Após reunião, prefeitos do Seridó encaminham apelo ao Governo do Estado por ampliação de leitos Covid em Caicó

Prefeitos apelam ao Governo por novos leitos Covid

O prefeito de Caicó/RN, Dr. Tadeu, participou neste domingo (28), de reunião virtual com prefeitos de cidades da região Seridó, para tratar sobre ações conjuntas visando reduzir os impactos do aumento dos casos de Covid-19.

Um dos resultados foi a elaboração de ofício solicitando à governadora Fátima Bezerra o aumento dos leitos Covid em Caicó, a ampliação de serviço para atendimento de pessoas com sintomas leves da doença e o envio de mais vacinas para imunizar a população.

A preocupação do prefeito Dr. Tadeu e dos demais gestores é com o aumento dos casos e a pouca quantidade de vacinas que estão sendo disponibilizadas para imunizar a população.

Em Caicó, a demanda tende a aumentar nas próximas semanas, haja vista o que mostram os números e, com isso, corremos o risco de não ter leitos suficientes para atender a demanda. Por isso, estamos, juntos, encaminhando um apelo ao governo do estado para tentar solucionar essas questões”, disse Dr. Tadeu.

Participaram da reunião, além do Dr. Tadeu, os prefeitos, Odon Jr (Currais Novos), Samuel Souto (Ouro Branco), Serginho (Serra Negra do Norte), Fernando Bezerra (Acari), Luciano Santos (Lagoa Nova), Inácio Macedo (Tenente Laurentino Cruz), Ivanildinho (Timbaúba dos Batistas) e Joaquim de Medeirinho (Cruzeta).


Prefeito Dr. Tadeu visitou Escola e Unidade Básica de Saúde do Bairro Frei Damião

Dr. Tadeu ao lado do Secretário Sérgio Araújo e do presidente da Câmara, Ivanildo dos Santos

O prefeito Dr. Tadeu cumpriu agenda na manhã desta quinta-feira (25), no Bairro Frei Damião, Zona Oeste de Caicó. Lá, ele visitou a Escola Municipal que passará por melhorias para o início do ano letivo, inclusive, o prefeito se comprometeu em instalar um aparelho de ar condicionado para fazer funcionar um laboratório de informática que está parado desde 2010.

A gente quer, mesmo com as dificuldades que encontramos a prefeitura, fazer as melhorias, para que a população tenha uma qualidade de vida melhor e aqui na escola, que as crianças tenham uma educação melhor em um local adequado”, disse Dr. Tadeu.

Ao lado da escola, fica a Unidade Básica de Saúde “João Leite”, que foi construída e está fechada sem funcionamento.

Na UBS do Frei Damião

Nós determinamos a limpeza do prédio para que os atendimentos possam ser retomados o mais rápido possível. A gente precisa dar dignidade a esse lugar. Acreditamos que nos próximos 15 dias, a equipe de Saúde da Família já esteja aqui trabalhando”, disse.

Junto com o prefeito estavam os secretários, Pedro Pereira, da Infraestrutura, Joseane Santos, do Meio Ambiente, Evaneide Nóbrega, da Saúde, além dos vereadores, Ivanildo dos Santos, presidente da Câmara e Alisson Jackson.

Uma das primeiras medidas determinadas pelo prefeito nesta quinta-feira, foi que a equipe de limpeza realizasse a retirada de lixo e entulhos no bairro.


Os passos do Dr. Tadeu em favor do esporte em Caicó

Estádio pode voltar a ser administrado pela Prefeitura – (FOTO: Nakib Libânio)

O prefeito de Caicó, Dr. Tadeu, deu um passo interessante esta semana quando visitou a Secretaria de Esportes do Governo do Estado em busca de apoio para movimentar o setor, principalmente, as atividades amadoras.

Uma das questões tratadas em reunião com o subsecretário da pasta, o caicoense, Canindé de França, foi o repasse da gestão do Estádio O Marizão para a Prefeitura. O equipamento é uma praça que merece ser ainda mais movimentada. A ideia foi do próprio Tadeu.

O estádio O Marizão, que já foi palco de jogos importantíssimos está precisando passar por melhorias em sua estrutura.


Dr. Tadeu apresenta proposta para Prefeitura voltar a administrar estádio ‘O Marizão’

O prefeito de Caicó-RN, Tadeu Alves (PSDB), esteve nesta sexta-feira (19), em em reunião em Natal, com o subsecretário de Esportes do Governo do Estado, Francisco Canindé de França.

Com o objetivo de incentivar o esporte amador, em Caicó, o prefeito Tadeu apresentou a proposta de firmar convênio com o Estado para passar a administrar o estádio “O Marizão” e com isso promover ações esportivas no equipamento público.

Ele ainda tratou sobre a possibilidade de Caicó ter um incremento no programa Nota Potiguar. “Com isso poderíamos viabilizar recursos e ajudar ao esporte amador, local, usufruindo, também, dessa praça esportiva importante que nós temos, que é O Marizão”, disse.

Ainda participaram da reunião, os ex-vereadores caicoenses, Paulo Roberto e Paulo Roque.

Estádio pode voltar a ser administrado pela Prefeitura – (Foto: Naquib Libânio)

Dr. Tadeu leva secretários e vereadores para conhecer o trânsito municipalizado em Assu

Reunião em Assu no Demutran

O prefeito de Caicó, Dr. Tadeu, esteve nesta quarta-feira (17), ao lado dos secretários de Planejamento e Articulação Institucional, Danilo Lopes, e de Infraestrutura, Pedro Pereira e, também, dos vereadores, Júlio César (MDB), Thales Rangel (PDT) e Diogo Silva (PROS), na cidade de Assu, onde conheceram de perto o funcionamento do Departamento Municipal de Trânsito – DEMUTRAN.

A ideia é criar em Caicó, um projeto parecido para gerir o trânsito local, em convênio com a Polícia Rodoviária Estadual e o Detran.

Algumas medidas com o objetivo de fazer fluir o trânsito no município, já estão sendo adotadas. Por exemplo: tornar a Rua Augusto Monteiro como mão única; melhorar a sinalização horizontal e vertical; orientar motoristas e motociclistas e a criação de um local adequado para o estacionamento de vans de transporte intermunicipal de passageiros.

“Estamos encaminhando o convênio entre Prefeitura, DETRAN e CPRE e isso vai ajudar a melhorar o nosso trânsito. Em Assu, já é municipalizado, com estacionamentos para motos, carros, tudo organizado. Por isso fomos conhecer de perto para fazermos o nosso”, disse Dr. Tadeu.


Gestão do prefeito Dr. Tadeu vai pagar os salários de dezembro; Sindicatos aceitaram proposta

Servidores sindicalizados aprovaram propostas da gestão – (Foto: Alexandre Costa)

Depois de um conjunto de negociações e esforços, o município de Caicó e os servidores chegaram a um consenso.

O prefeito de Caicó, Dr. Tadeu, acompanhado do secretário de Tributação e Finanças, Salmo Batista, apresentaram a proposta sobre o débito dos salários deixados sem pagar referente a dezembro de 2020. Será seguido o seguinte cronograma:

30% será pago no dia 19/02/2021
40% será pago no dia 10/03/2021
30% será pago no dia 09/04/2021

Foi um grande esforço, contenção de despesas, trabalho e negociações com os servidores, que reconheceram o nosso esforço em pagar esses salários atrasados em um mês e vinte dias. Estamos colocando Caicó em dia e isso é só o começo”, afirmou o prefeito Dr. Tadeu.

A proposta foi apresentada em assembléia, nesta terça-feira, 16 de fevereiro, às 8 horas, na Ilha de Santana, com o Sindserv, Sindas e Sinsaúde.

Thiago Costa, presidente do Sindserv, Sindicato dos Servidores do Município de Caicó, confirmou que a assembleia dos servidores aprovou a proposta do prefeito de Caicó Dr. Tadeu.

O ideal seria receber todo de uma vez. Mas reconhecemos o esforço da gestão atual em buscar medidas para economizar receitas, destravar INSS, tomar medidas para que o FPM não venha mais zerado. A categoria entende que o prefeito fez o que era possível para o momento”, afirmou o presidente do Sindserv.


Vivaldo Costa destina emenda de 700 mil reais para Caicó; Prefeito vai usar na UPA e no Hospital do Seridó

O deputado estadual, Vivaldo Costa (PSD), confirmou nesta segunda-feira (15), em seu programa de rádio, que está destinando emenda individual, também chamada de impositiva, no valor de R$ 700 mil para Caicó, atendendo a um apelo do prefeito Dr. Tadeu.

Desse total, Tadeu me disse que R$ 300 mil irão para a UPA, que será uma policlínica e os 400 mil restantes, para reequipar o Centro Cirúrgico do Hospital do Seridó”, disse o Papa Jerimum.

O prefeito de Caicó, Dr. Tadeu, esteve na semana passada fazendo visita ao prédio que foi construído para ser uma Unidade de Pronto Atendimento – UPA, no Bairro Salviano Santos, na zona norte.

A UPA ainda precisa passar por algumas melhorias. O prédio foi construído em cima de um riacho e não existe drenagem, nada e, quando chove, ocorre o alagamento do local. Sem falar que a obra foi concluída e o prédio está sem funcionamento há anos, se deteriorando, então, está mais do que na hora de botar para funcionar”, disse.