Anunciado outro aumento no preço da Gasolina e do Diesel que vale a partir desta sexta (19)

Preços vão aumentar novamente

A Petrobras anunciou nesta quinta-feira (18) mais um aumento dos preços médios de venda às distribuidores da gasolina e do diesel, que deverá vigorar a partir de sexta-feira (19), segundo comunicado da estatal.

O preço médio de venda de gasolina nas refinarias da Petrobras passará a ser de R$ 2,48 por litro, refletindo aumento médio de R$ 0,23 por litro. Já o preço médio de venda de diesel passará a ser de R$ 2,58 por litro, refletindo aumento médio de R$ 0,34 por litro.

É a quarta alta do ano nos preços da gasolina, e a terceira no valor do litro do diesel. Em dezembro, o litro da gasolina custava em média R$ 1,84. Já o do diesel saía a R$ 2,02.

Com os novos reajustes, o litro da gasolina nas refinarias acumula alta de 34,78% desde o início do ano. Já o diesel subiu 27,7% no mesmo período.

G1


Gasolina sobe 5% a partir de hoje para as distribuidoras

A Petrobrás reajustou em 5% o valor da gasolina e em 4% o óleo diesel S10 e S500. O anúncio foi feito ontem pela estatal, com vigência a partir de hoje (29).

Para o óleo diesel, o valor para as distribuidoras aumentou R$ 0,08 – (Foto: Fernando Frazão/ABr)

Com a medida, o preço médio da gasolina da Petrobras vendida para as distribuidoras aumentou R$ 0,09 e passou a R$ 1,84 por litro. No acumulado do ano, houve redução de 4,1% no preço da gasolina. Segundo a estatal, em 2020 foram feitos 41 reajustes nesse combustível, sendo 20 aumentos e 21 reduções no valor.

Para o óleo diesel, o valor para as distribuidoras aumentou R$ 0,08, chegando a R$ 2,02 por litro. O diesel acumula queda de 13,2 % no ano, em um total de 32 reajustes, com 17 aumentos e 15 reduções no valor.

Agência Brasil


Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras

Novo valor anunciado pela estatal vale a partir de amanhã – (Foto: Agência Brasil)

O preço do litro da gasolina vendida nas refinarias às empresas distribuidoras foi reajustado em 4% pela Petrobras. O novo valor foi anunciado pela estatal nesta terça-feira (22) e vale a partir desta quarta-feira (23). O diesel não sofreu reajuste.

Segundo o último levantamento semanal disponibilizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), entre os dias 16 e 22 de agosto, o preço médio da gasolina comum no país era, na semana pesquisada, de R$ 4,268. O diesel S-500, de R$ 3,374. O etanol, de R$ 2,782. E o gás de cozinha, de R$ 70,05, para o botijão de 13 kg. A ANP está reformulando o sistema de coleta de preços, que deverá ser atualizado em breve, incluindo até 6 mil postos de combustíveis em todo o país.

Continue lendo

Petrobras reajusta em 5% preço do gás de cozinha

Aumento no preço do Botijão de Gás em vista

A Petrobras informou que vai reajustar em 5% o preço médio do gás liquefeito de petróleo (GLP) vendido pela companhia às distribuidoras a partir desta quinta-feira (4). Com isso, o preço médio da Petrobras será equivalente a R$ 24,08 por botijão de 13 quilos (kg). No acumulado do ano, a redução é de 13,4%, ou R$ 3,72 por botijão de gás de cozinha de 13 kg.
 
A Petrobras esclarece que igualou desde novembro de 2019, os preços do gás liquefeito de petróleo para os segmentos residencial e industrial/comercial e que o GLP é vendido pela Petrobras a granel. As distribuidoras são as responsáveis pelo envase em diferentes tipos de botijão e, junto com as revendas, são responsáveis pelos preços ao consumidor final.


Em 23 dias, aumento no número de casos positivos de Covid-19 em Caicó foi de 1280%

Casos em Caicó aumentaram consideravelmente nas últimas semanas

No sábado, dia 30 de maio, a cidade de Caicó, chegou a 69 casos positivos de Covid-19. A informação foi divulgada em boletim da Secretaria Municipal de Saúde.

O Blog Sidney Silva fez as contas com os números.

Em 23 dias, entre 07 e 30 de maio, foram positivadas, em Caicó, 64 pessoas. O aumento foi de 1280%. Se continuar no mesmo passo, em mais 23 dias, teremos 128 ou mais pessoas infectadas pelo vírus.

Outro dado compilado pelo Blog aponta que no mesmo período, em cinco momentos, a quantidade de exames positivos, foi alta.

Do dia 15 para o dia 16, aumento de 6 casos

Do dia 21 para 22, aumento de 5 casos

Do dia 24 para 25, aumento de 8 casos

Do dia 26 para 27, 9 casos

Do dia 28 para 29, 8 casos

No dia 22 de maio, foi registrada a morte da caicoense, Maria das Graças Bezerra, com Covid-19. Ela passou 10 dias internada na Unidade de Terapia Intensiva – UTI do Hospital Regional do Seridó.


Petrobras eleva em 4% preço da gasolina nas refinarias

Preço da gasolina vai ser aumentado nos postos de abastecimento

Do G1 – A Petrobras elevou o preço da gasolina nas refinarias em cerca de 4% nesta quarta-feira (27), na segunda alta em pouco mais de uma semana, em meio à valorização do dólar em relação ao real.

O diesel, em contrapartida, foi mantido estável, segundo informou a petroleira estatal em seu site.

Com a alta, a gasolina atingiu cerca de R$ 1,92 por litro, uma máxima desde o fim de maio, quando chegou a aproximadamente R$ 1,95 por litro, segundo dados da estatal compilados pela Reuters.

O repasse de ajustes de valores nas refinarias aos consumidores finais nos postos depende de diversos fatores, como margens de revendedoras e distribuidoras, misturas de biocombustíveis e impostos.


Conta de luz poderá ter aumento de 2,42% em 2020

Os brasileiros poderão perceber a conta de luz mais cara a partir de 2020. O reajuste previsto tem uma média de 2,42%, segundo consulta pública aberta realizada na última semana pela Agência Nacional de Energia Elétrica, a Aneel. O aumento será sobre o orçamento para a Conta de Desenvolvimento Energético, a CDE, que é um dos subsídios pagos pelos consumidores de energia.

O valor final do orçamento da CDE depende de uma decisão do Tribunal de Contas da União (TCU), que determinou a retirada da CDE de custos de subsídios que não estejam diretamente relacionados às políticas públicas do setor elétrico, como benefícios concedidos a atividades de irrigação na agricultura, por exemplo.

Continue lendo

Preço da gasolina nas refinarias da Petrobras sobe 1,02%

Depois de uma semana sem reajustes no preço da gasolina, a Petrobras anunciou hoje (12) aumento de 1,02% no preço do combustível comercializado em suas refinarias.

A partir de amanhã (13), o litro da gasolina passará a custar R$ 2,2294, dois centavos a mais do que os R$ 2,2069 cobrados desde 5 de setembro.

No mês, o litro do combustível já subiu nove centavos, ou seja, 4,3% a mais do que custava no fim de agosto (R$ 2,1375).

*Agência Brasil