Arleide Ótica topo
Categorias
Pesquisar

“Operação Monstro” prende integrantes de facção criminosa em São Tomé

650x400_3SsvQ60kch9YWaJ0x75d

Policiais civis da 34ª Delegacia de Polícia Civil (DP de São Tomé), com apoio da Polícia Militar do RN, deflagraram, nesta sexta-feira (03), a “Operação Monstro”, que resultou no cumprimento a um mandado de prisão em desfavor de um homem, de 24 anos, apontado como umas das lideranças de uma facção criminosa recém-criada. A ação aconteceu no município de São Tomé, interior do RN.

Segundo as investigações, o homem suspeito, junto com seus comparsas, elaborava e realizava ações criminosas nos últimos dias na cidade. Os crimes praticados eram de extorsão, ameaça e roubos. Com o cerco policial na casa, em que um membro de um grupo criminoso também estava escondido, o principal suspeito empreendeu fuga com uma arma municiada, mas foi detido pela Polícia. Durante as buscas, foram encontrados drogas, celulares e munições. Um segundo homem que estava na casa também foi preso.

Já em outra casa, foi encontrada uma mulher, de 24 anos, integrante da facção criminosa e na posse de drogas. Em outras diligências, foi encontrado e abordado um homem, companheiro da mulher, que abandonou uma arma de fogo, tipo espingarda municiada calibre 12, na casa vizinha, que fora aprendida e apresentada à autoridade policial.

Após as prisões dos quatro suspeitos, algumas vítimas entraram em contato e reconheceram alguns celulares apreendidos. O nome da operação faz alusão à liderança presa, que foi presa hoje (03), e é visto como o vice-líder na hierarquia da facção.

Os quatro presos foram autuados por organização criminosa, tráfico de drogas, sendo também dois por porte ilegal de arma de fogo.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Portal BO

Banner Gov RN
Pesquisar
Categorias
Canal YouTube
WhatsApp