfico. Ele foi conduzido à Delegacia e, em seguida, encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181 ou pelo Whatsapp 84 3421-6029 (Delegacia Municipal de Caicó).

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS


Polícia Civil deflagra 17ª fase da Operação Parabellum

Arma e munições apreendidas na ação

Policiais civis da Delegacia Municipal de Macaíba deram continuidade, nesta quarta-feira (28), à 17ª fase da Operação Parabellum, que visa desarticular a ação de organizações criminosas na cidade de Macaíba, com atuações proativas e reativas no combate aos crimes pelos integrantes de facções cometidos.

A ação aconteceu no bairro Cidade de Deus, em Macaíba, e teve como objetivo a prisão de Marcos Antonio da Silva, conhecido como “Orangotango”, 21 anos. Ele é suspeito de ser o chefe de uma facção criminosa e identificado como autor de um crime de latrocínio ocorrido em abril de 2020, na Zona Rural de Macaíba.

As diligências foram iniciadas após o recebimento de denúncias anônimas sobre a localização de Marcos Antonio, que estaria em posse de uma arma de fogo. As equipes se deslocaram ao endereço informado e constataram a veracidade da informação. Na ocasião, o suspeito percebeu a chegada da equipe e efetuou diversos disparos contra os policiais. No confronto, ele foi atingido por disparos de arma de fogo e socorrido à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), porém não resistiu e foi a óbito.

Marcos Antonio estava em posse de um revólver calibre 38, utilizado no ataque contra os policiais, 42 munições calibre 38 e cinco munições deflagradas calibre 38. A operação foi coordenada e executada pela equipe da Delegacia de Macaíba, com apoio da Força Tarefa do Ministério da Justiça (FT NUDEM Mossoró/RN – SEOPI).  A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181 ou pelo número da Delegacia Municipal de Macaíba: 98114-4042.

Operação “Parabellum”

O nome da operação remete ao provérbio latino “si vis pacem, parabellum”, que significa “se quer paz, prepare-se para a guerra”, tendo em vista as diversas ações policiais de combate às facções criminosas que têm atuado na cidade.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS


Polícia Civil cumpre 8 mandados em “Operação 1814” em Assu

Presos na operação policial em Assu

Policiais Civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado – DEICOR, das Delegacias Municipais de Assu e Caraúbas, bem como da DENARC/Mossoró, deflagraram uma operação na manhã de hoje (28/04/2021), com o objetivo de cumprir mandados de prisões preventivas em desfavor de pessoas suspeitas de comercializarem entorpecentes na cidade.

Foram presos ANA BEATRIZ PEREIRA DA SILVA, “Buda”, natural de Assu/RN, com 29 anos; FRANCISCO DE ASSIS ALBANO BEZERRA, o “Buiu”, natural de Natal/RN, com 33 anos; FRANCISCO FERNANDES SOARES, “Iguinho”, natural de Assu, com 26 anos de idade; WENIO GUILHERME, “Edinho”, natural de Ipanguaçu, com 36 anos; PEDRO COSTA SILVA JÚNIOR, “Juninho”, natural de Assu, com 22 anos; JOÃO BATISTA FERNANDES DA FÉ, “João da Fé”, natural de Assu, com 60 anos; JACKSON ALVES DE SOUZA, “Jacó”, natural de Assu, com 28 anos de idade e e ADRIANO NAZARENO TAVARES que já está preso na cadeia Pública de Mossoró.

Ana Beatriz, também foi presa

A primeira fase dessa operação na cidade de ASSU ocorreu entre os dias 11 e 17 de fevereiro, a qual resultou no cumprimento de 07 mandados de prisão.

A investigação se deu de forma integra entre a DEICOR e a DM de ASSU.

Todos os presos foram ouvidos e encaminhados para o sistema prisional, onde permanecerão à disposição da Justiça.

A DEICOR continua com as investigações para identificar e prender o maior número possível de faccionados envolvidos com crimes em todo o Estado.

A Polícia Civil pede para que a população continue enviando informações de forma anônima, através do disque denúncia 181, disque DEICOR (84) 3232-2862 ou ZAP DEICOR (84) 98135-6796.


Polícia Civil deflagra operação 1814 em Assu/RN

Deicor deflagra operação em Assu

Nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (28), a Divisão Especial de Investigação e Combate ao Crime Organizado – DEICOR da Polícia Civil, deflagrou uma operação integrada entre as delegacias de ASSU, CARAÚBAS e a DENARC MOSSORÓ.

O nome da operação “1814” e faz alusão a uma facção criminosa, cujos integrantes são alvos de investigação.

A Polícia Civil pede para que a população que continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181, Disque DEICOR (84) 3232-2862 ou ZAP DEICOR  (84) 98135-6796.


Polícia Civil prende dois e apreende fuzis que seriam usados em resgate de preso em presídio

Armas e munições foram apreendidas na ação

Policiais Civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), com apoio da DEPATRI/PCPE E SERES/PE, deflagraram, nesta sexta-feira (23), a operação “Senhor das Armas”, com o objetivo de apreender armas de grosso calibre e munições que seriam utilizados no resgate de presos em um presídio no Rio Grande do Norte.

Durante as diligências realizadas na cidade de São Pedro do Potengi, foram presos: Miguel Cabral Nasser Filho, conhecido como “Miguelzinho”, de 27 anos e Francisco Felix da Silva, conhecido como “Chico Veio”, de 50 anos. Eles estavam portando dois fuzis colt de calibre 5,56, uma pistola .40, centenas de munições de vários calibre, além de drogas para consumo, balança de precisão e várias anotações.

Os suspeitos foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e em seguida encaminhados ao sistema prisional.

Com essas apreensões, já somam cinco fuzis recuperados apenas no mês de abril, os quais seriam utilizados no plano de resgate de presos. As investigações continuam para identificar e prender os demais envolvidos.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181, ou do número da DEICOR: (84) 3232-2862 e (84) 98135-6796 (Whatsapp).

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS


Polícia Civil de Caicó apreende revólver e espingarda em residência na zona oeste

Armas e munições foram encontradas na casa de alvo de mandado

Policiais civis de Caicó, cumpriram mandado de busca e apreensão nesta sexta-feira (23), em uma residência no Bairro Walfredo Gurgel, na zona oeste da cidade.

O alvo foi ALEXANDRE PINHEIRO GALVÃO, também conhecido como “Galego de Bastinha”. Com ele, foram encontradas duas armas de fogo, sendo um revólver municiado e uma espingarda bate-buxa.

O delegado Leonardo Germano, disse ao Blog Sidney Silva, que o homem foi preso em flagrante, conduzido a Delegacia, onde foi autuado por posse ilegal de arma de fogo, pagou fiança e foi liberado.


Polícia Civil prende suspeito do assassinado de adolescente de 15 anos em Caicó

Ricardo Leandro teve o corpo encontrado no dia 19 de março

A Polícia Civil de Caicó, prendeu na manhã desta sexta-feira (23), um homem suspeito de ter assassinado o adolescente, Ricardo Leandro Lima da Costa, de 15 anos, no dia 19 de março.

O homem está sendo conduzido para a Delegacia de Polícia, onde será ouvido.

*Aguardem novas informações…


Um morre e seis são presos em operação da polícia contra facção criminosa em Macaíba

Polícia Civil realizou operação em Macaíba – (Foto: Divulgação/Polícia Civil/RN)

Policiais civis da Delegacia Municipal de Macaíba prenderam na manhã desta quarta-feira (14) seis suspeitos de integrarem uma facção criminosa que, segundo investigações, têm participações nos últimos acontecimentos criminosos na cidade. Um outro suspeito foi morto após reagir a abordagem e um adolescente de 16 anos também acabou apreendido.

Essa ação corresponde à 16ª fase da Operação Parabellum, que visa desarticular a ação de organizações criminosas em Macaíba. Essa fase foi iniciada após a prisão, na terça-feira (13), de um dos líderes da facção criminosa, que também é investigado pelo crime de homicídio.

Durante a manhã desta quarta, os policiais realizaram um cerco em uma região conhecida como “Baixa”. A investigações da Polícia Civil apontavam que um grupo de criminosos havia chegado à Macaíba vindo de outras cidades para fortalecer a facção e duelarem contra uma facção rival.

Durante a ação, os suspeitos tentaram fugir. Um dos envolvidos atirou diversas vezes contra os policiais e acabou sendo atingido. O suspeito chegou a ser levado para um hospital da cidade, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Ele foi identificado como Francisco Moelho Rocha Almeida, 34 anos, e possuía mandado de prisão em aberto.

Com os suspeitos, estavam dois revólveres calibre 38 e 10 munições, além de duas já deflagradas. Havia ainda 21 porções de maconha prontas para a comercialização e R$ 154 em dinheiro fracionado. A operação contou com o apoio da Força Tarefa do Ministério da Justiça (FT NUDEM Mossoró/RN – SEOPI).

Na Delegacia de Macaíba, os suspeitos foram autuados pelos crimes de:

Integrar organização criminosa armada e com a presença de adolescente

Tráfico de drogas

Associação para o tráfico de drogas

Posse ilegal de arma de fogo e munições de uso permitido

Receptação e corrupção de menores

Em seguida, eles foram encaminhados ao sistema prisional, onde estão à disposição da Justiça.

O adolescente de 16 anos apreendido foi levado ao Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (CASEP). Ele já estava sendo investigado e procurado pela Polícia Civil suspeito de envolvimento nos últimos homicídios ocorridos na cidade.

G1/RN


Polícia Civil incinera aproximadamente meia tonelada de drogas

Droga foram incineradas pela Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia Especializada de Narcóticos (DENARC) incineraram, na manhã de sexta-feira (09), cerca de 480 quilos de drogas que foram apreendidos ao longo das operações realizadas no período de 6 meses.

Todo material entorpecente foi incinerado em uma fábrica de cerâmica em São Gonçalo do Amarante, na presença de representantes do Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP), da Vigilância Sanitária e do Ministério Público.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, através do Disque Denúncia 181, que possam contribuir para que o trabalho de combate ao tráfico de drogas continue a ser realizado com êxito.

Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS


Polícia Civil e SET-RN apreendem cigarros ilegais na Ceasa

Cigarros apreendidos na ação

Policiais Civis do Departamento de Combate a Corrupção e Lavagem de Dinheiro (DECCOR-LD), em conjunto com auditores fiscais da Secretaria Estadual de Tributação (SET-RN), apreenderam, nesta quarta-feira (08), aproximadamente 11 mil maços de cigarros ilegais. A mercadoria estava sendo comercializada sem o selo tributário e de forma imprópria para consumo, na Central de Abastecimento do Estado (Ceasa/RN), em Natal.

Após o recebimento de uma denúncia anônima, os policiais da DECCOR-LD se dirigiram à CEASA e verificaram que no comércio havia cigarros ilegais, em uma das bancas localizadas no interior da Central. O proprietário do estabelecimento foi preso em flagrante pelos crimes de receptação qualificada, de vender mercadoria sem selo tributário e de expor mercadoria imprópria para consumo. Com ele, os policiais apreenderam R$ 6.200,00 (seis mil e duzentos reais), além de um veículo.

Parte das mercadorias de origem nacional apresentava irregularidade na documentação fiscal e a maior parte se tratava de produtos contrabandeados. Esses cigarros não cumprem as exigências da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e representam risco para o consumo. Como a maioria dos produtos era importada, a carga foi direcionada para ser processada e incinerada pelos auditores da Receita Federal, órgão responsável pela autuação de mercadorias importadas ilegalmente.

Os cigarros nacionais que estavam sendo comercializados pelo estabelecimento foram contabilizados e um auto de infração aplicado pelo não cumprimento das obrigações tributárias. O Rio Grande do Norte registra perdas de arrecadação da ordem de mais de 50% nos últimos cinco anos devido à distribuição ilegal desse produto. O montante anual caiu de R$ 64 milhões para R$ 33 milhões.

O suspeito foi conduzido à delegacia, para autuação em flagrante e, em seguida, será encaminhado ao sistema prisional.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.


Dupla é presa no RN após estuprar bebê de 4 meses e postar vídeo nas redes sociais, diz polícia

Polícia de Canguaretama investiga o caso

A Polícia Militar prendeu e levou à delegacia um homem e uma travesti suspeitos de estupro contra um bebê de 4 meses no interior do Rio Grande do Norte. Um adolescente, que é irmão da vítima e teria participado do crime, também se apresentou à Polícia Civil no final da manhã desta quinta-feira (8). Um vídeo do crime foi postado pelos próprios envolvidos nas redes sociais.

Segundo o sargento Francisco Marinho, da Polícia Militar, o crime cometido seria o estupro de vulnerável. O caso aconteceu na tarde desta quarta-feira (7) em Canguaretama, no Litoral Sul, foi filmado por um dos envolvidos e compartilhado nas redes sociais.

Nas imagens, o adolescente e outro jovem aparecem “manipulando” o órgão sexual do bebê. O terceiro envolvido filmava a cena.

Eles fizeram a filmagem como masturbando a criança e postaram nas redes sociais. Essas imagens repercutiram muito na região, chegaram ao nosso conhecimento e realizamos a prisão em flagrante, por estupro de vulnerável“, afirmou o sargento.

*Leia AQUI a notícia na íntegra do G1/RN


Polícia Civil deflagra 15ª fase da Operação “Parabellum” em Macaíba; Caicoense foi preso

Policiais civis da Delegacia Municipal de Macaíba, em ação conjunta com policiais da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (DEFUR) e da Força Tarefa do Ministério da Justiça (FT NUDEM Mossoró/RN – SEOPI), deflagraram, nesta segunda-feira (05), a 15ª fase da Operação “Parabellum”, com o objetivo de desarticular a atuação de organizações criminosas na cidade de Macaíba.

A ação foi deflagrada na região conhecida como “Baixa”, localizada no centro da cidade de Macaíba. Durante as investigações, as equipes de policiais conseguiram identificar onde estava escondido Mailson Cleberson Costa do Nascimento, conhecido como “Pipi”, 19 anos. Ele é apontado como integrante de uma facção criminosa e autor de mais de 10 homicídios ocorridos somente em 2021.

De acordo com investigações, Mailson Cleberson estaria utilizando informações privilegiadas, por ter integrado a facção criminosa rival, para cometer os crimes. O suspeito desempenharia, atualmente, função de comando na atuação da facção no local e seria o autor do homicídio ocorrido no último sábado (04), o qual vitimou uma mulher que, segundo ele, estaria passando informações para a facção rival.

Para intimidar os rivais, Mailson Cleberson gravava e divulgava, nas redes sociais, para ampla circulação, vídeos, fotos e áudios ostentando armas e confessando crimes de homicídios. As mídias chegaram ao conhecimento da Polícia Civil e foram confirmadas após apreensões de aparelhos celulares, em outras ações realizadas pela equipe.

Durante a operação, alguns suspeitos conseguiram fugir, porém o alvo da ação, Mailson Cleberson, foi cercado e abordado. Na ocasião, ele não atendeu aos comandos e tentou reagir com uma arma de fogo, mas foi contido pelos policiais, sendo socorrido à unidade hospitalar. Com o suspeito, foram apreendidos um revólver calibre.38 e diversas munições de diferentes calibres.

Caicoense preso

Ainda durante a operação, foi detido o caicoense, Thasyle de Assis Miranda, 26 anos, que já havia sido preso em 2019, pela Polícia Civil, no mesmo local, em razão de envolvimento na morte de uma criança e o padrasto dela, no bairro Cajupiranga, em Parnamirim. O suspeito também é apontado como integrante da facção. Ele foi encontrado pelos policiais com munições de uso restrito e de uso permitido.

Os dois suspeitos foram conduzidos à delegacia, onde foram autuados em flagrante pelos crimes de posse ilegal de arma de fogo e munições de uso restrito e permitido, além de receptação e por integrarem organização criminosa armada. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181 ou pelo número da Delegacia Municipal de Macaíba: 98114-4042.

Operação “Parabellum”

O nome da operação remete ao provérbio latino “se vis pacem, parabellum”, que significa “se quer paz, prepare-se para a guerra”, tendo em vista as diversas ações policiais de combate às facções criminosas que têm atuado na cidade.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS


Polícia Civil cumpriu mandados de busca na zona oeste de Caicó

Polícia Civil deu cumprimento aos mandados neste sábado

Policiais civis deram cumprimento a mandados de busca e apreensão na manhã deste sábado (27), em residências localizadas nas Ruas Cícero Romão e Odilon Lebarre, no Bairro Walfredo Gurgel, zona oeste de Caicó.

O delegado Ricardo Brito, que coordenou a ação, disse ao Blog Sidney Silva, que nada de ilícito foi encontrado. As equipes, também, tinham informações que os endereços serviam de esconderijos para foragidos da Justiça e como ponto de venda de drogas.

A Polícia Civil pede a população para que continue repassando informações pelo WhatSapp da Delegacia de Caicó. O anonimato é garantido. As denúncias podem ser encaminhadas para o (84) 3421-6029.


Corpos encontrados no açude Caldeirão em Parelhas são identificados

Local onde os corpos foram encontrados em Parelhas

Os dois homens que estavam desaparecidos e foram encontrados mortos, na manhã desta sexta-feira (26), foram identificados como Artur de Sousa Azevedo, residente no Centro de Parelhas e Denies Nascimento Morais, conhecido como “Chio”. Era por volta das 08h20min quando policiais militares os localizaram.

O delegado Rafael Câmara, disse ao Blog do Sidney Silva, que a investigação realizada já apontou dois nomes de pessoas suspeitas de praticar o crime.


Polícia de Caicó encontra placas de motos roubadas na casa de um dos presos com pistola .40

Placas encontradas na casa de um dos presos com pistola

Dando andamento a ocorrência que teve início na tarde desta quinta-feira (25), quando dois homens foram presos em abordagem na ponte sobre o Rio Barra Nova, na casa de um deles, a polícia encontrou 3 placas de veículos, sendo uma de carro e duas de motos, essas, com queixa de roubo.

Os presos foram identificados como Robson Rodrigues dos Santos, o “DVD”, de 35 anos, natural de Patos/PB, e Ítalo da Costa Medeiros, de 22 anos, natural de Caicó/RN.

O comandante do 6º BPM de Caicó e do CPR-II, tenente-coronel Walmary Costa, disse ao Blog Sidney Silva, que não se pode negar a coincidência nos fatos. “A arma apreendida, é de calibre ponto 40 e as que foram usadas para matar algumas pessoas em Caicó nas últimas semanas, como o Gabriel Pesadão, Aladim e o Antônio, eram do mesmo calibre. Eu não estou dizendo que foram esses dois indivíduos que mataram essas pessoas, mas, é muito coincidência“, comentou.


Polícia Civil investiga latrocínio registrado nesta manhã em Caicó

Antônio Pereira foi morto a tiros

Um homem foi assassinado com disparos de arma de fogo na Rua Coronel Bebem, no Bairro Paraíba, na manhã desta quarta-feira (24). As primeiras informações apuradas no local, dão conta que a vítima identificada como Antônio Pereira dos Santos, de 51 anos, foi abordado por dois homens de moto e que um deles efetuou os disparos que tiraram sua vida.

A esposa de Antônio, contou aos policiais que ele estava com uma pochete e dentro continha R$ 5 mil em dinheiro que seria da venda de 1 terreno realizada nesta terça-feira. O dinheiro não foi encontrado e a pochete estava no chão ao lado do corpo e, vazia.

Os policiais encontradas, no local do crime, várias capsulas de pistola ponto 40.

A Polícia Civil vai investigar se a vítima reagiu e por isso foi morta pelos dois homens que fugiram com destino ignorado.


Assassina disse que era ameaçada e chantageada por companheira caicoense

Marilene da Silva disse que temia ser morta

Após ser presa em uma pousada na cidade de Campina Grande/PB, Marilene da Silva Ramos, de 45 anos, confessou que matou a caicoense, Gilimara Santos da Costa, de 25 anos, com golpes de faca, na manhã de sábado, dia 19 de março, em João Pessoa.

Em sua defesa, ela alegou que fez para não morrer, pois, vinha, há dois anos sendo chantageada e ameaçada pela companheira (Gilimara), que dizia que ia entregá-la à polícia por causa de um mandado de prisão de homicídio cometido no Rio Grande do Norte. Ela também afirmou que era dopada pela companheira. A informação foi divulgada pelo G1/PB.

A prisão de Marilene da Silva foi efetuada por força do mandado em aberto no Rio Grande do Norte. Agora, ela será ouvida e autuada pela morte de Gilimara Santos e fica à disposição da Justiça.