Município de Caicó realiza limpeza na área do Distrito Industrial

Área que estava sendo usada para depósito de metralhas, passou por limpeza

A secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos realizou um trabalho de terraplanagem na área que compreende o terreno do Distrito Industrial. No local, alguns populares começaram a jogar lixo e, em pouco tempo, foi formado um lixão com uma grande quantidade de metralhas, detritos residenciais e industriais.

A prefeitura de Caicó também vai providenciar a colocação de placas proibindo a comunidade de jogar lixo na área do distrito Industrial. A placa faz alusão à Lei Nº 9605, a chamada Lei de Crimes Ambientais, que dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente.

Segundo o artigo 54, “causar poluição de qualquer natureza em níveis tais que resultem ou possam resultar em danos à saúde humana, ou que provoquem a mortandade de animais ou a destruição significativa da flora” pode resultar na pena de reclusão, de um a quatro anos, e multa.



Escola municipal de Caicó realiza projeto de reciclagem e cidadania

Nesta quarta-feira (14), a Escola Municipal Olívia Pereira Rodrigues realizou a culminância do projeto “Lixo: Compromisso de todos na construção da cidadania”. A programação constou de exposição dos trabalhos realizados ao longo do semestre pelos alunos.

A diretora da unidade de ensino, Deusa Maria dos Santos, destacou que o projeto foi desenvolvido a partir de um pedido da secretaria municipal de Educação, onde orientou as escolas do Município para desenvolver projetos pedagógicos com o tema lixo. “Inclusive esse foi o tema do nosso desfile cívico de 07 de setembro. O trabalho foi desenvolvido nos meses de agosto, setembro, outubro e novembro”, disse a diretora. Ela destacou que o projeto foi trabalhado através de aulas expositivas, filmes, oficinas, seminários, viagens de estudo a ASCAMARCA e ao aterro controlado no município de São José do Seridó. Cada turma ficou com um tema que foi distribuído entre os alunos participantes do projeto.

A exposição teve apresentação de paródias, músicas coreografadas, os trabalhos expostos foram confeccionados pelas crianças junto com os professores e a visitação foi bastante significativa nos dois turnos com uma grande interação dos pais e da comunidade.



ADEPOL publica nova lista de candidatos a Delegado Geral

A Comissão eleitoral formada para conduzir a eleição para delegado geral promovida pela Associação dos Delegados de Polícia Civil do RN (ADEPOL/RN),  deferiu recursos protocolados por delegados de polícia interessados em incluir ou excluir seu nome como candidato na lista tríplice que será apresentada a governadora eleita do estado, Fátima Bezerra.

Diante da alteração, uma nova lista será publicada contendo o nome do delegado José Ulisses Nascimento de Souza. E ainda excluindo (também a pedido) os delegados Ben-Hur Cirino de Medeiros, Cristiane Magalhães Ribeiro, Ilzeny Maria de Morais e Adriana Shirley de Freitas Caldas.

O edital foi publicado no último dia 6, abrangendo o nome de todos os delegados da classe especial do estado, os quais tiveram um prazo de cinco dias para pedir exclusão ou inclusão dos seus nomes da lista.

Segue a lista final dos candidatos:

Alexandre Coutinho de Moura Guedes
Alzira Veiga de Medeiros
Ana Claudia Saraiva Gomes
Antonio Caetano Baumann de Azevedo
Carlos Alberto de Queiroz
Elias Nobre de Almeida Neto
Frank José Albuquerque Silva
Fábio Fernandes de Souza
Johnson Kriecer do Vale Peixoto
Jorge Augusto Lobo do Nascimento
Jose Antonio da Silva Junior
João Bosco Vasconcelos de Almeida
Julio Antonio Rocha
Julio Cesar Barbosa da Costa
Luiz Gonzaga de Pontes Lucena
Marcus Dayan Pereira Teixeira de Vasconcelos
Marcus Venicius Cordeiro de Arruda
Matias Laurentino dos Santos Filho
Natanion de Freitas
Odilon Teodósio dos Santos Filho
Olegário César de Mendoza Júnior
Osmir de Oliveira
Pedro Paulo Falcão
Raimundo Rolim de Albuquerque Filho
Renata Lúcia Cunha de Carvalho Sudário Prado
Renato da Silva Oliveira
Stenio Pimentel França Santos
Vanderley Alves Pereira
Vicente Gomes da Costa Filho
José Ulisses Nascimento de Souza



Polícia Civil cumpre mandado de prisão por homicídio

Alessandro Patrick foi preso pela Polícia

Policiais civis da Divisão Especializada em Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) com o apoio da Divisão de Polícia Civil do Oeste (DIVIPOE), Núcleo de Inteligência da Polícia Civil (NIP) e do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP) cumpriram, nesta quarta-feira (14), um mandado de prisão temporária contra Alessandro Patrick Batista Ramos Ferreira, 32 anos.

Ele é suspeito de ter envolvimento no homicídio de Francisco “Kiquica”, que foi assassinado na frente de sua esposa e da filha de 4 anos, dia 7 de novembro na Av. Amintas Barros, bairro de Lagoa Nova.Alessandro Patrick já cumpria pena em regime semiaberto, por tentativa de homicídio. Após as investigações da equipe da DHPP, ficou comprovado que Alessandro esteve no horário e local do homicídio de Kiquica.

Além do cumprimento do mandado de prisão por homicídio, Alessandro Patrick foi encontrado com uma pistola calibre 380, sendo autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.