Investigação da Deicor descobre mais informações do suspeito por movimentar mais de R$ 1 milhão com tráfico de drogas

Amauri Siqueira foi preso com carros de luxo

A investigação da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR) que resultou, na terça-feira (05), na prisão em flagrante de Amauri Júnior Siqueira de Souza, 29 anos, e na apreensão de um adolescente, no bairro Nova Esperança, descobriu novas informações sobre a dupla. Os policiais encontraram patrimônio e objetos roubados com vinculação ao suspeito preso e ao menor apreendido.

O patrimônio descoberto foi uma residência localizada na Rua Parque Embu-Guaçu do bairro Nova Esperança. Testemunhas já confirmaram a passagem de Amaury neste novo endereço. Na residência os policiais encontraram um carro que está com a situação de roubado, com a placa clonada.

De acordo com o delegado Odilon Teodósio, Amauri Júnior possui grande probabilidade de ter ligação com dois casais que foram presos por tráfico de drogas pela Polícia Militar, no dia 20 de novembro deste ano, em um condomínio de Parnamirim. As investigações apontam que Amauri possui uma grande atuação no comércio do tráfico de drogas, chegando a movimentar cifras superiores a R$ 1 milhão de reais.

Amauri Júnior responderá por tráfico de drogas, receptação de três veículos, posse ilegal de arma de fogo e corrupção de menor. Ele foi preso e encaminhado ao Sistema Prisional onde aguardará a decisão da Justiça. As investigações continuam para apurar mais informações.