Ricardo Lagreca afirma que não há surto de meningite no RN

Secretário Lagreca afirma que não exisete surto de meningite no RN
Secretário Lagreca afirma que não exisete surto de meningite no RN – (FOTO: Sidney Silva)

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) realizou coletiva de imprensa sobre os casos de meningite ocorridos no Rio Grande do Norte. A entrevista foi concedida no início da tarde desta quarta-feira (13), com a participação do secretário de estado da Saúde, Ricardo Lagreca, da coordenadora de Promoção à Saúde da Sesap, Cláudia Frederico, e da subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica, Kristiane Fialho.

Segundo Ricardo Lagreca, “não há surto de meningite no estado, já que o número de casos está dentro do esperado pela vigilância epidemiológica e a s ocorrências não se concentraram numa área específica”. Inclusive, destacou o secretário, no mesmo período de 2014, foram confirmados oitos casos da doença, número semelhante ao deste ano.

No período de janeiro a maio de 2015, foram confirmados 10 casos da doença meningocócica em todo o RN, distribuídos pelos seguintes municípios: Natal (2), Parnamirim (2), São José de Mipibu (1), Extremoz (1), Monte Alegre (1), João Câmara (1), Lagoa D’Anta (1) e Ielmo Marinho (1). Do total de casos confirmados, quatro vieram a óbito (Extremoz, Parnamirim, João Câmara e Lagoa D’Anta). Até o momento não há correlação entre os casos.

De acordo com a subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica da Sesap, todas as medidas de controle estão sendo tomadas, que incluem assistência médica, hospitalização imediata, com ênfase no diagnóstico precoce e tratamento adequado, além do monitoramento dos casos, investigação e exames laboratoriais. Kristiane Fialho acrescenta que em caso de sintomas de meningite, como febre alta, dor de cabeça intensa e contínua e manchas vermelhas na pele (petéquias), as pessoas devem procurar imediatamente uma assistência de saúde.