Caso F. Gomes: Coronel da PM e Dão serão ouvidos no Júri do advogado Rivaldo Dantas

As testemunhas de acusação e de defesa que serão ouvidas em plenário no Julgamento Popular do advogado, Rivaldo Dantas de Farias, acusado de ser um dos mandantes da morte do radialista, Francisco Gomes de Medeiros (F. Gomes), já foram intimadas. O júri está previsto para acontecer no próximo dia 21 de agosto, às 08hs no Fórum Miguel Seabra Fagundes, em Natal.

Entre as testemunhas que serão ouvidas estão, o Coronel da Polícia Militar, Marcos Antônio de Jesus Moreira, que por algum tempo foi apontado pela Polícia Civil como um dos mandantes do crime e o autor material do crime, que já foi sentenciado, João Francisco dos Santos, o Dão.

O coronel, Marcos Moreira, não faz mais parte do processo porque não foi pronunciado para a julgamento.