Emparn registra poucas chuvas entre terça (16) e quarta-feira (17)

Chuvas registradas foram de pouca intensidade

A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte – Emparn, informou que choveu pouco entre às 7hs da manhã de terça-feira (16) e às 7hs da manhã desta quarta-feira (17). As precipitações foram registradas em apenas cinco cidades, e, todas foram menos que 2 milímetros.

REGIÃO OESTE
Itajá (Emater) 1,8mm

REGIÃO LESTE
Goianinha (Emater) 1,8mm
Baia Formosa (Destilaria Vale Verde) 1,5mm
Natal 1,5mm
Maxaranguape (Particular) 1,0mm



Emparn registrou chuva em 30 municípios no final de semana

A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte – Emparn, divulgou os registros de chuvas ocorridas no estado entre às 07hs da manhã de sexta-feira (12) e às 07hs desta segunda-feira (15).

A maior precipitação foi em Umarizal, com 25 milímetros. Também choveu em outras regiões do estado. Confira a lista:

Região Oeste

Umarizal: 25mm
Assu: 17mm
Baraúna: 16,9mm
Viçosa: 15mm
Itaú: 13,9mm
Ipanguaçu: 9,4mm
Portalegre: 4,8mm
Frutuoso Gomes: 3mm
Janduís: 3mm
Carnaubais: 2,5mm
Alto do Rodrigues: 2,3mm
São Rafael: 1,7mm
São Francisco do Oeste 0,8mm

Região Central

São José do Seridó: 12mm
Caicó: 3,1mm
Cruzeta: 2,9mm
São Fernando: 1,2mm

Região Agreste

João Câmara: 11mm
Bento Fernandes: 4mm
Monte Alegre: 4mm
Bom Jesus: 3,4mm
Vera Cruz: 3,2mm
Nova Cruz: 2mm

Região Leste

Maxaranguape: 7,5mm
Extremoz: 6,6mm
Natal: 6,5mm
Ceará-Mirim: 6,4mm
Senador Georgino Avelino: 5,2mm
Goianinha: 3,5mm
Montanhas: 1,3mm



“Eu credito que teremos inverno, mas, um pouco mais tarde”, diz profeta Chico Elpídeo

Chico Epídeo mostra galhos de uma Jurema que brota lentamente na zona rural de Caicó – (Foto: Sidney Silva)

Sidney Silva (Tribuna do Norte) – A espera do homem do campo pela chuva no semi-árido, é grande. Muitos queriam que o inverno começasse logo por causa da quantidade de anos de seca que castigou a região Nordeste. No Distrito Palma, distante 27 quilômetros da cidade de Caicó, o agricultor, Francisco Elpídeo de Medeiros, de 67 anos, um dos chamados “profetas do tempo”, conta as experiências que indicam se teremos chuvas volumosas ou se serão fracas. É na natureza onde ele encontra os sinais e avisa: “Vai ser um inverno médio”.

Algumas plantas que dizem que o inverno está chegando, não estão se manifestando e outras começaram, mas, de maneira muito lenta. Os animais, por exemplo, o Gavião Vermelho, a Siriema, ainda não deram sinais. Os pássaros que ficam em bando, começam a se acasalar e ainda não aconteceu. Quer dizer… Eu não acredito em um inverno, amanhã (falando da pré-estação chuvosa). Eu credito que teremos inverno, mas, um pouco mais tarde. Eu não acredito no inverno que estão dizendo (se refere aos meteorologistas) que vai ser acima da média. Mas, chove“, disse.

O caicoense, Chico Elpídeo, ainda citou as abelhas entre outros insetos como sendo partes da natureza que dão indícios de bom inverno ou de seca. “As abelhas, não tem “fiação” (não estão procriando). As formigas ainda não se manifestaram“, disse.

Mesmo com falta de sinais por parte dos animais, Elpídeo viu nas plantas indicativos para as chuvas que aliviarão um pouco o sofrimento do homem do campo. “O xiquexique tem dado sinais positivos. O xiquexique é uma das maiores experiências do homem do campo. Ele já deu um alerta. Mais ainda é pouco. O que acontece com ele é que a ponta da galha, ela fica amarelinha. Ela enche o espinho de água. No tronco, o espinho fica mole e aquela ponta cresce um pouco mais, com isso, pode esperar que vem chuva. O xiquexique também prepara uma lã e por trás dela dá um broto que é a sua flor. Se chover hoje, amanhã ele amanhece todo florado“, relata.

Mesmo que de forma lenta, a Jurema, que é uma árvore nativa da Caatinga, também está dando sinais de que a chuva virá. “Ela está cheia de botões adormecidos, aguardando a chuva. Agora, eu estou achando a coisa ainda muito devagar“, afirmou.

Anos de chuva e de seca

O profeta, Chico Elpídeo, finalizou nossa conversa falando sobre os anos de seca e de invernos bons em Caicó: “Eu quero lhe falar sobre o ano ’18’. Esse é o único número na história em que não houve uma seca. Nós tínhamos os anos de 12, 13 e 18, na mesma situação. Os dois primeiros já foram, ou seja, houve seca. “O ano de 1918, não foi bom de inverno. Foram registrados cerca de 520 milímetros. Agora, em 1919, só choveu 107 milímetros em Caicó. Foi uma seca grande. Em 1932, foram 111 milímetros e em 2012, o volume de chuva em Caicó, foi de 125 milímetros. Os anos que mais choveram em Caicó, foram: 1974, com 1.560 milímetros e 1985, com 1.558 milímetros“, contou.




Carnaubais registrou maior chuva das últimas horas com 111 milímetros

As chuvas registradas nas últimas horas no Rio Grande do Norte, foram divulgadas em boletim da Emparn. Os registros ocorreram entre às 07hs da manhã de quarta-feira (10) e às 07hs desta quinta-feira (11). Entre os registros, o maior foi na cidade de Carnaubais, com 111 milímetros.

Confira:

Região Oeste

Carnaubais (Emater) – 111,3mm
Tibau (Prefeitura) – 87,5mm
Alto do Rodrigues (Diba/Baixo Açu) – 59,5mm
Grossos – 48,5mm
Areia Branca (Emater) – 43mm
Açu (Particular) – 38mm
Açu (Emater/St. Casa Forte) – 37,3mm
Ipanguaçu (Emater) – 25,7mm
Mossoró (Prefeitura) – 17,8mm
Baraúna (Emater) – 16,3mm
Gov. Dix-sept Rosado (Particular) – 10,3mm
Itajá (Emater) – 9mm
São Rafael (Particular) – 6,4mm
Paraú (Prefeitura) – 5,7mm
Messias Targino (Prefeitura) – 4,6mm
São Rafael (Emater) – 2,8mm
Janduis (Emater) – 2mm
Rafael Godeiro (Emater) – 0,7mm
Upanema (Prefeitura) – 0,4mm
Apodi (Base Física Emparn) – 0,3mm
Ipanguaçu (Base Física da Emparn) – 0,3mm

Região Central

Pedra Preta (Emater) – 10mm
Angicos (Prefeitura) – 5,5mm
Santana do Matos (Emater) 5,5mm
Fernando Pedroza (Emater) – 2,3mm
São Fernando (Emater) – 2,1mm

Região Agreste

Monte Alegre (Emater) – 19mm
Santo Antonio (Emater) – 15,7mm
Vera Cruz (Emater) – 9,4mm
Serrinha (Emater) – 7,2mm
Bento Fernandes (Riacho dos Paus-part.) – 6mm
São Paulo do Potengi (Emater) – 6mm
Boa Saúde (Emater) – 5,9mm
Sitio Novo (Prefeitura) – 4,5mm
Bom Jesus (Particular) – 2,7mm
Ielmo Marinho (Prefeitura) – 2mm
Monte das Gameleiras (Emater) – 2mm
Tangará (Emater) – 2mm
São Tomé (Emater) – 1,6mm

Região Leste

Senador Georgino Avelino (Particular) – 49,3mm
Extremoz (Emater) – 36,1mm
Taipú (Particular) – 33,5mm
Ceara Mirim (Prefeitura) – 28,8mm
Natal – 25,2mm
Parnamirim (Base Física Da Emparn) – 17,3mm
São Gonçalo do Amarante (Base Física da Emparn) – 13,5mm
Montanhas (Prefeitura) – 12,7mm
Baia Formosa (Destilaria Vale Verde) – 12,3mm
Canguaretama (Emater/barra De Cunhau) – 11,1mm
Maxaranguape (Particular) – 4,5mm
Pureza (Emater) – 3,9mm




Choveu em apenas duas cidades do RN nas últimas 24hs

Em apenas duas cidades do Rio Grande do Norte foram registradas chuvas entre às 07hs da manhã de terça-feira (09) e 07hs da manhã desta quarta-feira (10). A informação foi divulgada no boletim da Emparn. As informações dão conta que choveu em Paraú, 0,9mm e em Canguaretama, 2,6mm.

A Emparn está informando também que nas próximas 24hs, continuará atuando no Nordeste, o Vórtice Ciclônico de Ar Superior, o que manterá a condição de céu parcialmente nublado com ocorrência de pancadas de chuvas em todas as regiões do estado.



Francisco Dantas/RN registrou chuva de 80mm; Veja registros de outras cidades

Novo boletim divulgado pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte – EMPARN, informa que choveu em 34 pontos de captação (cidades) entre às 07hs da manhã do dia 08 e às 07hs da manhã do dia 09.

A maior chuva foi registrada na cidade de Francisco Dantas, na região Oeste do Estado. A precipitação foi de 80 milímetros.

Confira os registros:

REGIÃO OESTE POTIGUAR

Francisco Dantas (Emater) 80mm
Marcelino Vieira (Emater) 57mm
Pau dos Ferros (Particular) 53mm
Rafael Fernandes (Emater) 41,8mm
Pilões (Prefeitura) 32mm
Dr. Severiano (Emater) 24mm
Água Nova (Prefeitura) 23mm
Alexandria (Emater) 23mm
São Francisco do Oeste (Prefeitura) 19,5mm
Major Sales (Prefeitura) 11,5mm
Itajá (Emater) 10mm
Tenente Ananias (Emater-St Mororó) 9mm
Parana (Emater) 6,5mm
Patu (Particular) 6mm
Rafael Godeiro (Emater) 6mm
Martins (Particular) 5,8mm
Assu (Emater/St. Casa Forte) 5,5mm
Portalegre (Particular) 4mm
Coronel João Pessoa (Emater) 3mm
Luis Gomes (Delegacia) 3mm
Frutuoso Gomes (Emater) 2mm
Lucrécia (Emater) 1,7mm
São Miguel (Emater) 1,5mm
Serrinha dos Pintos (Prefeitura) 0,8mm
Paraú (Prefeitura) 0,7mm

REGIÃO CENTRAL POTIGUAR

Santana do Seridó (Emater) 37,5mm
Caicó (Açude Itans) 4,4mm
Santana do Matos (Emater) 2mm
Florânia (Sitio Jucuri) 1mm

REGIÃO AGRESTE POTIGUAR

Sítio Novo (Prefeitura) 5mm
Tangará (Emater) 3mm
Bom Jesus (Particular) 1mm

REGIÃO LESTE POTIGUAR

Baia Formosa (Destilaria Vale Verde) 2,4mm
Parnamirim (Base Física da Emparn) 1,5mm



Açudes do Ceará recebem 1 milhão de metros cúbicos de água com as primeiras chuvas do ano

Do G1/CE – As primeiras chuvas de 2018 garantiram um aporte de 1 milhão de metros cúbicos de água aos reservatórios cearenses monitorados pela Companhia de Gestão de Recursos Hídricos (Cogerh). O volume é suficiente para abastecer uma cidade de 150 mil habitantes durante um mês, conforme a companhia.

Apesar do alívio das chuvas, a situação segue crítica no Ceará. A capacidade total dos 155 açudes monitorados pela Cogerh é 18,6 bilhões de m³ e apresentam atualmente volume de 1,31 bilhão m³ (7% da capacidade total).

Nesta segunda-feira (8), houve aporte nos açudes Lima Campos e Thomás Osterne, da bacia do Salgado, e Canoas, da bacia do Alto Jaguaribe. Foram registradas chuvas em 26 postos pluviométricos monitorados pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).



Emparn registrou chuva em 29 cidades do RN entre os dias 05 e 08 de janeiro

A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte – Emparn, divulgou nesta segunda-feira (08), o boletim com os registros das chuvas entre os dias 05 e 08 de janeiro em pelo menos 29 municípios potiguares.

Confira:

Campo Grande (Particular 2) – 43,5mm
Campo Grande (Particular) 26mm
Major Sales (Prefeitura) 13,5mm
Janduis (Emater) 11mm
São Rafael (Emater) 9,9mm
Pau dos Ferros (Particular) 8mm
Alto do Rodrigues (Diba/Baixo Assu) 7,5mm
Parana (Emater) 7,5mm
Portalegre (Particular) 4,9mm
Barauna (Emater) 3,5mm
Sao Rafael (Particular Ii) 3,5mm
Vicosa (Prefeitura) 2,4mm
Luis Gomes (Delegacia) 2mm
Ipanguacu (Emater) 1mm
Marcelino Vieira (Emater) 1mm

MESORREGIAO CENTRAL POTIGUAR

São Jose do Seridó (Associação Usuários Água) 40mm
São Jose do Seridó (Fz Caatinga Grande) 24,7mm
Fernando Pedroza (Emater) 24mm
São João do Sabugi (Emater) 19mm
Caicara do Rio dos Ventos (Particular) 14,7mm
São Fernando (Emater) 12,3mm
Florânia (Sítio Jucuri) 11,6mm
Cruzeta (Base Física da Emparn) 9mm
Jardim do Seridó (Emater/passagem) 5,9mm
Acari (Particular) 0,7mm
Angicos (Prefeitura) 0,4mm

MESORREGIAO LESTE POTIGUAR

Parnamirim (Base Física da Emparn) 5,2mm
São Gonçalo do Amarante (Base Física da Emparn) 3,8mm
Baia Formosa (Destilaria Vale Verde) 0,4mm



Emparn registou chuvas em 27 cidades potiguares entre os dias 22 e 26 de dezembro

Em tempo, a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte – EMPARN, divulgou os registros de chuvas entre os dias 22 e 26 de dezembro, passados. Choveu em 27 cidades do estado. Confira os registros:

MESORREGIAO OESTE POTIGUAR

Jose Da Penha(Emater) 25mm
Agua Nova(Prefeitura) 23mm
Marcelino Vieira(Emater) 17mm
Pau Dos Ferros(Particular) 10mm
Major Sales(Prefeitura) 8,8mm
Tenente Ananias(Emater-st Mororo) 7mm
Severiano Melo(Prefeitura) 5mm
Sao Francisco Do Oeste(Prefeitura) 3,4mm
Janduis(Emater) 1mm

MESORREGIAO CENTRAL POTIGUAR

Lajes(Prefeitura) 2,3mm

MESORREGIAO AGRESTE POTIGUAR

Joao Camara(Centro Saude) 16,8mm
Monte Alegre(Emater) 4mm
Monte Das Gameleiras(Emater) 3mm
Bom Jesus(Particular) 2,6mm
Rui Barbosa(Emater) 2,5mm
Ielmo Marinho(Prefeitura) 2mm
Sitio Novo(Prefeitura) 1,5mm
Tangara(Emater) 1,5mm

MESORREGIAO LESTE POTIGUAR

São Gonçalo Do Amarante (Base Fisica da Emparn) 17,9mm
Pureza (Emater) 13,3mm
Ceará Mirim 12mm
Natal 9,7mm
Parnamirim (Base Física da Emparn) 6,5mm
Montanhas(Prefeitura) 6,2mm
Macaíba (Piripiri) 3,2mm
Extremoz(Emater) 3,1mm
Senador Georgino Avelino(Particular) 2,3mm