Arleide Ótica topo
Categorias
Pesquisar

Combate à dengue: MPRN reforça vistorias em prédios da instituição pelo Estado

WhatsApp-Image-2024-03-20-at-15.06.39

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) iniciou mais uma etapa da campanha de prevenção das doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti. A instituição está realizando vistorias internas nos prédios em que há funcionamento de Promotorias de Justiça e setores administrativos. O objetivo é aplicar ações preventivas, além de promover uma série de conteúdos educativos para membros, servidores e demais colaboradores da instituição.

Em menos de uma semana, foram vistoriadas as Promotorias de Justiça de Upanema, São José do Campestre, Tangará, Patu, Currais Novos, Campo Grande, Pau dos Ferros, João Câmara, Apodi, Caraúbas, Umarizal, Areia Branca e Santo Antônio. Em Natal, foram realizadas vistorias na sede da Procuradoria Geral de Justiça, e nas sedes das Promotorias localizadas em Lagoa Nova. A instituição promoveu ainda uma reunião com terceirizados para apresentar os protocolos de fiscalização indicados pelas autoridades sanitárias.

“Onde há reservatório d’água, nós estamos checando se está devidamente tampado, se está protegido, se não tem água parada exposta. Conversamos também com os auxiliares de serviço geral para que apliquem a prática de prevenção, que não deixem água parada, que não deixem nenhum reservatório com garrafas e vasilhas que possam acumular água e que estejam sem tampa”, explicou o coordenador regional Joedson Morais, que atua na região Oeste. A campanha do MPRN é conduzida pelo Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Saúde (Caop-Saúde) e conta com o apoio de diversas unidades administrativas.

Dengue
Em fevereiro, o Brasil registrou a marca de mais de 1 milhão de casos de dengue, conforme dados do Ministério da Saúde. No Rio Grande do Norte, já foram registrados 1.431 casos confirmados de doenças como dengue, chikungunya e zika desde o início de 2024, de acordo com o último boletim da Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap).

MPRN

Dr. DINNA Oliveira
Pesquisar
Categorias
WhatsApp
Canal YouTube