Vereador é morto após tentar impedir assalto em São José de Piranhas, PB, diz polícia

Armas usadas na ação que terminou com a morte do vereador

G1/PB – O vereador Ronaldo Cunha (PDdoB), de São José de Piranhas, no Sertão da Paraíba, foi morto com um tiro na região do tórax na noite desta sexta-feira (13). Segundo informações da Polícia Militar, ele estava em uma praça quando dois homens em uma moto tentaram roubar uma motocicleta de outra pessoa. Ele tentou impedir o assalto e um dos assaltantes o atingiu.

Ainda de acordo com informações da PM, a vítima era um policial reformado e estava no primeiro mandato.

Dois adolescentes suspeitos e uma motocicleta, usada por eles, foram apreendidos e encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Cajazeiras.



Ação do MPRN prende vereador suspeito de envolvimento com milícia em Ceará-Mirim

Uma ação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) prendeu nesta terça-feira (25) Luciano Morais da Silva, vereador do município de Ceará-Mirim. Ele, que também é advogado, é suspeito de envolvimento com uma milícia que atuava na região e de ser o autor intelectual de pelo menos um assassinato registrado na cidade. Segundo as investigações do MPRN e da Força Nacional, Luciano Morais encomendou o homicídio de Micarla Araújo do Nascimento, crime ocorrido em 20 de outubro de 2016, por R$ 4.500.

O crime teria sido motivado pelo fato de Micarla fazer críticas à atuação de Luciano enquanto detentor de cargo público e por, através de uma ordem dele, ter sido presa e torturada. Luciano Morais já havia sido condenado a 4 anos e 8 meses de prisão por essa tortura, crime cometido na época em que era secretário de Defesa Social de Ceará-Mirim. Micarla do Nascimento foi assassinada por volta das 18h30, em Ceará-Mirim, após ser atingida por disparos de arma de fogo, todos na da cabeça e pescoço. No dia do crime, ela foi até a Câmara Municipal no período da tarde, momento em que ocorria sessão legislativa com a presença de Luciano Morais e fez alguns comentários em relação ao vereador.

Ele chegou a ser aconselhada por uma servidora da Casa a deixar o ambiente para evitar uma discussão, aceitando o conselho. Após deixar o prédio, Micarla do Nascimento foi a pé para casa, sendo abordada e executada a tiros por homens que ocupavam um carro.

As investigações do MPRN apontam que Luciano Morais entrou em contato com vários membros relevantes do grupo de extermínio e contratou, segundo relato de colaboradores, a morte de Micarla Araújo. Ela foi assassinada por Damião da Costa Claudino, atualmente detido no presídio federal de Catanduvas/PR; Diego Cruz Silva, presido do sistema carcerário potiguar; Adilson Lima da Cruz, também detido no presídio federal de Catanduvas; e ainda Jackson Botelho e Raimundo Bezerra de Souza, ambos já falecidos.

O MPRN destaca a conduta delitiva do grupo, que não ofertou qualquer espécie de chance de a vítima se defender, matando-a com um número desproporcional de disparos, de forma cruel e desnecessária.

Em relação ao vereador Luciano Morais, o MPRN reforça ser uma pessoa que pode se utilizar se cargo ou conhecimento, como advogado, para coagir testemunhas e demais fontes de provas, sendo a prisão dele uma medida imperiosa para o resguardo da regular instrução criminal.

O coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), órgão do MPRN, Fausto França ressaltou a importância da prisão preventiva de Luciano Morais. “Essa prisão preventiva é importante pela gravidade em concreto do crime e o temor que a situação impõe às testemunhas do processo, o que impossibilita a realização de uma instrução tranquila, caso o réu estivesse em liberdade. A investigação aponta a alta periculosidade dele, fazendo-se necessária a prisão”.



Santana do Matos: MPRN recomenda que vereador condenado por estelionato seja afastado

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) recomendou ao presidente da Câmara de Municipal de Santana do Matos, Josenilson Antônio da Cunha, que promova extinção do mandato eletivo do vereador Magnos José da Costa. Na recomendação, o MPRN pede que seja cessado imediatamente o exercício do mandato.

O vereador Magnos José da Costa foi empossado recentemente em razão do afastamento por decisão judicial de um outro vereador. Magnos José da Costa é condenado criminalmente, com sentença transitada em julgado, por estelionato. Por esse motivo, ele teve os direitos políticos suspensos.

Essa suspensão está prevista no artigo 15 da Constituição Federal, que prevê que “é vedada a cassação de direitos políticos, cuja perda ou suspensão só se dará nos casos de condenação criminal transitada em julgado, enquanto durarem seus efeitos”.

O MPRN deu prazo de 10 dias para o presidente da Câmara de Vereadores responder que medidas irá adotar, acompanhada da respectiva comprovação.

Ainda na recomendação, o MPRN adverte que o descumprimento ensejará a adoção das medidas cabíveis, inclusive pela via judicial.



MPF denuncia vereador de Campo Redondo por desvio de R$ 737 mil

O Ministério Público Federal (MPF) apresentou uma denúncia contra o vereador de Campo Redondo (RN) Carlos Roberto Lucena Barbosa. O réu, também conhecido como Carlinhos da Apami, ocupou o cargo de prefeito da cidade entre 2009 e 2012 e desviou verbas públicas federais do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) correspondentes a mais de R$ 737 mil. O dinheiro deveria ter sido usado para pagar trabalhadores da educação municipal.

No fim do ano de 2012, Carlinhos não pagou os salários dos professores de Campo Redondo referentes aos meses de novembro, dezembro e o 13º. Mesmo recebendo regularmente os recursos do Fundeb, o então prefeito também não realizou o pagamento de dezembro e 13º dos demais funcionários da educação da cidade.

Continue lendo



Vereador é condenado por construção ilegal em sítio arqueológico em Santana do Matos

O Ministério Público Federal (MPF) obteve a condenação do vereador Aírton Ovídio de Azevedo, conhecido como “Mago de Miro”, por realizar uma obra ilegal em área pertencente ao Sítio Arqueológico Santa Maria, no município de Santana do Matos/RN. A área contém pinturas rupestres pré-históricas e pertence à União.

A sentença reforça a liminar concedida no começo do ano e que havia determinado a paralisação das obras. Mago de Miro vinha erguendo uma quadra esportiva e o espaço já contava com alvenaria de tijolos, cimento e armações compostas por vergalhões em ferro. Em uma vistoria realizada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), constatou-se que a prefeitura local sequer havia sido consultada sobre a construção e não emitiu qualquer alvará.

Continue lendo



Seridoense Aldo Clemente se despede da Câmara após decisão judicial

Aldo Clemente discursa pela última vez na Câmara de Vereadores de Natal

Na sessão ordinária da Câmara Municipal de Natal, o vereador Aldo Clemente (PMB) usou a tribuna da Casa para fazer pronunciamento de despedida nesta quarta-feira (30). Com a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), a vaga será ocupada pelo suplente Ary Gomes (PDT), que será empossado no mandato nesta quinta-feira (31).

O parlamentar do PMB disse, em seu discurso, que a “Justiça tem que ser séria, ordeira e que cumpra com seu papel constitucional”. “Uso a tribuna da Câmara não pela ultima vez, mas na vida pública que escolhi, eu não a deixarei. É um até breve”, garantiu.

Durante seu discurso, Aldo Clemente recebeu aparte dos vereadores presentes à sessão ordinária ressaltando a importância de seu trabalho no Parlamento e lamentando a sua saída da Casa Legislativa. Aldo informou que vai recorrer da decisão no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e no Supremo Tribunal Federal (STF).




Vereador de São Mamede/PB é preso por crime de peculato e furto

Vereador Chaguinhas Medeiros foi preso em Patos

A Polícia Civil prendeu na tarde desta segunda-feira (10), o vereador da cidade de São Mamede/PB, Francisco das Chagas Medeiros (Chaguinhas Medeiros), que é filiado ao PSB. Ele está sendo acusado de desvios e apropriação de equipamentos públicos pertencentes a 6ª Gerência Regional de Educação do Estado da Paraíba com sede na cidade de Patos/PB.

O delegado Demétrios Patricius, da Especializada em Roubos de Furtos disse que na semana passada, chegou denúncia dando conta que uma pessoa que se apresentava como Luiz Augusto estava ofertando um equipamento do tipo roteador em um site de compra e venda na internet. Esse equipamento era tombado pelo órgão educacional com sede em Patos. “Checamos e identificamos que realmente o roteador era do Estado. Fizemos diligência e efetuamos a prisão do acusado. Um agente nosso entrou em contato com ele dizendo que tinha interesse em adquirir o equipamento. Foi marcado um encontro em Patos e quando chegou foi dada voz de prisão“, disse.

A pessoa que foi presa, identificada como Arlan Ravele de Araújo Guerra, que se apresentou como Luiz Augusto, vai responder pelo crime de receptação.

O fornecedor dos produtos era na verdade, o vereador Chaguinhas. Nós saímos em diligência aqui e conseguimos localizar o parlamentar. Vários outros equipamentos foram apreendidos“, confirmou o delegado.

Contra o vereador, foi lavrado o auto de prisão em flagrante por crime de peculato e furto. Logo em seguida foi encaminhado ao presídio Romero Nóbrega. Por se tratar de um crime contra a administração pública, não cabe fiança na fase inicial. No caso de Arlan Ravele, ele pagou fiança e foi posto em liberdade.

Na Delegacia de Polícia Civil, acompanhado de advogado, o vereador, exerceu o direito de permanecer em silêncio e só se manifestar na Justiça.



Bezerra Fotógrafo tinha o sonho de ser vereador em Caicó

Bezerra Fotógrafo queria ser vereador em Caicó

O fotógrafo Bezerra que morreu no início da tarde desta segunda-feira (10), chegou a ser atendido no Hospital Regional de Caicó neste domingo (09). Ele sentia forte dor no peito. Na unidade de saúde, recebeu atendimento e ficou internado em observação médica, mas, foi liberado. Ela também era diabético.

Um dos familiares confirmou que Bezerra tinha o sonho de ser vereador da cidade de Caicó, inclusive, em 2011, foi presidente do Conselho Comunitário Bairro Castelo Branco aonde morava. Uma camisa com a frase: Não sou Deus, sou apenas um fotógrafo! seria usada em uma possível campanha a uma vaga no legislativo caicoense.

O fotógrafo Bezerra deixa esposa e cinco filhos.



TRE-RN cassa o mandato do vereador Mariozan em São José do Seridó

O pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte, julgando na tarde desta quinta-feira (06), o processo que tem como relatora, a juíza Berenice Capuxu e que pede a cassação do mandato do vereador Mariozan Medeiros dos Anjos.

A corte eleitoral decidiu, por maioria de votos, em dissonância com o parecer da Procuradoria Regional Eleitoral, com fundamento no art. 22, XIV, da LC 64/90, por cassar o diploma conferido ao vereador do município de São José do Seridó/RN, bem como o declarar inelegível pelo prazo de 8 anos.

De acordo com o que consta na decisão, a denúncia foi em virtude da prática de abuso de poder econômico nas Eleições Municipais de 2016, no município de São José do Seridó/RN.



MP Eleitoral defende cassação de vereador de Jardim de Piranhas

O Ministério Público Eleitoral emitiu parecer favorável à cassação do vereador João Maria Soares de Brito, conhecido como “João Maria de Valdemar Macaco”, eleito em 2016 para a Câmara Municipal de Jardim de Piranhas. Ele teve seu diploma cassado por arrecadação ilícita durante a campanha, mas recorreu ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e se mantém no cargo.

O vereador foi alvo de uma ação de investigação judicial eleitoral (Aije) – proposta pelo Ministério Público Eleitoral junto à 59ª Zona Eleitoral – por não ter esclarecido a origem de R$ 2 mil utilizados em sua campanha e que o candidato apontou como tendo sido doados por um beneficiário do programa Bolsa Família (João Maria de Araújo). Nem o doador, nem o candidato provaram como alguém que recebe tal benefício, em decorrência de sua condição de carência, teria condições de contribuir com R$ 2 mil para uma campanha eleitoral.

Continue lendo



Vivaldo recebe em seu programa o jovem vereador Netinho de Parelhas

Deputado Vivaldo Costa recebe vereador Netinho de Parelhas em seu programa

Quem esteve sendo entrevistado no Programa Mesa Redonda com o Papa Jerimum, do último sábado (22), foi o vereador de Parelhas Netinho (PMDB). No bate papo o vereador destacou alguns dos seus projetos e outros que pretende implantar na cidade.

Netinho Senador, como assim também é conhecido, falou da simpatia que tem a Vivaldo e mesmo não caminhando no mesmo bloco político, sempre gostou da maneira que o deputado faz política. Vivaldo disse estar feliz em receber o talentoso jovem vereador que nasce com a vocação de fazer a política do bem comum. O Papa Jerimum disponibilizou seu mandato para continuar ajudar o povo parelhense.



Lobão diz que Corintians não joga segunda divisão em 2017

Vereador Lobão não será mais candidato a presidente do clube

O presidente do Corintians de Caicó, Raimundo Inácio Filho (Lobão), na mesma entrevista concedida no programa Bola na Rede da Rádio Caicó, afirmou que não tem pretensão de colocar o time para jogar a segunda divisão do Campeonato Potiguar neste ano de 2017. O motivo seria, a falta de recursos financeiros.

Até para botar o time para participar da segunda divisão, é caro. Eu não tenho pretensão de levar o time para a competição. Não farei isso. Ainda hoje, o Corintians tem dívidas para pagar porque fomos disputar o Campeonato Potiguar, então diante disso, nós não temos condições. Eu cheguei a botar dinheiro do meu próprio bolso para o time jogar“, relata.

Fim do mandato

No final do ano, o vereador Lobão, termina seu mandato como presidente do clube caicoense e ele não quer mais disputar o cargo.

Eu não sou mais candidato a presidente do Corintians. Já está decidido. A eleição, quando ocorrer, que o melhor vença e que faça também o melhor pelo clube“, disse.



Vereador elabora Projeto de Lei que proíbe soltura de animais em locais públicos de Caicó

O vereador Anderson Duarte, foi entrevista no programa Comando Geral da Rádio Caicó sobre o projeto de Lei de sua autoria, que trata sobre a proibição de soltura de animais em locais públicos na cidade de Caicó.

Assista a entrevista.



Andinho propõe projeto que proíbe abandono de animais em Caicó

Projeto do vereador Anderson Cleyton quer proibir soltura de animais nas ruas

O vereador Anderson Clayton (PRP) apresentou na sessão desta quarta-feira (19) o Projeto de Lei 021/17 que proíbe o abandono de animais domésticos em ambientes públicos.

Andinho explicou que o não comprimento da lei poderá gerar uma multa de até 3 salários mínimos para o infrator da lei. Para que fique claro para a população a lei em vigor deverá ser instalado em vários estabelecimentos e pontos estratégicos placas de sinalização contendo a lei e a penalidade caso não seja cumprida.

O projeto de Lei apresentado traduz a revolta e insatisfação da população com as pessoas que abandonam os animais domésticos em ambientes públicos. O ato do abandono prejudica severamente tanto aos animais domésticos, como as pessoas que utilizam os referidos espaços“, disse o parlamentar.