Senado aprova orientação vocacional gratuita para alunos do ensino fundamental

Foto: Jonas Pereira/Agência Senado
Foto: Jonas Pereira/Agência Senado

O Plenário do Senado aprovou em primeiro turno, nesta quarta-feira (13), substitutivo ao Projeto de Lei do Senado que institui a oferta de serviço de orientação profissional para alunos do ensino fundamental. A ideia da proposta, que foi sugerida por estudantes de ensino médio participantes do programa Jovem Senador, é ajudar os alunos na escolha entre os cursos técnicos oferecidos no ensino médio e, ainda, na escolha de um eventual curso superior. O PLS 426/2015 ainda terá que passar por um turno suplementar de votação no Plenário antes de seguir para a Câmara dos Deputados.

Terão direito ao serviço de orientação profissional especializada estudantes da rede pública e bolsistas integrais da rede privada, a partir do último ano do ensino fundamental. A proposta original previa uma orientação profissional somente a partir do segundo ano do ensino médio. O relator, senador Donizeti Nogueira (PT-TO), lembrou que a profissionalização no Brasil já começa no ensino médio, razão pela qual ele alterou o projeto e estabeleceu que essa orientação começasse no último ano do ensino fundamental.